iLivro

Trapaceiro em vez de um herói

“Desculpa, foi engano.”

Quando ele disse isso, Hajime tentou fechar a porta silenciosamente. A garota de cabelos loiros e olhos vermelhos entrou em pânico e tentou detê-lo. Sua voz que não tinha sido utilizada durante anos ficou borrada em um murmúrio; embora seu desespero fosse transmitido.

“E-Espere! Por favor! Me salve…”

“Não.”

Hajime disse e continuou a fechar a porta. É um diabo.

“P-Por que? Eu farei qualquer coisa.”

A garota estava desesperada. Apenas a cabeça foi vista, mas seu rosto era suficiente para transmitir os seus sentimentos. Hajime respondeu de uma forma sombria.

“Hey, esse é o fundo do abismo. Não posso liberar alguém que foi selado aqui. Seria absolutamente perigoso. Com exceção do selo, nada mais está aqui… não há nada para ajudá-lo a escapar. Por essa razão…”

Seu argumento foi ouvido. Ele não era uma pessoa normal que responderia à voz suplicante de uma garota capturada e libertaria sem qualquer hesitação. O gentil Hajime original teria ajudado sem dúvidas.

Sendo tão friamente recusada, a garota desesperada ergueu a voz quando ela estava à beira das lágrimas.

“Não! Tosse… Eu não sou mau! … Espere!”

Hajime continuou fechando a porta inalterado. Um pouco de tempo antes que ela estava completamente fechada, Hajime começou a ranger os dentes. Se ele tivesse fechado mais rápido ele não teria ouvido…

“Eu fui apenas traída.”

A porta sendo fechada tinha apenas uma pequena abertura, parou quando o grito da garota chegou a ele. Apenas um pouco de luz passava pela fresta no quarto escuro. 10 segundos, 20 segundos se passam. Finalmente, a porta começou a abrir novamente. Hajime parou à porta com uma cara azeda como se tivesse sido picado por 100 insetos e esmagado um.

Ele não tinha nenhuma intenção de ajudá-la. Deve ter havido uma razão adequada para ser selada aqui dentro. Não havia nenhuma evidência para provar que não havia nenhum perigo. Ser enganado por um ser perverso era uma possibilidade muito provável. Era apropriado para renunciar a ela.

“Eu me pergunto o que estou fazendo.”

Hajime suspirou por dentro. Seu coração tinha abalado quando ela disse “traída”. Deve ter sido o passado por trás dele. Neste lugar, tentar cumprir o seu desejo de “viver” é extremamente difícil. Rancores eram distrações desnecessárias. Se suas palavras poderiam afetá-lo tanto assim, houve provavelmente uma parte dele que não tinha seguido em frente. Parte da consciência de Hajime provavelmente ainda existia se ele pudesse simpatizar com a garota que estava na mesma situação que ele.

Hajime coçou a cabeça enquanto caminhava até a garota. Claro, ele não iria abaixar a guarda.

“Você disse traída? Eu não acredito que essa é a razão por você estar selada. Se o que você disse era verdade, por que o traidor selou você aqui?”

A garota estava atordoada quando Hajime voltou. Através de seu abundante cabelo loiro sujo, com os olhos vermelhos olhou para Hajime. Hajime ficou irritado com sua falta de resposta.“Hey. Você está ouvindo? Se você não vai falar, eu vou embora.“Como ele disse que ele virou calcanhar. Surpresa, ela esforçou e começou a dizer a razão de ter sido selada.

“Eu sou uma vampira de sangue… Me foi concedido grande poder… por causa disso eu trabalhei duro para o meu país. Mas… um dia… todos os meus retentores… me disse que eu não era mais necessária. Tio… tornou-se meu rei… Eu estava bem com isso… No entanto, eu era perigosa por causa dos meus poderes… eles não podiam me matar… então eles me selaram… aqui.”

Ela falou desesperadamente e pouco a pouco tornou-se seco. Hajime gemeu enquanto ele ouviu a história. Parece que as circunstâncias estavam cheia de drama. Havia algumas coisas que a incomodava. Ele perguntou como ela suprimiu suas emoções.

“Você, de qual família real você é?”

“…(hipinotizada)”

“O que quer dizer com não poder ser morta?”

“… Regeneração automática. Lesões se curam imediatamente. Mesmo se decapitada.”

“… I-Isso é incrível … é que seu grande poder?”

“Não apenas isso … Magia, manipulação direta… também não precisa de formação.”

Hajime entendeu isso. Ele conseguiu Manipulação mágica depois que ele comeu os demônios. Encantamentos e formações mágicas eram inúteis para ele para fortalecer seu corpo. Ele não precisava de encantamentos para sua transmutação ou de outras habilidades. No caso de Hajime, isso não mudou sua dependência de grandes formações mágicas para usar magias convencionais, por causa de sua aptidão zero para magia. Sua manipulação mágica direta não ajudou nesse aspecto e isso tornou o uso de magia convencional impraticável. Se ela tivesse alguma aptidão mágica, ela poderia usar alguma magia muito poderosa e ela seria capaz de suprir sua falha. Enquanto outras pessoas estariam preparando seus cantos e formações mágicas, ela poderia simplesmente lançar um feitiço para neles ser estarem esperando por isso. Honestamente, seria unilateral. Além disso, a imortalidade. Provavelmente não era absoluta, mas ainda era mais roubado que um herói.

“… Me ajude…”

Enquanto Hajime estava pensando para si mesmo, a garota insistiu com ele.

“…”

Hajime sem emoções olhava para a garota, e ela fez o mesmo. Quanto tempo eles olham um para o outro… Ele suspirou e coçou a cabeça, e colocou a mão sobre o cubo que selou a garota.

“Ah.”

A garota percebeu o significado e arregalou os olhos. Hajime ignorou a reação dela enquanto ele se concentrava em sua transmutação.

Magia de cor carmesim foi descarregada dele. Sua magia tinha mudado depois que ele comeu os demônios. No entanto, o cubo estava resistindo a transmutação de Hajime. Foi exatamente como a base na parte superior e na parte inferior de um nível. O cubo não era completamente imune a isso. Pouco a pouco, a magia de Hajime começou a corroer áreas em torno do cubo.

“Ku, a resistência é forte… mas, sou eu que estou aqui!”

Hajime começou a gastar mais magia. O equivalente a um encantamento de seis frases. Finalmente, a magia penetrou a defesa do cubo. O ambiente, foi banhado com a luz carmesim da magia de Hajime.

Hajime precisava de mais magia. 7 frases… 8 frases… A pedra em torno de seu selo começou a tremer.

“Ainda mais!”

Ele derramou magia o suficiente para uma conjuração de 9 frases. Se fosse uma magia de atributo, ela já seria um feitiço de grande nível. Não, a quantidade de magia talvez era de ainda mais. A luz carmesim continuou a crescer rapidamente e mais brilhante. A vampira manteve os olhos abertos enquanto olhava fixamente para o brilho e Hajime.

O suor começou a escorrer de seu corpo, esta foi a primeira vez que Hajime usou sua magia em grande escala. Se ele perdesse o controle apenas por um momento, seu poder poderia causar um desastre. Mesmo com todo esse poder do cubo não cedeu. Hajime estava desesperado; ele tinha liberado toda a sua magia.

Hajime não entendia por que ele faria tudo isso é uma garota que acabou de conhecer. Não tinha jeito, ele não queria deixar a garota sozinha. Até agora, Hajime decidiu dedicar sua vida a eliminar todos os seus inimigos e ir para casa… mas ele se perguntou:“O que você está fazendo” interiormente. Ele queria tratar de tudo com uma solução clara. Ele tornou-se sério.

Seu corpo começou a emitir uma luz vermelha. Realmente, ele estava indo para liberar toda a sua magia. Toda a sua magia foi vertida em sua transmutação para cumprir a sua meta!

O cubo em torno da garota começou a derreter e, pouco a pouco, ela estava ficando sendo liberada de seus grilhões. Logo, mais e mais partes dela se libertaram. Seu peito inchado veio a fora, em seguida, sua cintura, braços e coxas. Dentro do cubo, ela não estava vestindo nada. Mesmo que seu corpo estava emagrecido, ela ainda tinha uma mística beleza. Ela caiu em uma posição infantil depois de todo o seu corpo ter sido liberto. Seu corpo parecia não ter a energia para se levantar.

Hajime também se sentou. Sua respiração era ofegante e seus ombros a acompanhavam. Um pesado sentimento de fadiga o acertou quando ele sentiu suas reservas mágicas vazias. Com a respiração selvagem e mãos trêmulas, ele pegou sua “poção”, mas a garota apertou sua mão. Uma mão que não tinha qualquer poder; pequena e trêmula. Quando Hajime olhou para ela, ela estava olhando para ele. Seu rosto estava em um estado inexpressivo, mas seus olhos contavam a verdade.

Com uma pequena e trêmula voz, ela disse claramente.

“…Obrigado.”

Qual sentimento ele sentiu ao ouvir isso? Profundamente dentro de seu coração supostamente sombrio, havia uma pequena luz que não desapareceu.

Ambos seguraram firmemente suas mãos. Quanto tempo passou? A partir do conhecimento do Hajime, vampiros foram extintos a várias centenas de anos atrás. Lembrou-se de ler sobre isso quando ele estava estudando a história deste mundo.

Mesmo enquanto falava sua expressão não mudou. Em outras palavras, ela tinha esquecido há muito tempo como falar e expressar-se com outras pessoas. Tinha passado muito tempo na escuridão sozinha. Traída pelas pessoas que ela confiava. A garota fez vem em não ter ficado louca. Talvez tenha sido por causa de sua regeneração automática. No entanto, pode ser considerado tortura com ela. Porque não deixar ela ficar louca era o mesmo que fazê-la lembrar de tudo.

Sendo capaz de beber a “poção”, mostrou um sorriso irônico no rosto depois. Ele voltou a agarrar as mãos fracas. Ela fez o mesmo, segurando suas mãos.

“…Qual é seu nome?”

A garota perguntou Hajime com um sussurro. Hajime finalmente percebeu que não haviam se apresentado.

“Hajime. Nagumo Hajime. E o seu?”

Ela murmurou “Hajime” repetidamente. Como ela estivesse gravando em sua mente como algo importante. Para a pergunta, ela respondeu com uma pergunta.

“… Nome, me dê um nome.”

“Eh? O que quer dizer com me dê um nome? Não me diga que você esqueceu seu nome.”

Hajime perguntou-lhe se era por causa da longa pena de prisão, mas ela apenas balança a cabeça.

“Eu não preciso mais do meu nome anterior. O nome que Hajime me der esta bom.”

“… Ha, mesmo se você dizer isso.”

O mais provável é que ela estava lidando com a mesma coisa que quando Hajime mudou. Jogar fora seu eu anterior; viver uma nova vida com novos princípios. Hajime mudou devido à dor, fome e ódio. Ela queria mudar por sua própria vontade. O primeiro passo era conseguir um novo nome.

Os olhos dela estava brilhando com antecipação. Hajime coçou a cabeça ao pensar que não tinha como evitar. Ele disse a ela o novo nome.

“Que tal “Yue”? Eu realmente não tenho bom gosto pra nomes, se você quiser um diferente …”

“Yue? … Yue Yue…”

“Ah, eu não quis dizer Yue [romanji]. Na minha terra natal significa “lua”. Quando entrei pela primeira vez no quarto, eu pensei que aqueles olhos que brilharam através de seu cabelo loiro parecia a lua flutuando no meio da noite… Que tal?”

A garota ficou surpresa com a resposta que ele deu e apenas piscou os olhos. Como esperado, seu rosto permaneceu inexpressivo, mas seus olhos brilhavam de alegria.

“Sim, a partir de agora eu sou Yue. Obrigado.”

“Oh, então para começar…”

“!?”

Yue tirou suas mãos postas e olhou para Hajime. Ele começou a tirar seu casaco e deu a ela.

“Vista isto. Você não pode ficar nua para sempre.”

“…”

Yue reflexivamente tomou o casaco oferecido enquanto ela olhou para seu estado. Ela estava completamente nua. Todas as suas partes importantes foram completamente expostas. O sobretudo de Hajime a envolveu rapidamente, enquanto ficava vermelha. Yue olhou para Hajime e murmurou.

“Hajime é um pervertido.”

“…”

Hajime preferiu ficar em silêncio, porque falar qualquer coisa apenas deixaria as coisas piores. O casaco foi alegremente vestido por Yue. Ela tinha apenas 140 centímetros de altura, de modo que o casaco era grande demais para ela. Suas mãos seguravam as bainhas do casaco com uma expressão agradável em sua face.

Durante esse momento, Hajime estava bebendo sua “poção”. Sua vitalidade se restaurou e seu cérebro estava ativo novamente. Usando a “percepção”… ele congelou. Havia uma sensação de um terrível demônio na área.

A localização… à direita acima!

Quando Hajime notou sua presença, foi o momento em que algo caiu do alto. Com todo esforço ele pegou Yue e usou “Flicker”. Após executar seu movimento, ele olhou de volta para onde estava. Um barulho veio da área, ele veio e viu o que era.

O corpo do monstro era de 5m de comprimento. Tinha quatro braços como longas lâminas e 8 pernas farfalhando ao redor. Uma agulha afiada estava presente em suas duas caudas. Escorpiões seriam a melhor comparação a eles. Quanto às duas caudas, seria sensato assumir que eram venenosas. Hajime sentiu que em comparação com todos os outros demônios que ele havia enfrentado até agora, este era claramente um guerreiro forte.

Suor escorria de sua testa. Quando ele entrou no quarto antes, A força total de sua “percepção” não notou nada. Isto significava que esse demônio escorpião foi libertado depois ele abriu o selo de Yue. O último recurso para impedir sua fuga. Se ele tivesse deixado Yue por si mesma, ele poderia muito provavelmente fugir.

Ele colocou seu olhar para a garota em seu braço. Ela estava sinceramente assistindo Hajime, e não se importava com o escorpião. Seus olhos eram como uma superfície de água calma; sem pânico. Seus olhos cobriram seus sentimentos com eloquência. Yue tinha confiado o seu destino à Hajime.

No momento em que seus olhos se encontraram, os cantos de sua boca se ergueram, e seu sorriso destemido de costume surgiu. Hajime, que não se preocupa com os outros, sentia simpatia por Yue. Luz ainda residia em seu quebrado coração. Por esta garota traída, ele iria se comprometer. Se ele não poderia responder a seus apelos, ele não era um homem.

“Manda ver! Tente me matar se você puder!”

Hajime rapidamente tirou sua “poção” de fora de sua bolsa, ele abraçou-a e deu um pouco para Yue; que estava empoleirada em seus ombros.

“Umu!”

A água sagrada fluiu para o corpo do recipiente em forma de tubo de ensaio. Seus olhos se arregalaram a ser suprida por essa estranha substância, mas ficou surpresa quando sua vitalidade estava sendo restaurada.

Hajime moveu Yue de seu ombro para as costas com a mão. Seus pés ainda estavam fracos, mas iria se recuperar em breve. Ele não queria lutar ao ter de protegê-la.

“Segure-se firme! Yue!”

Seu corpo estava longe de ser recuperado, mas ela usou a força que retornou para se agarrar no corpo de Hajime.

O escorpião começou a fazer barulho enquanto avançava na direção deles. Sentindo o aperto de Yue em suas costas, ele declarou com um sorriso corajoso.

“Se você está querendo ficar no meu caminho… Eu vou te matar e te devorar!”

Comentarios em Arifureta: Volume 2 Capítulo 5

Categorias