iLivro

Depois de chegar a cachoeira e ver que não tinha ninguém por perto, Alan começou a balançar a espada, mas como ele não tinha experiência na espada, ele parecia muito desajeitado.

 

Mesmo depois de fazer isso por 1 hora, ele não ouviu nenhum som do sistema, fazendo ele ficar bastante irritado.

 

“Porque não estou ganhando nenhum EXP? Estou fazendo isso a mais de 1 hora! ”

 

[Essa merda que você chama de treinar, não é considerada treino para mim! Apenas um macaco balançando um palito afiado e nada mais!]

 

Alan ficou com raiva quando ouviu a resposta grosseira do sistema, mas como o sistema é algo imaterial, ele não consegue espanca-lo.

 

E com raiva ele cortou com toda a força, em uma árvore perto dele.

 

Depois de bater na árvore mais de 30 vezes, ele parou, mas mesmo assim ele não ouviu a voz do sistema, o deixando mais irritado ainda.

 

Se sentando, ele olhou para os lados e viu uma pedra bastante grande, que pelo tamanho, deve pesar 10 a 15 quilos.

 

“Já que treinando a espada, eu não ganharei nada, acho melhor eu ir levantar peso”.

 

Alan fincou a espada no chão e andou até a pedra, e começou a levantá-la, vendo que era bastante pesada e como seu corpo ainda não estava em perfeitas condições, ele achou muito difícil levantar essa pedra.

 

Mas depois de um pouco de esforço, ele conseguiu levantá-la até o nível de seus olhos, e depois baixá-la.

 

Ele repetiu isso por 10 minutos e finalmente ouviu a voz do sistema.

 

[+1 ponto em Força, Constituição e Agilidade!

 

+3 pontos de EXP!]

 

Se sentindo feliz, Alan começou a repetir o mesmo processo por várias vezes.

 

E na segunda vez que ouviu a voz do sistema, apenas notificou que ganhou 3 pontos de EXP.

 

Na terceira vez, ele ganhou apenas 2 pontos e na quarta também.

 

No total, 40 minutos, ele ganhou 10 pontos de XP, mas depois de fazer a mesma coisa por mais 20 minutos, ele não recebeu a notificação do sistema.

 

“Porque não estou mais ganhando EXP? ”

 

[Porque você já se acostumou com esse peso, fazendo com que você não sinta mais nenhum problema em levantá-lo, fazendo com que você não ganhe mais EXP!]

 

A resposta do sistema foi fria como sempre.

 

Alan olhou para a pedra na mão e a jogou no chão, achando que não era mais necessária, ele procurou uma pedra maior.

 

Mas quando ele estava procurando, ele percebeu um movimento vindo das costas e olhou rapidamente.

 

Ele achou estranho, pois essa direção, não era da sua vila.

 

Ele rapidamente pegou a espada no chão, com um pouco de esforço e se esconde atrás de uma árvore, e observou.

 

Depois de alguns segundos, apareceu dois homens altos e musculosos.

 

“Tenho certeza que aquele pirralho veio para cá, até ouvimos um barulho alto vindo nesta direção! ”

 

“Procure um pouco o lugar, ele deve estar por aqui! ”

 

Alan observou bem e sabia quem eram os dois, eram Dalkon e Dalton, dois irmãos gêmeos que estão no reino de Refinamento Corporal nível 4.

 

Eles nasceram com uma força maior que humanos normais, por pelo menos 2x e quando despertaram o sentido espiritual, sua força aumentou novamente, pois mesmo quando estão no nível 4, eles podem derrotar aqueles no nível 6 e ficar de igual para aqueles no nível 7.

 

Mas esses dois irmãos, são muito preguiçosos e odeiam meditar, fazendo com que seu progresso no cultivo seja lento e mesmo quando já têm mais de 20 anos, eles ainda estão no Refinamento a Corporal e se continuarem assim, mesmo depois de chegar aos 30, eles ainda não avançaram para o próximo Reino.

 

Vendo esses dois, Alan sabe que eles foram enviados pelo chefe da vila ou seu filho.

 

-Eles cansaram de mim, e querem me matar agora?

 

Alan fez um sorriso malicioso e esperou que os dois se separaram e ele seguiu Dalkon.

 

Dalkon andou por dois minutos e chutou o chão com impaciência enquanto gritava de raiva.

 

“Onde está esse merdinha! ”

 

Mas assim que ele acabou de falar, Alan apareceu atrás dele com uma faca na mão e falou.

 

“Aqui! ”

 

Dalkon olhou para trás e só sentiu um frio no pescoço.

 

Sangue jorrou como água de seu pescoço, enquanto lágrimas de desespero caiam de seus olhos, olhando com choque e medo para Alan.

 

Apertando o máximo possível o seu pescoço, na tentativa desesperada de parar o sangramento, mas ele não conseguiu e apenas morreu com arrependimento enquanto olhava para Alan.

 

[+20 pontos de EXP, por matar um cultivador de nível médio Refinamento Corporal!]

 

[Parabéns! Você nivelou para o nível 1!]

 

___—___

 

[Nome: Alan]
[Raça: Humano]
[Linhagem Sanguínea: Nenhum]

[Nível:1]
[EXP:010/500]
[Nível de Cultivo: Refinamento Corporal]

[Vitalidade:19]
[Força:21]
[Constituição:20]
[Agilidade:14]
[Espírito:54]
[Energia Espiritual:16]

[Espírito Marcial: Nenhum]

[Técnica de Meditação: Nenhum]

[Habilidades]

<Técnicas de Faca(Avançado)>,<Rastreamento(Avançado)>,<Cozinhar(Avançado)>,<Visão Melhorada(Iniciante),<Sentido Espiritual(Iniciante)>.

 

___—___

 

Olhando para o status, Alan ficou feliz, pois ele ganhou +5 pontos em todas as estatísticas, menos Espírito.

 

-Sistema, porque Espírito não ganhou +5 pontos?

 

[Espírito é o mesmo que o talento para absorver energia assim como compreensão. A cada 10 pontos em Espírito é o mesmo que ganhar +1 ponto de EXP quando medita ou quando está treinando técnicas Marciais, ela irá nivelar mais rapidamente.]

 

-Talento… então o talento de 12 pontos de espírito que o proprietário anterior do corpo teria, seria na verdade apenas 1 ponto de talento para ser dito, então se eu não tivesse tomado aquelas pílulas, demoraria cerca de 16 horas para conseguir 100 pontos de EXP!

 

Pensando nisso, Alan suspirou de alívio, que o sistema lhe deu as pílulas, mas ele não entendeu completamente o porquê de ele ganhar cerca de 30 pontos de espírito depois da assimilação.

 

[O motivo de você ganhar 31 pontos, é por causa de sua alma(Afonso), se mesclar completamente a esse corpo, assim como a alma do anterior tinha um talento normal, mas a sua alma era muito forte e madura antes de morrer, quando sua alma se juntou ao corpo, é normal ganhar todos esses pontos, já que você era um mercenário em sua vida passada, e passou por vários apertos e provações de vida e morte, que temperou a sua alma, a deixando mais forte!]

 

Ouvindo a explicação do sistema sobre seus pontos extras, Alan ficou feliz pelas coisas que ele passou quando era Afonso.

 

-Meu talento se compara a que agora?

 

[A um filho de uma Tribo Normal com uma herança Média! Se você chegar ao reino de Discípulo Márcia, seu espírito será aumentado em duas vezes, assim como quando você avança para qualquer reino.]

 

Ouvindo isso, deixou Alan que estava com um humor péssimo antes, mais feliz ainda, pois seu talento pode ser comparado a dos filhos das Tribos normais deste mundo, assim como seu talento irá aumentar em 2x quando ele avançar para o próximo Reino, tendo um espírito de 108, e quando ele for meditar, ele ganhará 10 pontos de EXP.

 

Mas ele logo parou de pensar nessas coisas, pois ele olhou para a outra direção, a direção que Dalton tinha ido.

 

“Vamos ganhar mais um pouco de EXP! ”

 

Ele chegou rapidamente onde Dalton estava, e assim como Dalkon, ele estava impaciente.

 

Alan riu desses dois idiotas, e começou a se esgueirar por trás de Dalton.

 

“Esse pirralho me fazendo procurar por ele nessa floresta irritante… O que é isso? ”

 

Assim que ele falou, ele ouviu um barulho vindo de trás e quando se virou, viu uma faca apontando direto para seu coração.

 

Dalton sentiu medo e desviou com todas as suas forças, mas a faca veio com grande precisão e bateu no seu peito, acertando seu pulmão.

 

Dalton deu 10 passos para trás em sucessão, enquanto apertava uma mão no peito e a outra na espada da cintura.

 

“Você filho da pu**!!! ”

 

Dalton estava com ódio nos olhos e gritou um xingamento, enquanto atacava Alan.

 

Mas como seu pulmão foi danificado, sua força caiu em pelo menos 10 a 20%, dificultando sua respiração.

 

Mas mesmo com esses 10 a 20% menos, é o suficiente para ele matar Alan se seu ataque acertar.

 

Mas não é como se Alan fosse deixar ele encostar.

 

E foi aí que seus vários anos como mercenário surtiram efeito.

 

Quando a espada de Dalton, estava a alguns centímetros de distância, Alan desviou com precisão e cortou a perna direita de Dalton.

 

Dalkon apertou os dentes e rapidamente atacou para baixo em Alan.

 

Como a velocidade e sentidos de Alan não se comparam a de Dalkon, a espada bateu em seu ombro, fazendo uma ferida profunda, mas Alan não se importou e atacou a perna esquerda.

 

E com isso, a velocidade de Dalton foi selada em pelo menos 50 a 60%.

 

Mas Alan não estava satisfeito, pois ele ficou com um braço ferido no processo.

 

-Se fosse eu antes de morrer, esse lixo já estaria morto! Parece que reencarnar me deixou um pouco enferrujado.

 

Dalton olhou com ódio para Alan, e depois olhou suas pernas feridas e vendo que estava com problemas, ele gritou.

 

“Dalkon! Cadê você seu desgraçado? ”

 

Mas não houve resposta, apenas a faca de Alan acertando seu estômago.

 

Quando Dalton gritou, ele fez uma brecha, e com a experiência de Alan como mercenário, ele viu isso e atacou!

 

Ele não atacou mais para cima, pois Dalton estava com a guarda alta, mesmo se ele abriu um brecha, foi onde seus sentidos estavam mais fracos, que foi a área do estômago e abaixo.

 

Não demorou muito para Dalton de ajoelhar no chão, por causa das feridas, acabando soltando a espada na mão.

 

“P-Por favor! Não me mate! ”

 

Dalton sabia que não conseguiria matar Alan agora, então ele escolheu implorar por sua vida, mas não é como se Alan se importasse com Dalton, pois ele já matou Dalkon.

 

Alan pegou a espada no chão e arrancou a cabeça de Dalton.

 

[+20 pontos de EXP, por matar um cultivador de nível médio Refinamento Corporal!]

 

Soltando um suspiro, Alan olhou em volta e depois arrancou um pedaço de roupa de Dalton e enfaixou sua ferida, procurou no cadáver de Dalton, mas não achou nada de importante, depois ele voltou para o corpo de Dalkon e também nada.

 

Ele pegou apenas as duas espada de baixa qualidade dos dois irmãos e os escondeu em uma árvore e depois voltou para casa!

 

 

Mari viu a ferida no ombro de Alan e ficou surpresa que logo foi trocado por preocupação.

 

“Irmão! Quem fez isso com você? ”

 

Alan riu e falou.

 

“Não precisa se preocupar, eles estão pior que eu, haha… “

 

Mari não se importou com que Alan disse e pegou água e começou a limpar a ferida cuidadosamente e depois pegou um pano limpo, e enfaixou a ferida.

 

Alan sorriu gentilmente enquanto olhava para sua irmã preocupada com ele.

 

Ele levantou a mão que ainda podia se mover e acariciou gentilmente sua cabeça e falou.

 

“Não precisa se preocupar tanto assim, eu estou bem! ”

 

Mari estava com lágrimas nos olhos enquanto olhava para Alan e perguntou.

 

“Quem fez isso? ”

 

“Dalton! ”

 

Mari ficou com raiva e estava pronta para sair, quando ela ouviu Alan falar.

 

“Mas já o matei! Assim como Dalkon.”

 

“O que? Como? ”

 

Alan riu da expressão de surpresa e choque no rosto de sua irmã, e começou a contar o que aconteceu.

 

Depois de alguns minutos, Mari ficou com raiva e falou.

 

“Erik irritante! Só porque não quero se casar com ele, ele vai atrás do meu irmão! ”

 

(Erik, filho do Chefe da Vila!)

 

Alan riu e falou.

 

“Não se preocupe, apenas aja como se nada tivesse acontecido, não chame muita atenção. Quando começar o próximo torneio das tribos, eu irei participar e ganharei o primeiro lugar, e quando isso acontecer eu irei levá-la para longe dessa vila.”

 

Mari não falou nada, apenas deu um olhar preocupado para seu irmão pois ela sabia o que seu irmão estava falando.

 

A cada ano, acontecerá um torneio em várias tribos, e vilas como a Tiger Cliff Village e Big Wolf Village, irá enviar alguns aldeãos, para participar do torneio, e se aparecer um jovem talentoso em uma das vilas, a Tribo pode querer recruta-lo e dar uma posição para eles.

 

Mas existia um grande problema nesse torneio de vilas, apenas alguns poucos são escolhidos para entrar na Tribo e o torneio, é sempre sangrento e haverá muitas mortes.

 

Mesmo lutar entre seus próprios companheiros de vila, é permitido.

 

E Alan despertou o seu Sentido Espiritual a pouco tempo, e ele tem apenas 7 meses para treinar.

 

Se ele não conseguir avançar para pelo menos o reino de Discípulo Marcial em 7 meses, ele não conseguirá ter um bom lugar, pois a maioria que irá participar, está no reino de Discípulo Marcial.

 

E Mari sabe bem disso, assim como sabe que é quase impossível avançar do primeiro nível de Refinamento Corporal para o Discípulo Marcial em apenas 7 meses.

 

Mas ela não sabe sobre o sistema, o trunfo de Alan.

 

Alan riu e acariciou sua cabeça gentilmente e falou.

“Não precisa se preocupar, eu darei um jeito nisso! ”

Comentarios em ALDF: Capítulo 3

Categorias