iLivro

Minerva acordou no dia seguinte nos braços de Alan.

 

Ela olhou para Alan e então as memórias do dia anterior chegaram a ela e lágrimas caíram de seu rosto.

 

Ela falou “desculpe” em voz baixa enquanto chorava.

 

Alan de repente abriu os olhos e olhou para Minerva que estava chorando em seus braços, ele então apertou seu abraço em Minerva e lhe deu um beijo nos lábios.

 

Minerva ficou surpresa, ela queria resistir, pois não se achava mais digna de ficar ao lado de Alan, mas ela não conseguia chamar suas força para se livrar dos braços de Alan e acabou fechando os olhos e aproveitando.

 

Com o tempo, Alan afrouxou seu aperto e parou seu beijo, ele viu o olhar de Minerva e sorriu, e então com suas testas se encostando, ele falou.

 

“Aí aí minha Rainha Sangrenta, parece que você precisa de uma pequena punição… “

 

Minerva congelou ao ouvir Alan, ela ficou um pouco com medo, pois se lembra de algumas punições de Alan, mas no fundo de seu coração, ela estava muito alegre.

 

Alan a jogou com força para a cama e lhe roubou outro beijo, enquanto sua mão passava por baixo das roupas e então chegou às partes íntimas.

 

Alan ficou alisando e provocando Minerva fazendo ela soltar vários gemidos.

 

Minerva não aguentava mais e então colocou suas mãos nas calças de Alan, tentando tirá-las, mas Alan deu um tapa em sua mão, não a permitindo.

 

Minerva olhou para Alan com dúvida e Alan apenas riu.

 

“Isso é uma punição, não algo para você sentir prazer! ”

 

Alan riu e então começou a ficar mais agressivo com suas mãos, fazendo Minerva gemer cada vez mais, e quando ela estava prestes a vir, Alan injetou um pouco de Energia Espiritual em seu corpo, impedindo isso.

 

Minerva congelou e sentiu grande incômodo em seu corpo e olhou para Alan com um olhar implorante, mas Alan não se importou e então começou a lamber seus seios firmes, e acariciar a barriga delgada de Minerva.

 

Com o tempo, Minerva viu que não estava conseguindo gozar e ficou mais desconfortável e começou a implorar para Alan, deixá-la gozar.

 

Mas Alan não deu ouvidos e acelerou novamente suas mãos, e então com um movimento, suas calças saíram e ele colocou seu grande amigo direto em seu buraco.

 

Minerva fez um gemido de dor, surpreendendo Alan, ele então olhou para baixo e viu duas linhas de sangue, Alan ficou surpreso, pois ele se lembra que Minerva não era virgem.

 

Ela não está nem perto de ser isso, das brincadeiras na cama e fora dela, impossível que ela seja virgem, ou que consiga enganar Alan.

 

Então a única coisa que pode ter sido, foi que Minerva ao evoluir para um Rainha Sangrenta, sua virgindade voltou, mas não é como se a mente fosse mudada, já que ela ainda tem as experiências do sexo, assim como o gostinho dele.

 

Lágrimas caíram do rosto de Minerva, mas foram apenas por alguns instantes e Minerva começou a sentir prazer, pois já havia se curado.

 

Com a alta vitalidade de sua evolução e de ser um Rei Marcial, mesmo se tivesse uma enorme ferida em seu estômago, que deixasse ver a espinha, não seria um problema depois de alguns minutos.

 

E Alan também não se importou se ela sentia dor, já que era uma punição.

 

Alan então ficou bombeando rapidamente, até ele estar prestes a vir, e Minerva estava sentindo como se estivesse no inferno, já que se fosse normal, ela já teria gozado pela terceira a quarta vez.

 

Alan então acelerou mais, e Minerva estava prestes a vir, mas pensando que não conseguiria, ela sentiu desespero, e quando Alan estava prestes a vir, ela sentiu que uma enorme montanha estava saindo de seu corpo, seguido por enorme prazer.

 

Minerva e Alan gemeram alto, e então Minerva caiu nos braços de Alan, enquanto dava alguns espasmos.

 

Minerva depois de 7 minutos se acalmou, pois havia adormecido.

 

Alan se levantou e acariciou os lindos cabelos vermelhos de Minerva, e depois cobriu seu corpo e saiu do quarto.

 

 

Ele chegou ao pátio, se sentiu em pose de meditação e então entrou dentro do Mundo dos Espíritos Marciais.

 

Ele viu as estrelas brilhantes do primeiro nível e sorriu, ele então com apenas um pulo, já estava no Nível 5.

 

Alan não sentiu nenhuma pressão do Nível 5, ele então foi para o Nível 6, lá ele começou a sentir a pressão, mas não parou e foi para o Nível 7.

 

Alan sentiu a montanha em sua alma, mas não era insuportável como da última vez, ele acha que pode aguentar várias horas aqui sem problemas.

 

Os Espíritos Marciais do Nível 7, ao verem Alan, ficaram chocados, pois não faz muito tempo desde que ele apareceu, nem mesmo 6 meses.

 

(Lich: Saibam que o tempo no Mundo dos Espíritos Marciais está seguindo o do tempo de fora do reino, e mesmo se ele ficar 100 anos dentro do Reino, seria apenas 1 ano para os Espíritos Marciais. Simplificando, o tempo dentro do Reino não interfere em nada no mundo dos Espíritos Marciais!)

 

(Lich: E quase esquecendo, eu chamarei de Mundo dos Espíritos Marciais, em vez do anterior.)

 

Os seus Espíritos Marciais estavam atrás dele quando chegou ao Nível 7, Alan percebeu que o Rei Dragão estava absorvendo Energia deste andar.

 

Quando ele iria perguntar o que estava acontecendo, o Soberano da Força falou.

 

“Ele está absorvendo a energia desde andar para ajudar em sua evolução para este nível! Parece que irá demorar apenas 3 horas para ele evoluir.”

 

Alan ficou surpreso e perguntou porque isso não aconteceu da última vez, e ele recebeu a resposta de pelo motivo deles estarem ajudando ele a aguentar a pressão, eles não conseguiram absorver a energia do 7 Andar.

 

(Lich: Eles, seriam o Rei Dragão e a Chama de Gelo do Rei Dragão)

 

Alan entendeu e então começou a passear pelo andar, procurando algum Espírito Marcial que sirva ao seu gosto.

 

E enquanto “andava”, ele ouviu uma voz calmante e atrativa, parecia a voz de uma mulher, e ela estava cantando.

 

Alan foi na direção da voz e viu o que parece um casal, era um homem bonito com cabelos azuis e olhos azuis, enquanto a mulher tinha características parecidas.

 

Eles parecem gêmeos, irmãos, em vez de um casal.

 

O homem estava ouvindo a mulher cantar enquanto sorria, enquanto a mulher cantava com grande emoção e amor pela música.

 

Alan ficou surpreso e cativado pela música, e então o Soberano da Força falou.

 

“Eles são o Músico, um Espírito Marcial bastante estranho, seus efeitos variam bastante dependendo da música que eles cantam! Se você estiver comandando um exército, se tiver inspiração o suficiente, o Músico irá cantar uma música que pode aumentar a força dos soldados. Enquanto luta com alguém poderoso, uma música que se encaixe será cantada e pode aumentar sua força ou diminuir a do oponente. Existem bastantes efeitos das suas músicas, mas saiba que não é você que os controla, você não pode forçá-los a cantar, você apenas pode ouvi-los! ”

 

Ouvindo o Soberano da Força, Alan ficou surpreso e não sabia que existia tal Espírito Marcial, ele então sem hesitação se aproximou.

 

A mulher parou de cantar e então olhou para Alan, e então para os três Espíritos Marciais atrás dele e ficou surpresa.

 

O homem também olhou e ficou surpreso.

 

Alan falou.

 

“Ola, me chamo Alan e queria fazer um Contrato Espiritual com vocês! ”

 

Antes que ele recebesse uma resposta, os dois sorriram e então Alan acordou.

 

Alan sentiu sua força aumentar drasticamente e então ele abriu seu status.

 

___—___

[Nome: Alan]
[Raça: Humano]
[Linhagem: Dragão(Dragão das Sombras)]

[Nível:1]
[EXP:23.854.937.685/100.000.000.000]
[Santo Marcial]

[Vitalidade:140.000 (+1,932.000<+1.280%>)]
[Força:140.000 (+770.000<+450%>)]
[Constituição:140.000 (+672.000<+380%>)]
[Agilidade:140.000 (+140.000<100%>)]
[Espírito:80.000]
[Energia Espiritual:250.000 (+750.000<3x>)]

[Espírito Marcial]

Nível 7<Chama de Gelo do Imperador Dragão>
Nível 6<Rei Dragão>
Nível 7<Soberano da Força>

Nível 7<Os Músicos Azuis>

[EXP Soberano da Força(Iniciante)]

[Técnica de Meditação: Nove Mares Espirituais]

[Habilidades]

<Rastreamento(Supremacia)>
<Cozinhar(Avançado)>
<Visão Melhorada(Supremacia)>
<Sentidos Melhorados(Supremacia)>
<Defesa Sobre Humana(Iniciante)>
<Olhos da Falsificação(Intermediário)>
<Regeneração dos Gigantes>
<Visão Noturna(Supremacia)>
<Força Extrema(Intermediário)>
<Imunidade ao Frio>
<Imunidade ao Calor>
<Imunidade ao Veneno>

[Técnica Especiais]

<Chama de Gelo(Iniciante)>
<Aura do Rei Dragão(Supremacia)>
<Campo Gravitacional(Iniciante)>
<Domínio da Areia(Iniciante)>
<Criação de Veneno(Iniciante)>
<Domínio das Sombras(Iniciante)>

[Técnicas]

<Arte do Tigre(Parte 3)NV 5>
<Soberania da Espada NV 1>
<Passos das Sombras(Completo)NV 10>
<Antiga Técnica de Forjamento NV 5>
<Corpo Celestial NV 1>
<Mil Espadas do Desespero NV2>
<Linguagem Solume(Parte 1)>.
<Chamas da Origem>.

___—___

 

Mesmo sabendo que receberá um enorme aumento em suas estatísticas, ele ainda fica chocado quando as vê.

 

Alan percebe que ele é um enorme monstro, talvez nem mesmo um Rei Marcial normal de Nível 5 pode ser seu oponente.

 

Claro, apenas se ele usar a Aura do Rei Dragão para aumentar suas estatísticas.

 

Mas se for comparar como está, sua Força se compara a de um Rei Marcial de Nível 1.

 

Alan de repente sentiu uma dor aguda em seu estômago, quando ele olhou com confusão para lá, ele viu uma fumaça negra sair e desaparecer no ar, como se nunca tivesse existido.

 

Alan ficou chocado e não sabia o que estava acontecendo e queria uma explicação do sistema.

 

[O usuário foi amaldiçoado por um Espírito Marcial bastante poderoso, e a força daquele que te amaldiçoou deve ser a de um Pico Santo Marcial!]

 

Ouvindo o sistema, a expressão de Alan afundou e sua intenção assassina subiu.

 

“Quem foi! ”

 

[O sistema não sabe, mas possivelmente foram um dos inimigos que você fez quando chegou na Cidade Celestial!]

 

Ouvindo o sistema, Alan deu um sopro frio, cheio de intenção assassina e rapidamente encontrou Jasmim, usou seu Sentido Espiritual para inspecioná-la, mas não viu nada.

 

Alan suspirou e Jasmim ficou confusa, querendo saber o que estava acontecendo.

 

“Descobri enquanto estava no Reino, que eu havia sido amaldiçoado, então pensei que você poderia ter sido também, mas como não, parece que eu estava errado.”

 

Jasmim parece ter se lembrado de algo e falou.

 

“Meu amor, se lembra que eu havia falado a alguns dias atrás sobre eu me sentir estranha? Assim como havia visto uma massa de fumaça negra? Talvez isso seja parte da maldição? ”

 

Alan congelou ao ouvir Jasmim e então ele rapidamente saiu do Reino e se encontrou com Paloma, Carol e Mari.

 

Quando ele inspecionou o corpo das três, Carol e Paloma tinha uma energia maligna dente delas.

 

-Sistema! Qual o efeito dessa maldição?

 

[Pela energia e dados do sistema, tem um efeito de a cada mês, a Vitalidade piorar, e danificar os meridianos do corpo, até finalmente consumir o amaldiçoado por completo e morrer!]

 

Ouvindo o sistema, Alan ficou furioso e a energia assassina disparou como uma torrente e as três garotas ficaram com grande medo, pois não sabiam o que estava acontecendo.

 

Alan então suprimiu a intenção assassina e mandou as duas se sentarem na sua frente e tirarem a roupa, assim como falou sobre a maldição.

 

As três ficaram chocadas e não sabiam o que fazer, Carol e Paloma não pensaram muito e tiraram a roupa, claro, elas estavam muito envergonhadas, mesmo já se considerando mulheres de Alan.

 

Alan olhou por um tempo para seus corpos, mas não estava tendo nenhum sentimento de luxúria, ele estava apenas tendo preocupação imensa.

 

Ele se sentou na frente das duas, e então começou a enviar a Energia Espiritual e seu Sentido Espiritual juntos, ele viu as duas energias e então começou a atacá-las.

 

Ele percebeu que não conseguiria tirá-las apenas usando a força, ele então resolveu usar a Aura do Rei Dragão.

 

A força de Alan disparou é ele conseguiu ver que as maldições estavam sendo suprimidas, ele então concentrou sua força vital num ponto, fazendo as energias da maldição serem atraídas.

 

E quando as duas energias entraram em seu corpo, elas foram expulsas pela forte Vitalidade de seu corpo.

 

Mas dessa vez a fumaça não sumiu, ela foi agarrada por Alan, que então a armazenou no Anel.

 

Alan viu que havia suor caindo de seu rosto, e ele sorriu.

 

Ele então olhou para as duas garotas na sua frente e sorriu, ele então as abraçou fazendo as duas gritar de surpresa, mas sentiram o calor e preocupação de Alan, e sentiram seus corações esquentarem.

 

Alan lhes deu um grande beijo cada e então saiu do quarto, deixando-as vestir-se.

 

Alan tinha um olhar feio e cruel quando saiu do quarto.

 

Ele então tirou a fumaça negra e então analisou e memorizou a energia, ele então a soltou e prestou bastante atenção.

 

Ele viu que elas estavam se dispersando todas para o norte, Alan então olhou para o Norte e então saiu voando.

 

Como um Santo Marcial, a habilidade de voo foi adquirida.

Comentarios em ALDF: Capítulo 79

Categorias