iLivro

“Quem foi que matou meu filho! ”

 

Um homem alto e bonito gritou para 5 pessoas que estavam ao seu lado.

 

Essas 5 pessoas, eram velhos e todos estavam no Pico do Mestre Marcial.

 

Todos nessa sala, são membros centrais da família Bilger, e o homem alto e bonito, é o pai de Mival, Jonas Bilger o chefe atual da família Bilger.

 

“No-nós não sabemos Senhor! Mas sabemos que não foi alguém com uma força comum. Ele não apenas matou o Segundo Jovem Mestre Mival, mas exterminou duas Tribos inteiras e matou a parceira do Rei Leão da Floresta e sequestrou seu filho! ”

 

Jonas que estava irritado, ouviu o relatório e ficou um pouco surpreso, mas o ódio que ele tinha ainda não havia sumido.

 

“Eu não me importo com quem essa pessoa seja! Achem-no e me traga-o! ”

 

““Sim senhor! ””

 

Todos os 5 gritaram em uníssono e saíram da sala.

 

Jonas olhou pela janela e uma lágrima caiu de seus olhos.

 

-Mavil… eu juro como pai, que eu matarei todos que estão envolvidos na sua morte, não importa quem seja!

 

 

Alan que já havia chegado na Black Lion Tribe, de repente sentiu um calafrio em sua espinha, fazendo ele saber que esse era o calafrio que ele sentia quando algo grande e problemático iria começar a acontecer.

 

-O Rei Leão da Floresta? Não… É improvável que ele me siga até aqui, mesmo se seu filho deixasse sua aura vazar, ele deveria estar lutando ou morto por aquele Rei Marcial!

 

-Algum remanescente das duas Tribos? Talvez… É provável que seja alguém talentoso das duas Tribos que estavam em alguma seita ou se juntou a alguma família poderosa das cidades.

 

-Também é possível que a família Bilger comece a fazer seus movimentos contra mim, já que eu matei seu filho e um grande talento deles, eles já devem saber que Mival e aquele homem estão mortos!

 

Alan suspirou e olhou para seu inventário que tinha 40 metros quadrados.

 

-Isso dá uma dor no coração! Eu gastei mais 2 mil pontos do Sistema, porque o espaço não estava aguentando tantas Orb. Haaaa… Como minha vida é difícil!

 

Alan suspirou e começou a contar a quantidade de Orbs que ele havia ganhado.

 

4.328 Nível 1.

1.719 Nível 2.

112 Nível 3.

19 Nível 4.

1 Nível 5.

 

Um total de 6.179 Orbs com Espírito Marciais selados, um total de 617,180.000 de pontos de EXP.

 

(Nível 1=10 mil/Nível 2=100 mil/Nível 3=1 milhão/Nível 4=10 milhões/Nível 5=100 milhões e assim por diante.)

 

Alan sentiu-se um pouco triste, pois ele matou mais de 4 mil cultivadores que estavam entre o Discípulo Marcial e acima, mas esse não foi o número total de mortes que estavam em suas mãos, se ele fosse contar, seriam mais de 15 mil, pois cada Tribo tinha cerca de 100 mil habitantes, mas a maioria estava no Nível de Refinamento Corporal, e aqueles que Alan achou que eram gênios, ele matou, pois não queria futuros problemas.

 

Mas Alan não achou que foi uma pena, pois seus ganhos foram imensuráveis! Ele tem mais de 100 mil Núcleos de Bestas, Mais de 10 milhões de moedas de ouro e uma grande variedade de Técnicas Marciais e outros livros secretos das duas Tribos.

 

Alan entendeu que as Tribos escondem no último andar, Técnicas Marciais de Nível Profundo, mas apenas o Patriarca de cada Tribo é permitido entrar ou aqueles que serão os próximos patriarcas.

 

Mas Alan não se importou muito com essas técnicas, pois ele já tinha bastantes técnicas que ele ainda precisava treinar e evoluir, ele só escolherá novas técnicas, se ele achar que está ficando fraco.

 

(É mais que eu sou preguiçoso mesmo para criar nomes para técnicas evoluídas. Um exemplo de minha preguiça é a Arte do Tigre que vocês veem que está divididas em Partes que têm diferentes níveis de classificação.)

 

Alan pensou um pouco, e se lembrou que o Espírito Marcial de Paloma estava no intermediário e que faltaria muito EXP para evoluir para um Espírito de Nível 4, o mesmo para Mari, que tem um Espírito de Nível 6, ela agora precisa de 1 bilhão de EXP para ir para o próximo nível, e como ela não tem o sistema, talento de Alan, anel dos Dragões, ela demorará mais de 10 ou 15 anos para poder evoluir para Avançado ou maior, a menos que tenham alguma sorte e ganhem coisas que melhorem seus Espíritos Marciais grandemente!

 

E uma dessas coisas seriam as Orbs na mão de Alan, mas ele no momento está querendo evoluir o Espírito Marcial de Carol para o nível 3 ou 4 nesse ano, pois ele está bastante preocupado com a Igreja do Massacre e sua Sucessora.

 

Alan não sabe se sua Sucessora terá um talento alto e que seu Espírito Marcial já esteja no Nível 3 ou acima, por isso ele está com medo e querendo rapidamente cultivar Carol.

 

Alan olhou e viu que tinha milhares de Núcleos de Besta, então ele pensou que já era hora de ele começar a comprar as coisas, e talvez usar o Sistema de Construção que ele nunca havia tocado.

 

Alan estava com grandes quantidades de preocupações em seus ombros e não sabia por onde começar.

 

Primeiro Alan parou um pouco, e depois pensou na Fruta da Mente Limpa que ele ganhou do Reino dentro do anel.

 

-Essa coisa me ajudou bastante, então me ajude novamente!

 

Alan foi e a comeu, deixando sua mente em branco completo.

 

Ele entrou naquele estado que havia entrado antes, e sentiu cada coisa a sua volta, e de repente seu Sentido Espiritual se expandiu.

 

Seu Sentido Espiritual estava tão grande, que ele conseguiu sentir cada vida, erva medicinal, e entre essas coisas, ele achou uma montanha que estava liberando uma incrível quantidade de Energia Espiritual, assim como ele se concentrou nessa área, ele viu uma porta antiga e cheia de terra, e perto dessa porta estava um Tigre Branco enorme que tinha alguns desenhos de relâmpagos em sua pelagem.

 

De repente ele abriu seus olhos e olhou para a direção de Alan, mas nos seus olhos havia apenas indiferença e uma voz ressoou na mente de Alan.

 

“Impressionante Humano! Você está apenas no Guerreiro Marcial Pico e tem um Sentido Espiritual Verdadeiro, algo que mesmo eu ou meu mestre não conseguimos. Haha! Eu estou feliz! Finalmente um possível descendente apareceu! Criança! Venha até mim, e se você vier, você ganhará grandes coisas no futuro, saiba disso.”

 

A voz desapareceu e o Sentido Espiritual de Alan se acalmou, Alan olhou com choque, mas calma e entendeu que algo incrível estava naquele lugar.

 

-Parece que eu ganharei alguma resposta se eu for para aquele lugar!

 

Alan já havia descobrindo em qual lugar ele iria.

 

Alan sentiu que naquela área, existia uma grande quantidade de Bestas Espirituais de Rank 3 e acima, fazendo ele ficar com medo, mas animado.

 

-Aquele Tigre Branco havia dito algo sobre ele e seu mestre, parece que ele está guardando algo importante naquele lugar, talvez alguma herança de um antigo Especialista que abalou o mundo.

 

Alan ficou animado, e depois de um tempo, ele entrou dentro do Espaço e começou a treinar a Arte do Tigre.

 

Mas quando ele iria treinar, Alan parou e pensou.

 

-Arte do Tigre, Tigre Branco… Será que os dois tem algo que está os ligando?

 

Alan abaixou os braços e depois tirou uma enorme quantidade de livros do segundo espaço do anel.

 

-Eu irei fazer algo que nunca pensei que faria nessa vida denovo… Ler!

 

 

Depois de 30 dias dentro do espaço, apenas lendo, Alan saiu e começou a digerir o conhecimento ganho.

 

Ele descobriu um história sobre as 5 antigas raças, que um dia governaram todos os mundos.

 

Fadas, incríveis nas Artes da Alquimia, todas fêmeas com incríveis belezas, mas sua raça declinou bastante desde mil anos atrás, hoje em dia eles são tratados como mercadoria da mais alta qualidade para aqueles ricos pervertidos.

 

O motivo de sua queda, foi por causa de eles terem perdido seu Espírito Marcial Herdado, A Rainha das Fadas.

 

Sem o seu líder, as Fadas começaram a declinar e começaram a se refugiar com seus grandes amigos e parceiros, os Espíritos da Terra.

 

Espíritos da Terra ou também podem ser chamados de Anões! Uma raça incrível na sua arquitetura e técnicas de forjar Equipamentos Espirituais.

 

Seu Espírito Herdado também sumiu no mesmo tempo que a Rainha das Fadas, fazendo as duas raças desesperadas, sendo atacadas pelos humanos por causa de suas incríveis habilidades de Alquimia e Forjamento.

 

Os Anões e Fadas, são duas raças que se ajudam, e podem ser ditas amantes, pois os Anões são apenas homens e Fadas apenas mulheres!

 

Hoje em dia, as duas raças estão escondidas em vários lugares do universo. Como eles não tem grande força nas Artes Marciais, eles são alvos fáceis.

 

Existem os Tritões, uma raça que vive no fundo do mar, mas podem viver na superfície sem o menor problema.

 

Sua raça um dia, foi uma das maiores de todas, mas por causa de grandes quantidades de caçadores e piratas que ficavam de olho nas sereis de sua raça, eles entraram em guerra contra os humanos e outras raças que os direcionaram, fazendo os Tritões entrarem em um canto. E o seu desespero nas guerras, os Tritões liberaram um monstro aterrorizante, que fez um pacto com os Tritões.

 

Esse monstro era chamado de Kraken! Ele lutou com grandes quantidades de Especialistas Humanos e sempre ganhou, fazendo os Tritões terem tempo novamente para se reerguer.

 

Mas quando o pacto entre os Tritões e o Kraken chegou ao final, o Kraken veio pegar sua parte do pacto, mas os Tritões não conseguiram o número de sereias que o Kraken queria, fazendo ele se enfurecer e pegar as sereias a força! Exterminado milhares de cidades, Tribos, clãs e etc, dos Tritões. Fazendo sua raça entrar em declínio, e não ousam mais subir a superfície.

 

As últimas duas raças, são os Dragões e Fênixs!

 

As duas raças eram proficiente em Alquimia e Forjamento, perdendo apenas para os Anões e Fadas, mas não era uma diferença imensa. A diferença imensa era no seu poder de ataque, mas a sua reprodução limitada.

 

Uma Fênixs poderia ter apenas 2 filhos que teriam a Linhagem dos Dragões e Fênixs despertadas, mas seus parceiros eram difíceis de se achar, pois seus números eram poucos. E como as Fênixs, só poderiam ter filhos com os Dragões, mas os Dragões poderiam ter filhos com qualquer raça mas a Linhagem tem menos de 5% de despertar, fazendo que a sua reprodução seja baixa, e como existia bem poucos Dragões, mas muitas Fênixs, os Dragões tiveram que ter mais de apenas 1 ou 2 Fênixs como companheiras, mesmo 5 ou 10 não era um problema.

 

Mas sua raça começou a desmoronar com o tempo por causa disso, pois seu sangue começou a ficar muito parecido, e havia mesmo incontáveis casos de incesto nas duas raças, fazendo filhos nascerem com problemas.

 

E com o tempo seu número vem caindo cada vez mais, dando a chance de outras raças atacarem os Dragões e Fênixs, fazendo eles caírem, mas levarem 80% de toda a população do universo.

 

Quando Alan leu sobre essa história, ele entendeu sobre as 5 raças e pensou.

 

-Não seria mais fácil para as 5 raças terem um estado amigável? Como os Dragões e Fênixs, poderiam ser chamados de raças combatentes, mas os Anões e Fadas raças de produção e suporte, eles não deveriam ter se juntado e criado uma fortaleza que mesmo se todos os humanos do mundo se juntassem, eles ainda conseguiram se defender facilmente? E os Tritões é uma raça marinha, e eles provavelmente tinham vários materiais especiais que eram inúteis para eles, mas bastante úteis para as outras raças certo?

 

Quando Alan pensou nisso, ele ouviu um suspiro vindo de sua mente.

 

-Você está certo disso garoto, mas a 100 mil anos atrás, nenhuma das 5 raças se importava com essas coisas! Havia uma história que dizia que as 5 raças, foram criadas para conviverem juntas e amigáveis, mas isso era apenas histórias! Mas não significava que era mentira, alguns de nossas raças tentaram juntar as 5 raças, mas sempre haveria líderes de outras raças que eram muito orgulhosos de si mesmo e sua raça, dizendo que não precisavam da ajuda de nenhuma outra raça e que aqueles contos eram apenas histórias.

 

-Quando os Anões e Fadas caíram, eles vieram até nós Dragões buscar refúgio, mas o nosso Rei era alguém que já havia tentado juntar as 5 raças antes, mas no processo ele foi humilhado pelas outras 3 raças, fazendo ele odiar as três raças, e quando elas vieram pedir ajuda, ele os humilhou e deu suas costas as duas raças!

 

-Os Tritões também apareceram antes de libertarem o Kraken, mas nosso rei ainda era o mesmo, e ignorou completamente o pedido de ajuda dos Tritões e viu as 3 raças sofrerem em agonia, enquanto eram vendidos como escravos!

 

Alan ouviu isso e depois percebeu que a voz do Rei Dragão, havia um pouco de dor, ódio e culpa.

 

-Você era esse rei certo?

 

-… Sim! Eu era esse rei! Eu não sabia que por causa de meu egoísmo e orgulho, 3 raças inteiras caíram no desespero e prestes a se extinguir, fazendo eu me arrepender, e quando eu morri, eu vi o olhar de todos aqueles das 3 raças me olharem com ódio!

 

Alan não perguntou mais, pois percebeu que seu Espírito Marcial estava com muita dor.

 

-Eu não era para ser um Espírito Marcial, pois eu não tinha nenhuma habilidade especial, apenas talento! Mas quando eu virei um Espírito Marcial, eu ganhei um nome pelos outros Espíritos… O Rei Dragão Caído!

 

Alan fechou seus olhos e olhou seu Dantian, e viu que havia alguns buracos no “chão”, parecia que ele estava furioso e sentia dor em seu coração.

 

Alan olhou para ele e falou.

 

-Não culpe a si mesmo por coisas do passado, isso é apenas regredir! Se você quer que o futuro mude, siga em frente e não olhe para trás ou ligue para que os outros falam de você!

 

O Rei Dragão olhou para cima, como se estivesse olhando para Alan e depois falou.

 

-Obrigado garoto… Eu sei que você sentiu uma dor parecida ou mesmo pior na sua vida passada, que o moldou no ser cruel e sem o menor arrependimento quando mata!

 

-Nessa parte você está errado! Eu sinto dor quando mato pessoas, eu apenas às tento esquecer com o tempo e seguir em frente!

Depois de falar isso, Alan saiu de seu Dantian e começou a fazer a rotina normal.

Comentarios em ALDF: Capítulo 34

Categorias