iLivro

‘Onde Estou? ’, foi o que ele se perguntou, quando olhou para seus lados e viu que não estava mais em seu corpo.

 

“Eu tenho certeza que morri! Mas onde estou? Será que é isso que chama de reencarnação? Mas eu ainda estou consciente de mim mesmo, assim como estou no corpo de uma criança de 12 anos”.

 

Assim que ele acabou de falar, ele percebe que uma enxurrada de memórias, começaram a ser colocadas em sua mente.

 

O fazendo-o ter dor de cabeça.

 

Memórias sobre o dono original do corpo, sobre o sistema do mundo(um pouco pelo menos), vila que ele vive e seu status social.

 

Seu nome é Alan, 12 anos e ele vive em um pequeno vilarejo chamado Tiger Cliff Village e perto desta vila, existe uma outra chamada Big Wolf Village.

 

As duas vilas, sempre estão a batalhar por território, por isso muitas vezes, as pessoas acabam passando fome nas duas vilas.

 

Alan não tem família a não ser sua pequena irmã chamada Mari, de 8 anos, que é bastante trabalhadora e anormalmente bonita, para as outras mulheres da vila.

 

Fazendo com que o filho do Chefe da vila, que tem 10 anos, querer casar com ela, mas ela nunca teve interesse nele e sempre o ignorou e rejeitou.

 

E como sua irmã não tinha interesse no filho do chefe da vila, o próprio chefe da vila, veio até Alan falar sobre Mari, mas Alan recusou o pedido de casamento, pois sua irmã não gostava dele.

 

O próprio chefe da vila, não gostou de Alan recusá-lo, e sempre dificultou a vida dos dois na vila.

 

Com o passar do tempo, Alan acabou ficando mais fraco e adoeceu rapidamente, enquanto sua irmã trabalhava várias vezes, para poder comprar coisas para comerem.

 

Alan passou a maior parte do tempo na cama, tendo que ser cuidado pela sua irmã Mari.

 

Até que um dia, Alan se recuperou e levou com sigo, uma faca que ele não sabia os antecedentes, apenas que estava com ele, quando foi achado, e saiu para caçar algo para sua irmã e ele comerem.

 

Mari não sabia que seu irmão saiu para caçar, apenas sabia que ele se recuperou, então ela foi pedir comida para alguns vizinhos, para Alan comer, e recuperar força rapidamente.

 

Mas quem diria, que quando ele fosse sair da vila, ele foi atacado por um animal selvagem, e acabou morrendo!

 

Tendo seu corpo totalmente estraçalhado e comido pela fera.

 

Mas milagrosamente, o seu corpo foi totalmente reconstruído e ganhou vida novamente, mas com uma alma diferente.

 

Vendo todas essas memórias, ele ficou surpreso um pouco, mas não com a história e sim com outro assunto que viu na mente de Alan.

 

Existe algo chamado cultivo nesse mundo, e aqueles que conseguem sentir a energia do Céu e da Terra, poderão cultivar, para poderem subir a níveis imensuráveis.

 

“Até que esse mundo é interessante, mas deveria mesmo me reencarnar em uma criança pobre e doentia como esse Alan? ”

 

Ele suspirou em desaprovação e olhou para sua mão, que tinha uma faca bastante afiada para constar.

 

“Eu, Afonso… Não! Agora eu me chamo Alan! Eu juro que viverei essa vida melhor que você, como um ex-mercenário, eu irei colocar comida da mesa e não deixarei sua irmã passar fome! ”

 

Antes de morrer, Afonso foi um grande mercenário, que fazia tudo por dinheiro.

 

Um dia, ele foi fazer um certo serviço, que era roubar uma carga muito importante para um certo país.

 

Ele conseguiu roubar a carga com seus companheiros, mas quem saberia que era uma armadilha.

 

Dentro da carga, era uma bomba, que explodiu dentro do avião, matando Afonso e seus companheiros.

 

E quem saberia, que assim que ele morresse, ele reencarnaria em um mundo de Cultivo.

 

Pegando sua faca, Alan se levantou e percebeu o quão fraco era seu novo corpo.

 

“Muito fraco, pelo menos é 40 a 50% mais fraco que um humano normal.”

 

[Iniciando o Sistema!]

 

Uma voz soou em sua mente, o surpreendendo e assustando.

 

“Quem! ”

 

Ele pegou a faca e entrou em uma posição de batalha, como a de soldados veteranos.

 

Olhando para os lados, cautelosamente, ele não viu nada nem ninguém, o fazendo ficar confuso, mas logo a voz ressurgiu.

 

[O sistema foi instalado corretamente! Bem-vindo ao Mundo Marcial, proprietário Alan!]

 

[O sistema é algo para ajudá-lo nesse mundo! Temos loja e um sistema de nível para você aproveitar o máximo possível.]

 

[Como o corpo do usuário é fraco demais, como um inseto, será dado uma caixa de presente básica!]

 

De repente, um brilho apareceu na sua frente o surpreendendo, e depois que o brilho se dispersou, apareceu uma pequena caixa.

 

“Mas… que… Porra!?! ”

 

Alan não conseguiu segurar o xingamento quando viu isso acontecer.

 

“O que é você? ”

 

[Eu sou um sistema criado para ajudá-lo!]

 

“O que é essa coisa mesmo? ”

 

Falou Alan, enquanto apontava para a caixa.

 

[Caixa de Presente Básica!]

 

“Você responde tudo que eu perguntar? ”

 

[Tudo que estiver permitido responder.]

 

Alan abaixou um pouco a guarda enquanto pegava a caixa e perguntou.

 

“Por que estou nesse mundo? ”

 

[Por que você reencarnou! E antes que você pergunte, é porque alguém quis assim!]

 

Alan fechou os olhos e apenas assentiu, enquanto abria a caixa, com um pouco de cautela.

 

[Parabéns por ter aberto uma Caixa de Presente Iniciante! Os seguintes itens, foram adquiridos!

 

Pílula de Melhoramento Corporal, Pílula de Melhoramento de Energia, Pílula de Limpeza de Impurezas e Pílula de Melhoramento de Visão!

 

Assim como uma espada e faca comuns, de alta qualidade!]

 

De repente, 4 caixas pequenas que tinham os nomes das 4 pílulas que Alan ganhou apareceu, assim como uma espada e uma faca, que eram bastante boas para falar.

 

Ele olhou para a faca na sua mão e a jogou fora, enquanto pegava a nova faca e espada, depois pegou as 4 caixas e abriu uma para ver o que tinha dentro.

 

Dentro de uma das caixas, tinha um pequeno grão que parecia feijão, mas era vermelho e na caixa estava escrito ‘Pílula de melhoramentos Corporal’, nas outras caixas, também eram coisas parecidas com grãos de feijões, mas tinham cores diferentes.

 

“Você disse algo sobre Sistema de Nível, como funciona? ”

 

___—___

 

[Nome: Alan]
[Raça: Humano]
[Linhagem Sanguínea: Nenhum]

[Nível:0]

[EXP:000/100]
[Nível de Cultivo: Nenhum]

[Vitalidade:3]
[Força:4]
[Constituição:3]
[Agilidade:2]
[Espírito:12]
[Energia Espiritual:0]

[Espírito Marcial: Nenhum]

[Técnica de Meditação: Nenhum]

[Habilidades]

<Técnicas de Faca(Avançado)>,<Rastreamento(Avançado)>,<Cozinhar(Avançado)>.

 

___—___

 

Alan ficou surpreso com o painel que apareceu na frente de seus olhos de repente, e quando viu as estatísticas, ele não ficou surpreso, pois esperava algo assim, mas não esperava que teria 3 Habilidades e que estavam no avançado.

 

Mas quando ele parou para pensar, ele achou que era razoável, pois ele sempre foi um fanático por lâminas, e como espadas não eram boas para assassinar e adagas não eram o tipo que ele gostava, ele escolheu facas, assim como ele também gostava de caça e cozinhar com o que ele caçou.

 

Olhando as estatísticas e depois as pílulas em sua mão, ele perguntou.

 

“Pode me dar um explicação sobre as pílulas? ”

 

[Cada pílula, irá dar um adicional alguns pontos nas estatísticas respectivas.

As Pílulas de Melhoramento Corporal, darão mais 10 pontos em Vitalidade, Força e Constituição e 5 pontos em Agilidade.

As Pílulas de Melhoramento de Energia, dará 10 pontos em Espírito e Energia Espiritual.

As Pílulas de limpeza de Impurezas, irá dar 1 ponto em cada estáticas e 5 pontos em espírito, assim como limpar seus meridianos.

A Pílula de Melhoramento de Visão, dará uma habilidade chamada visão melhorada, que qualquer cultivador de nível Discípulo Marcial tem!]

 

Ouvindo as explicações de cada pílula, Alan não hesitou e tomou as 4 de uma vez.

 

[A habilidade <Visão Melhorada(Iniciante)>, foi adquirida!]

 

[+11 pontos em Vitalidade, Força, Constituição e Energia Espiritual,+6 em Agilidade e +15 em Espírito.]

 

Alan sentiu uma energia correr de seu estômago para cada parte de seu corpo, assim como sentiu que seu corpo estava excretado algo.

 

Quando abriu seus olhos, ele sentiu um cheiro, pútrido vindo de seu corpo, assim como uma camada de líquido preto e viscoso estava em sua pele.

 

Alan se sentiu desagradável ao tentar se mover, pois os barulhos que fazia, o desagradaram.

 

“Merda! ”

 

Olhando rapidamente nas memórias de Alan, ele se lembrou de uma cachoeira perto da vila, onde é usada para pegar água.

 

Alan nem hesitou, quando jogou as 4 caixas e pegou a faca que tinha jogado antes no chão.

 

“Isso ainda é uma faca e eu não posso desperdiçá-la, eu sou pobre, hehe.”

 

Ele rapidamente chegou na cachoeira e entrou dentro com um pulo.

 

A água rapidamente ficou um pouco preta, alguns peixes morreram por causa da poluição, mas Alan não se importou, pois em pouco tempo, isso seria lavado pela cachoeira de qualquer jeito.

 

Por sorte, não havia ninguém vindo tirar água ou se banhando.

 

Depois de alguns minutos, Alan saiu da água se sentindo revigorado, como se fosse uma nova pessoa.

 

“Sistema, minha força se compara ao que agora? ”

 

Perguntou Alan com bom-humor.

 

[A um humano saudável de seu mundo anterior, mas nesse mundo, você se compara a um humano normal!]

 

Respondeu o sistema.

 

Alan riu e perguntou.

 

“Você vem com algo para guardar itens? ”

 

[Não!]

 

A resposta do sistema foi rápida e precisa, machucando a expectativa de Alan que estava animado.

 

E quando ele estava prestes a colocar a sua roupa que estava molhada, ele viu que em seu dedo, estava um anel que parecia a boca de um Dragão.

 

“O que é isso? ”

 

Assim que ele acabou de falar, ele ouviu passos vindo de longe e ele rapidamente colocou suas roupas, e tentou tirar o anel, mas ele não conseguiu.

 

Então o que apareceu foi uma menina de cerca de 8 anos e tinha uma preocupação em seu rosto.

 

“Mari! ”

 

“Irmão! ”

 

Era Mari, a irmãzinha de Alan.

 

“Onde você esteve? Estive lhe procurando por toda parte! E tem… Onde você acho essa espada e faca? ”

 

Falou Mari enquanto olhava para uma espada e faca, em cima de uma pedra.

 

Alan riu amargamente e mentiu.

 

“Eu fui fazer uma caminhada por aí, já que eu me recuperei, e acabei sentindo um cheiro ruim e acabei parando aqui na cachoeira, quando estava olhando para essa parte negra, eu acidentalmente cai dentro e me molhei todo. E quando eu estava saindo, eu esbarrei com minha mão na lâmina da espada e acabei cortando olha! ”

 

Alan estava com as mãos atrás das costas, e uma faca estava em sua mão, ele fez um corte profundo e mostrou para Mari.

 

Mas Alan acabou esquecendo e a mão que mostrou, foi a que tinha o anel estranho no dedo.

 

-Tô ferrado!

 

Mari ficou preocupada e surpresa, se aproximou e pegou a mão de Alan, rasgou um pedaço de seu vestido esfarrapado, e cobriu o machucado de Alan.

 

Alan sentiu um calor em seu coração, quando viu a jovem preocupada com ele, e uma memória passou por sua mente.

 

Era uma memória de quando era jovem, quando Afonso ainda morava com seus pais, e sua irmãzinha, mas em um acidente de trânsito, todos acabaram morrendo, menos ele, mas a preocupação que seus pais e irmã sentiam por ele, ele nunca esquecerá e tendo agora essa garota que é sua irmã, cuidando dele e se preocupando tanto assim, essas memórias dolorosas e calorosas surgiram de uma vez só.

 

[+5 pontos em Espírito!]

 

E a voz do sistema soou em sua mente, o pegando de surpresa.

 

-Que merda está acontecendo sistema!

 

Falou Alan em sua mente.

 

[Você entrou em um estado de assimilação de espírito, não está completo no momento, irá demorar 1 hora mais, e no final seu espírito será 54 quando terminar!]

 

-Estado de Assimilação de Espírito?

 

[Como você já aceitou que é o novo dono do corpo, assim como você aceitou essa jovem como sua nova irmã, e se lembrou de certas coisas que marcaram sua alma, seu espírito sofrerá uma melhoria.]

 

Alan finalmente entendeu, e não falou mais nada, pois Mari falou.

 

“Pronto! Mais o que é essa coisa preta? ”

 

Ela olhou para a cachoeira, depois de colocar um ‘curativo’ na mão de Alan.

 

“Isso não estava aqui a 2 horas, deve ter sido recente, mas não precisamos nos preocupar, pois a cachoeira irá lavar isso com o tempo! Vamos pegar essa espada e faca, e trazer para casa, talvez possamos vendê-las por um alto preço.”

 

Quando Mari falou em vender, Alan gritou.

 

“Não! Essa espada e faca, são de alta qualidade, não é possível que nem mesmo o chefe da aldeia, consiga comprá-lo, nós só seremos enganados! Acho melhor nós apenas guardamos em nossa casa, até o próximo mês, para vendermos ao vendedor ambulante, aí poderemos ganhar um preço maior.”

 

Os olhos de Mari se arregalaram quando ouviu seu irmão e depois de pensar um pouco e observar bem a espada e faca, ela viu que é melhor que a espada e Sabre que o chefe da aldeia e o melhor guerreiro usam.

 

“Vamos fazer isso irmão! ”

 

Alan tirou a camiseta molhada e embrulhou a espada e faca dentro e falou.

 

“Vamos voltar! Não queremos que ninguém veja o que temos certo? ”

 

Mari assentiu com a cabeça e se virou felizmente, guiando o caminho.

 

Quando Mari se virou, Alan olhou para o anel em sua mão e pensou.

 

-Ela não viu o anel?

Comentarios em ALDF: Capítulo 1

Categorias