iLivro

Alan assim que saiu do Reino, ele começou sua jornada novamente pela imensidão desse lugar cheio de neve.

 

E 5 dias depois!

 

Alan chegou a um deserto!

 

Sua areia tinha um brilho dourado, mas não era ouro, apenas o calor imenso do “sol” que deu esse brilho parecido.

 

Alan estava a 10 metros de distância deste deserto, mas conseguia sentir o calor insuportável de tão longe, assim como seu corpo estava acostumado ao frio desse lugar, essa mudança repentina de temperatura não fará muito bem para Alan.

 

Mas Alan sabe que esse é um teste que o Imperador do Trovão colocou, e Alan também começou a pensar nos seres poderosos de força acima de um Santo Marcial de Nível 1 ao 4, mas esses tinham defeitos em suas forças e ele também não achou nenhum ser poderoso o suficiente para matá-lo facilmente, então Alan achou que o teste é apenas para testar a resistência do corpo aos meios ambientes.

 

Se Alan estiver certo, nesse deserto terá escorpiões gigantes, minhocas e possivelmente Bonecos de Areia, que Alan acha que será o seu maior desafio nesse momento, mas ele está pronto pro que der e vier!

 

Alan contou que tinha mais de 3 mil Cristais de Gelo, então Alan já acha que está bom de juntá-los, e ele também não tem certeza no que são usados.

 

Mas ele sabe que deve ser bastante valioso e pode ajudá-lo ou alguém perto dele no futuro.

 

E como tinha mesmo aqueles comparados aos níveis de Rei Marcial, ele acha que o preço para eles será incrível!

 

Alan suspirou e continuou em frente.

 

Assim que ele pisou o pé na areia quente e amarela, ele sentiu a mudança de ambiente e o calor insuportável.

 

O pequeno em seu ombro também sentiu isso e não gostou, então pediu que Alan o colocasse dentro do Reino, Alan sabia que isso aconteceria, pois esse pequeno é uma Besta que vive na neve, e se colocados em lugares de extremas temperaturas, ele sabe que esse pequeno não aguenta muito tempo, mesmo ele tendo evoluído para um Gigante de Gelo, mas tudo isso não muda o fato de ele ainda ser jovem e fraco.

 

Alan sabia bem disso por causa do sistema lhe disse, então ele estava preparado para isso, e depois de ele conseguir a linguagem Solume, ficou mais fácil dele entender o que outros querem dizer ou interpretar.

 

Alan sabia que começaria a precisar bastante de água, mas por sorte ele tinha o lago de EXP, que por algum motivo nunca fica sem água ou energia, que Alan não sabe de onde vem.

 

 

Alan andou por 4 horas e dá sua frente, o chão começou a se mover e então 3 escorpiões de cor marrom que tem 2 metros subiram do chão.

 

Alan foi surpreendido um pouco, mas logo se recuperou e viu que suas forças estavam na de um Guerreiro Marcial, não eram muito nos olhos de Alan.

 

Apenas seu veneno era preocupante, mas Alan conseguiu matá-los facilmente e coletar seus núcleos.

 

Ele também ganhou EXP, mas era medíocre em seus olhos, pois ele já tinha mais de 100 bilhões, que é o suficiente para ele quebrar para Santo Marcial.

 

 

2 dias depois!

 

Alan matou grandes quantidades de escorpiões marrons e coletou seus venenos e núcleos, Alan não sentiu nada, pois seu EXP não subia muito e Alan não acha que esse veneno é melhor que o do Leão de Juba Roxa.

 

E como Alan havia previsto, apareceram Bonecos de Areia que tinham o mesmo sistema que os Bonecos de Neve.

 

Mas existia um grande problema, Alan não tinha nenhum atributo água como poder, então ele começou a pensar e não achou nenhuma solução, a não ser comprar algum item do sistema.

 

[Garrafa de Água da Fonte! Uma garrafa especial criada naturalmente e pode armazenar e criar água infinitamente. Aqueles que praticam o sistema da água, poderá usar essa garrafa com 100% de seus efeitos! Custa 3 Milhões de Pontos!]

 

E com isso, 3 milhões de Pontos foram embora na compra de uma garrafa, que ele não consegue usar 100% de seu efeito.

 

(É impressão minha ou Alan ficou mais inocente? Ele realmente achou que eu iria deixá-lo com mais de 20 milhões de Pontos? Sonhe!)

 

E com isso, uma garrafa grande feita de pedra, de 1 metros de altura apareceu dentro do inventário do sistema.

 

Apenas de olhar, Alan consegue sentir uma força incrível vindo da garrafa, assim como a energia úmida dela.

 

Alan não ficou um pouco decepcionado com a compra, mas ele ainda está triste de ter que gastar 3 milhões de Pontos numa garrafa que ele só irá usar nesse deserto e em lugar algum.

 

E com isso, Alan com a ajuda do Sistema(10 Mil Pontos), ele aprendeu que ao banhar sua espada que ele não sabe a classificação dentro da água da garrafa, a espada absorve a energia dentro e a armazena.

 

E quando ele for lutar contra os Bonecos de Neve, ele conseguirá matá-los facilmente.

 

 

8 dias depois!

 

Alan não viu muita diferença desse deserto para as terras de Gelo, a não ser que tem mais criaturas vivendo aqui e maior parte é venenosa, assim como as temperaturas são completamente opostas, mas tirando isso, Alan não viu muita diferença.

 

Para ele, as duas áreas são testes, que são simples mas difíceis para alguns.

 

Se Alan não tivesse o sistema, ele não conseguiria passar facilmente na área de Gelo, possivelmente ele nem teria encontrado o Tigre Branco do lado de fora.

 

Alan não teria encontrado Paloma(possivelmente) ou mesmo Carol, Mari possivelmente estaria casando com Erik ou Richard, ou qualquer jovem mestre que achasse Mari bonita e a levasse.

 

Alan sabe que tudo o que ele tem no momento é dado pelo sistema, então Alan tem medo que um dia, o sistema desapareça de repente e ele perca tudo.

 

Mas Alan acha que isso é mais para frente e não terá que se importar no momento.

 

Mudando de assunto!

 

Alan nesses 8 dias andou bastante e não encontrou nenhuma forma de vida que não fosse venenosa ou os Bonecos de Areia que são burros como pedra.

 

Então Alan gastou grande parte de seu tempo dentro do Reino se divertindo com as garotas e jogando jogos com elas para passar o tempo.

 

Alan não quer forçá-las a serem suas mulheres, ele sabe que com o tempo, elas irão acabar se entregando a ele, e ele tem paciência para esperar esse tempo, mesmo que demore anos, décadas ou séculos, Alan ou pode ser dito Afonso, não é o tipo de pessoa que forçaria mulheres, ao certo ele tem muito respeito por elas, apenas que ele sente a culpa de sempre estragar suas vidas de estarem perto dele.

 

Neste momento, na frente de Alan está vindo uma tempestade de areia, mas não é uma comum, tem uma presença imensa e forte dentro dessa tempestade de areia.

 

Alan consegue sentir, e sabe que a força é de pelo menos Santo Marcial.

 

E assim como Alan pensou, a tempestade parou 100 metros de distância dele e começou a desaparecer, mostrando um homem de areia imenso de mais de 50 metros de altura.

 

-O que é isso?

 

[Gigante de Areia! Uma raça que foi considerada extinta nesse universo e em muitos outros! Eles são seres poderosos dentro de desertos, podem ser ditos quase invencíveis! Sua recuperação é incrível e são impossíveis de matar sem ser um usuário do sistema de água!

 

Dica ao Usuário! A força do Gigante de Areia está pelo menos na força de um Santo Marcial de Nível 7, suas estatísticas estarão acima de 500 Mil, mas não passam de 600 Mil pontos!]

 

Alan ouviu o sistema e sentiu seu coração ficar pesado e olhar para aquele gigante longe com uma pitada de medo.

 

Assim como Alan estava pensando no que fazer, uma voz como um trovão soou da direção do gigante.

 

“Criança Humana! Eu admiro você ter chegado até aqui sozinho, mas a partir desse teste, será impossível você me derrotar como fez com o Gigante de Gelo! Eu também… “

 

Antes que ele continuasse, Alan falou.

 

“Mas eu não derrotei nenhum Gigante de Gelo! ”

 

Confusão apareceu na expressão do gigante, parecia que para ele, era impossível que o Gigante de Gelo morresse para um Humano fraco, a menos que algo aconteça com ele, assim como o Gigante de Areia não sentiu o artefato que é dado aquele que o derrotar pelo Gigante de Gelo, um Artefato que irá ajudá-lo a lutar contra ele mesmo.

 

Mas ele percebeu que Alan não tinha a aura desse artefato, então ele acabou tendo certeza que algo aconteceu com o Gigante de Gelo.

 

-Faz 7 anos que esse cabeça de gelo não aparece para jogar… Algo deve ter acontecido com ele, mas o que eu faço?

 

Alan sentiu a ansiedade e preocupação no Gigante de Areia, Alan acha que talvez esse Gigante de Gelo seja o amigo do Gigante de Areia.

 

Talvez pelo motivo dos dois estarem presos aqui por anos, eles devem ter acabado fazendo uma grande amizade.

 

“Algo aconteceu? ”

 

O Gigante de Areia que estava preocupado acordou de seus pensamentos e olhou para Alan e falou.

 

“Criança! Eu tenho uma proposta para você! ”

 

Alan ouviu o gigante e sabia que era algo possivelmente perigoso, mas talvez possa ser benéfico para ele.

 

“O Gigante de Gelo e eu carregamos 2 Artefatos que lhe ajudarão no próximo terreno, que será um pântano venenoso onde mesmo Santos Marciais morrem facilmente! Como você atravessou as Planícies Congeladas sem encontrar aquele gigante, algo aconteceu com ele que fez você passar o teste mais facilmente!

 

A minha proposta, é se você achar meu amigo ou me dar alguma notícia dele, eu darei esse Artefato para você, assim como deixarei você passar sem lutar contra mim! ”

 

Assim que Alan ouviu que o próximo terreno seria um pântano venenoso, ele sabia que não seria fácil, então Alan começou a pensar em comprar Habilidades novamente.

 

Quando ouviu sobre os 2 artefatos, ele ficou com seus olhos brilhantes, pois seus nomes eram artefatos, claramente não seriam normais, podem mesmo ser de Grau Terra ou acima, Alan não sabe.

 

Alan ficou animado, e o pedido é apenas para achar ou saber o que aconteceu com o Gigante de Gelo, que Alan acha bastante fácil resolver esse problema.

Alan também tem cerca de 50% de certeza de que o pequeno que está dentro do Reino agora, tem algo haver com esse Gigante de Gelo, é só uma questão de tempo até ele conseguir achar informações sobre ele.

Comentarios em ALDF: Capítulo 52

Categorias