Dia 3, Encontro no 3º Andar

6:00 da manhã.

 

[Se você retornar do calabouço, os itens em uso retornarão automaticamente ao seu inventário.]

 

Meu dia começou com aquelas palavras.

Inventário. As palavras ‘Luvas de Couro de Maram’ e ‘Destruidor de Bonecos de Elmer’ apareciam. Nem sequer era necessário dizer os comandos, eu só tinha que pensar neles.

Verificar capacidades.

 

[Resistência: 11]

[Concentração: 11]

[Força de Vontade: 12]

 

Hum.

Embora Cartografia tinha subido um pouco, o fato de que não houve mudanças em meus status significou que a diferença entre os números era bastante significativa. Eu queria verificar quanta experiência eu precisava antes que Cartografia upasse novamente.

Verificar talentos.

 

[Cartografia LV 3. 241/400]

[Tolerância a Dor. LV 5 42/1600]

[Socar. LV 2. 114/200]

[Número 099? LV 0. Nenhuma experiência.]

 

Número 099? O que era isso?

 

[Talento Único – Número 099? ]

 

Apesar do número anexado a ele, eu não me senti mal porque estava na categoria de talento. Mas quando eu tinha recebido isso? Eu sempre li cuidadosamente as mensagens que apareceram na minha frente, e eu nunca tinha notado isso antes.

 

[Entre todos os exploradores, o talento que só o primeiro explorador que o adquiriu pode monopolizar é chamado de talento único].

[O método básico de aquisição é semelhante à aquisição de um talento normal, mas deve ser coerente com a natureza inerente do explorador e seus desejos fundamentais. Depois de adquirir o talento, o explorador deve estar plenamente consciente do desejo de despertá-lo. Ativa-lo.]

 

Quanto mais eu olhava, menos eu sabia. Minha natureza? Desejos fundamentais?

Não havia sequer o nome do talento, apenas pontos de interrogação, então eu não conseguia entender o que era esse talento … Bem, eu não precisava me preocupar muito com isso.

Desde que eu ganhei o talento, eu devo ter feito algo que cumpriu os critérios. Eu pensaria nisso no calabouço.

Eu tomei uma ducha, comi o café da manhã e bruscamente coloquei coisas em minha mochila. Durante os períodos de testes, os cafés que estavam abertos nos fins de semana não seriam tão ocupados. Eu fui direto para um café.

 

 

“Oh, eu quero dormir para sempre.”

Depois de trabalhar silenciosamente no algoritmo no papel por duas horas, Su-yeon largou seu lápis mecânico. Seu rosto bonito tinha uma expressão ruim.

‘Você não dormiu ontem à noite?’

“Eu fiquei acordada até tarde e só dormi por talvez quatro horas.”

Na verdade, não era uma questão de ter dormido o suficiente. Os problemas sobre a mesa eram tão difíceis que estavam fazendo todos cansados. Cinco pessoas, inclusive eu, estudavam em uma sala de estudos de um café.

O algoritmo em que estávamos trabalhando não era simplesmente uma questão de encontrar a resposta. Uma vez que a resposta correta foi encontrada incondicionalmente, teríamos que encontrar um método mais eficiente.

É por isso que algumas pessoas eram necessárias. Uma pessoa escolheu um problema, apertou sua cabeça e compartilhou a solução com os outros. Bem … Pessoas inteligentes não precisavam fazer isso. O fato de eu estar na Universidade O significava que havia muito esforço e talento, mas os gênios estavam realmente além da minha imaginação.

“Uh, o que Oppa está começando é um problema que eu tentei outro dia. Será difícil.”

“Sim. Parece difícil. Mas quando você tentou isso? ”

‘É um problema bastante famoso.’

Dong-wook hyung, que estava ouvindo a conversa, olhou para mim e disse:

“Foi um problema no teste eletrônico SZ do ano passado”.

“Ah, realmente? Eu não sabia disso. Se surgirem vários problemas desse exame … Não há uma regra que você não possa revelar as perguntas? ”

“Alguns seniores memorizaram isso antes de deixarem o exame.”

“Certamente não…”

“Há muitos humanos assim, só podemos olhar para eles de longe …”

Eu mordi as unhas e concentrei-me no problema enquanto escutava a conversa entre Su-yeon e Dongwook. Ao mesmo tempo, sua outra mão largou o lápis mecânico.

“… Eu acho que fiz tudo …”

Su-yeon e Dong-wook viraram-se para mim.

“Já?”

Entreguei meu pedaço de papel em vez de responder. Seus olhos se arregalaram de surpresa enquanto olhavam para ele.

“Wah.”

A boca de Su-yeon se abriu.

“… Hey, você deve ter visto isso de antemão.”

Ela não acreditou. Dong-wook olhou para mim.

“Esse não é o Hee-chul que eu conheço.”

Dong-wook acenou para as outras duas pessoas na sala. Eles estavam ouvindo a conversa, então ambos vieram olhar meu papel.

“Isso parece bom.”

“A condição de Hee-chul é boa hoje.”

Eu dei de ombros, me sentindo meio orgulhoso e meio tímido.

Honestamente, parecia que algo tinha estalado. Eu senti como se isso foi nada. No entanto, foi a primeira vez que me deparava com um problema dessa dificuldade.

Falei algumas palavras aos membros do grupo de estudos antes de olhar de repente para o relógio. Ah! Já era essa hora …

“Oh, eu vou partir primeiro, eu irei, Hyung.”

Reuni apressadamente minhas coisas sobre a mesa. Originalmente, eu teria ficado até uma ou duas da manhã.

“O quê, a confiança de Hee-chul aumentou devido aos estudos?”

“Não é assim.”

Eu não poderia dizer que eu estava indo para um calabouço, então eu só disse adeus e sai da sala de estudos.

“Oppa.”

Olhei para trás para ver Su-yeon me seguindo. ‘Aquilo que o Oppa fez há um tempo.’

“Huh?”

‘Esse papel, posso dar uma olhada?’

Suas mãos se juntaram em um gesto tímido, mas minhas mãos já estavam abrindo minha bolsa. Enfim, eu era um homem coreano normal na universidade. Os outros homens da sala não tiveram a coragem de se embaraçarem na frente da única garota.

“Aqui.”

‘Obrigado, vou devolvê-lo.’

Su-yeon me acompanhou até o elevador do lado de fora do café de estudos.

“Hee-chul oppa …”

“Huh?”

Quando a porta do elevador se abriu, Su-yeon repentinamente deixou escapar:

‘Já pensei nisso há muito tempo, mas você trabalha duro.’

“Eh …”

Eu não poderia responder e acenei minhas mãos. Su-yeon também acenou para mim. As portas do elevador fecharam.

“Hah.”

Trabalha duro. As palavras não estavam erradas. Eu provavelmente não teria sido capaz de chegar até aqui sem trabalhar duro.

Originalmente, eu não teria sido capaz de resolver o problema. Mas não era incomum. Não era a primeira vez que eu era incapaz de resolver um problema. Talvez as capacidades que eu ganhei no calabouço ajudaram.

“Ainda é insuficiente.”

Eu pensei de volta. História de Su-yeon e Doon-wook. Eu não era um gênio e havia muitas pessoas superiores a mim. Mesmo se eu fizesse bem, eu estava muito longe de ser um gênio. Havia poucas pessoas que podiam fazer o que eu podia.

Mesmo Su-yeon foi excelente o suficiente para se matricular em uma escola secundária de ciências para crianças excepcionais. Foi o mesmo para os outros membros do grupo de estudos. Sim, ainda era insuficiente.

Capacidades. Mais talento era necessário.

 

 

[Chegou ao 3º andar.]

À minha chegada,

“Aaaah!”

Eu podia ouvir gritos e ver alguém correndo no meu campo de visão. Era An Su-hyun. Ele chegou um pouco mais cedo porque ele pisou nas escadas antes de mim? Ele não estaria fugindo devido à minha chegada.

Deve haver algo mais; Algo que aterrorizava An Su-hyun. Eu tive que manter minha vigilância. Eu podia ouvir passos, mas eles eram diferentes dos passos de Su-hyun que já tinha desaparecido. Eles eram um pouco mais lentos e mais leves.

“Kuoh …”

Um som estridente.

Então o dono dos passos apareceu.

[Goblin Lime (Trabalhador). Tipo: Ajin (Demi-Humano). Rank F.]

[Uma tribo goblin que foi derrotada acima da terra e acabou se estabelecendo no calabouço. Eles têm seu próprio sistema de classe e cultura mágica que é diferente dos goblins existentes. O tipo de corpo é maior do que outros goblins, mas no caso dos trabalhadores, eles não têm armas ou magia e baixa saúde, então seu poder de combate é muito baixo.]

Certamente, não combinava com a imagem de goblins que eu tinha na minha cabeça.

Tinha aproximadamente 160 de altura, com pele azul. Havia um estômago farto e braços e pernas finos. Se eu não tivesse obtido uma descrição, então de sua aparência eu teria pensado que era mais um demônio faminto do inferno do que um goblin.

Se eu não estava em um canto, então eu teria fugido, mas infelizmente eu estava. Não, não foi infelizmente. Levantei os dois punhos. Eu já tinha colocado as luvas antes de entrar no calabouço.

“Venha.”

Entendia minhas palavras.

“Kya!”

O goblin se aproximou enquanto balançava unhas afiadas. Não havia necessidade de fugir para trás. Eu era maior do que o goblin e ele tinha braços muito mais curtos.

Eu me aproximei, e meu punho apontou para seu queixo.

Bakak!

Senti algo quebrando quando meu punho bateu na mandíbula. Depois de desmoronar e se retorcer algumas vezes, o goblin não se levantou novamente.

 

[Socar. LV 2. 116/200]

 

O goblin estava usando uma saia feita de couro. Ela não parecia ter qualquer valor, mas havia um pequeno bolso nela.

Jingle.

Duas moedas com uma cor fraca surgiram. O rosto de uma pessoa era esculpido por trás e na frente.

 

[Moeda do Império Tellan (Cobre).]

[Uma moeda imperial que ainda tem valor. Feita de material de bronze. É comumente usada entre comunidades ou espécies dentro do calabouço.]

 

Eu coloquei as moedas no meu bolso e comecei a andar. Eu percebi depois de tomar alguns passos que houve uma mudança no calabouço.

No primeiro e segundo andares, o calabouço era uma “caverna”. Embora os caminhos tivessem uma certa largura, havia estalactites nas paredes. Mas neste andar, tijolos foram colocados nas paredes externas das cavernas, apesar de um número significativo deles desmoronando.

Havia vestígios de colunas e fendas derrubadas. Havia traços de marcas nas paredes que costumavam haver pinturas. Pude ver que elas não eram feitas pelas mesmas pessoas que construíram as ruínas. As paredes da caverna foram reveladas nas áreas onde os tijolos tinham caído.

Era o trabalho dos goblins. As imagens eram vermelhas como se tivessem sido desenhadas em sangue. Eram imagens simples que lembravam civilizações antigas como o Egito ou os Maias. É por isso que foi até mais assustador.

Goblins eram criaturas que caçavam humanos e animais, oferecendo os corpos como sacrifícios aos espíritos malignos que eles adoravam. Para ser honesto, eu estava um pouco assustado. Era uma caverna escura e estreita, onde havia paredes que pareciam pintadas com sangue.

“Grrr …”

“Heok!”

Mais dois goblins apareceram em meu campo de visão e eu pulei com medo.

Bam! Bam!

Bati os dois no queixo e os derrubei. Avancei com os nervos a flor da pele.

“… Eu estou assustada.”

“Não se preocupe, Oppa gosta de jogos como esse …”

Eu podia ouvir vozes à frente. Um deles era An Su-hyun. O outro era … Uma garota? Ambas as vozes estavam vindo por aqui, então eu esperei pacientemente.

“Porque nós dois estamos juntos … Kyak! ”

“O que?”

An Su-hyun, que estava de frente para a mulher, apressadamente virou a cabeça para esse lado. Ele segurava o bastão de beisebol em suas mãos que parecia uma clava e tinha uma expressão confiante em seu rosto, mas …

“Você está vivo?”

As palavras saíram involuntariamente de sua boca. Ele pensou que eu estava morto? De repente, um canto da minha mente estalou. Meus nervos feridos começaram a irromper.

“Você a conhece?”

“Eh … uh, uma amiga do quarto 405.”

Ele falou como se ele conhecesse bem a mulher, mas An Su-hyun ainda estava segurando o bastão de beisebol. Coloquei força em meus punhos. Olhei para ele.

Pense com cuidado. Aja racionalmente, Kim Hee-chul.

“É ótimo encontra-lo, nós três devemos nos unir”

An Su-hyun sutilmente ordenou. Eu acenei com a cabeça. Eu acalmei meu coração fervendo quando pensei, eu tinha que me mover racionalmente.

Quando me aproximei dele sem qualquer resposta emocional, An Su-hyun riu de alívio.

“Ok. Já que há uma mulher aqui, nós dois a protegeremos de se machucar … ”

Vamos testar isso. Eu chutei os tornozelos de An Su-hyun com meu pé.

“Ah!”

An Su-hyun se encolheu e imediatamente balançou seu bastão. Esse tempo de reação era impossível a menos que ele já tivesse decidido me bater com antecedência.

Uma pessoa normal iria saltar depois de ser chutado no tornozelo, não balançar um bastão. Ele até xingou e não perguntou por que eu estava fazendo isso. Mas para ser honesto, eu queria que acabasse assim.

Eu calmamente bloqueei o bastão antes que ele terminou o seu balanço. A clava e as luvas fizeram um som enquanto elas colidiam uma com a outra.

Pak!

Agora foi a minha vez. Eu soquei An Su-hyun exatamente no centro de seu rosto.

Pak!

Não foi um julgamento emocional. Por mais racional que eu pensasse, a resposta era a mesma: um cão precisava ser ensinado a ouvir os humanos.

Comentarios em ATD: Capítulo 7



15

Índice×

  1. 0
    Prólogo
  2. 1
    Dia 1, Entrando no Calabouço
  3. 2
    Dia 1, 1º Andar
  4. 3
    Dia 1, Conclusão do 1º Andar
  5. 4
    Dia 2, 2º Andar
  6. 5
    Dia 2, Batalha do 2º Andar
  7. 6
    Dia 2, 2º Andar Completo
  8. 7
    Dia 3, Encontro no 3º Andar
  9. 8
    Dia 3, Controle do 3º Andar
  10. 9
    Dia 3, Dor no 3º Andar
  11. 10
    Dia 3, Surpresa no 3º Andar
  12. 11
    Dia 4, Separação no 4º Andar
  13. 12
    Dia 4, Drogas no 4º Andar
  14. 13
    Dia 4, Monstro do 4º Andar
  15. 14
    Dia 4, 4º Andar
  16. 15
    Dia 5, 5º Andar
  17. 16
    Dia 5, Fome no 5º Andar
  18. 17
    Dia 5, Falso Mal no 5º Andar
  19. 18
    Dia 5, 5º Andar Posição Social
  20. 19
    Dia 6, 6º Andar
  21. 20
    Dia 6, Presas no 6º Andar
  22. 21
    Dia 6, Figura Liderando o 6º Andar
  23. 22
    Dia 6, Vento no 6º Andar
  24. 23
    Dia 6, Comer no 6º Andar
  25. 24
    Dia 6, Completando o 6º Andar
  26. 25
    Dia 7, Família
  27. 26
    Dia 7, Beco
  28. 27
    Dia 7, Preparações
  29. 28
    Dia 7, Cidade do 7º Andar
  30. 29
    Dia 7, Linguagem no 7º Andar
  31. 30
    Dia 7, Chave do 7º Andar
  32. 31
    Dia 7, Uma Classe Diferente no 7º Andar
  33. 32
    Dia 7, Mudança no 7º Andar
  34. 33
    Dia 7, Favor no 7º Andar
  35. 34
    Dia 8, Férias
  36. 35
    Dia 8, Pescando
  37. 36
    Dia 8, Poker
  38. 37
    Dia 8, Presente Especial
  39. 38
    Dia 11, Uso
  40. 39
    Dia 11, Floresta do 8º Andar
  41. 40
    Dia 11, 1/3 do 8º Andar
  42. 41
    Dia 11, Renovação do 8º Andar
  43. 42
    Dia 11, Integração do 8º Andar
  44. 43
    Dia 12, Cooperação
  45. 44
    Dia 12, Pontos
  46. 45
    Dia 12, Chama
  47. 46
    Dia 12, Roubo
  48. 47
    Dia 12, Tamboril no 9º Andar
  49. 48
    Dia 12, Ovo do 9º Andar
  50. 49
    Dia 12, Criatura Sagrada do 9º Andar
  51. 50
    Dia 12, Cão do 9º Andar
  52. 51
    Dia 13, Triste
  53. 52
    Dia 13, O que Comer?
  54. 53
    Dia 13, Inimigo Natural
  55. 54
    Dia 13, Princesa e Cão (1)
  56. 55
    Dia 13, Princesa e Cão (2)
  57. 56
    Dia 13, Demônio do 10º Andar
  58. 57
    Dia 13, Grande Cenário do 10º Andar (1)
  59. 58
    Dia 13, Grande Cenário do 10º Andar (2)
  60. 59
    Dia 13, Grande Cenário do 10º Andar (3)
  61. 60
    Dia 13, Grande Cenário do 10º Andar (4)
  62. 61
    Dia 13, Grande Cenário do 10º Andar (5)
  63. 62
    Dia 13, Relação Preço/Desempenho no 10º Andar