Breakers: Capítulo 213


Capa Breakers

Breakers

Autores: Chwiryong (취룡)
Tradutor: Kokori

Encontro #4

O Cavaleiro da Guerra olhou para longe, enquanto Guerra olhava inquieta.

Um novo campo de batalha apareceu nos pontos de vista do Cavaleiro da Guerra.

 

&

 

O Meio Rei olhou para In-gong. Então, todos os mortos-vivos no campo de batalha também olharam para In-gong. Centenas de milhares de olhos cobriram In-gong como uma enchente. Era realmente excessivo.

Vento Verde ficou perplexa por um momento. Pela primeira vez desde que ela se juntou a In-gong, seus ombros caíram de medo. Era uma perversidade feroz. As centenas de milhares de olhos pareciam como espadas e machados cortando seu espírito. Vento Verde tremia. Sua pele estava pálida e não podia respirar. Lágrimas derramaram de seus olhos como se ela fosse uma criança.

‘Morte. Deixar de existir. Destruição.’ Era o que ela pensava. Ela não conseguia pensar em mais nada.

Naquele momento, assim como seu espírito estava prestes a ser esmagado…

In-gong levantou as mãos. Diante dos inúmeros olhares, ergueu o braço horizontalmente como se estivesse escondendo Vento Verde. In-gong enfrentou as centenas de milhares de olhos também, e o olhar de Shutenberg era pesado. No entanto, In-gong enfrentou-o em frente; ele não recuou.

Sua divindade cresceu, e a mulher branca gritou na alma de In-gong,

‘Conquistar!

“Obedecer e governar!”

Kwang!

Um som explosivo soou, e In-gong empurrou o poder de coação de Shutenberg. Quando a luz branca colidiu com o poder de Shutenberg, aconteceu uma explosão. Este era o poder da Conquista. Simultaneamente, também era o poder de Dhrtarastra.

Vento Verde respirou com dificuldade recuperou o controle de si mesma. Como ela mais uma vez sentiu sua afeição para com In-gong, ela criou um forte vento para mantê-lo seguro.

Haviam mais duas pessoas e não apenas In-gong que cortaram o poder de Shutenberg. Um deles tinha agarrado a Espada do Guerreiro, enquanto o outro havia puxado sua matadora de dragões.

Um era o Guerreiro Locke, o protagonista do Mundo Humano em Knight Saga. E o outro era o 2º Príncipe Zephyr Ragnaros, o protagonista do Mundo Demônio em Knight Saga.

As duas pessoas acompanharam In-gong, levantando suas armas contra o mesmo inimigo. Um sorriso surgiu no rosto de In-gong. Embora ele soubesse que não era a hora, ele não podia deixar de rir. Ele estava com estes dois… In-gong iria lutar contra o inimigo junto dos dois.

Locke também riu. Zephyr franziu a testa como se achasse que ambos estavam loucos.

“Ele está vindo.”

Locke disse, e Zephyr concordou. Shutenberg levantou seu cajado e espada ao mesmo tempo. Os espectros que vagavam ao redor de Shutenberg correram para as três pessoas enquanto gritavam. In-gong os viu, e Treme Terra rosnou quando In-gong cerrou o punho. Então In-gong gritou com todo o poder da conquista!

“Abaixo da Bandeira do Rei!”

Kwang!

Mais uma vez, houve um som ensurdecedor. Uma brilhante bandeira de luz branca atingiu o chão, e o enorme poder da Conquista afastou o poder azul de Shutenberg. Vento Verde, Locke e Zephyr também foram fortalecidos pelo poder da Conquista.

“Vamos.”

In-gong disse, e Locke e Zephyr empunharam suas armas.

 

&

 

O Cavaleiro da Morte olhou para longe, enquanto a Morte sorria alegremente.

O Cavaleiro da Guerra se aproximou do Cavaleiro da Morte.

 

&

 

Todo o campo de batalha estava gritando. O enorme redemoinho de poder mágico no céu estava soltando relâmpagos, e Felicia se lembrou do vórtice que ela tinha visto na Floresta do Céu.

A aparição de Arch Lich Shutenberg também afetou os mortos-vivos. Eles ficaram mais fortes e mais ferozes.

Ao invés da Barreira de Fogo, Felicia tocou o chão e ergueu a terra. Toda vez que o chão tremia, os mortos-vivos caíam e se pisoteavam. Eles não eram capazes de resistir a serem esmagados quando as paredes de terra se formavam.

No entanto, haviam muitos mortos-vivos. A razão pela qual Felicia e os outros continuaram se movendo não era apenas para se juntar a Baikal. Era óbvio que se ficassem parados, eles seriam mortos pela onda de mortos-vivos.

Caitlin e Vandal foram na frente do grupo e abriram caminho. Depois de ganhar o poder de um apóstolo, Caitlin era como um furacão. Toda vez que lançava um ataque, dezenas de mortos-vivos entraram eram destruídos.

Considerando a enorme diferença de números, o grupo era dominador.

Quando um enorme raio de Silvan desintegrou os mortos-vivos na frente deles, Felicia sentiu uma sensação de segurança. Ela queria elogiar seu irmão sempre confiável, mas manteve isso em mente porque sabia que Silvan ficaria louco se ouvisse isso.

Foi difícil para Felicia continuar mudando o terreno enquanto se movia. Ela precisava de tempo para respirar por um momento. Enquanto recuperava a respiração, o olhar de Felicia se afastou. Ela viu o verdadeiro centro do campo de batalha, que estava muito mais longe do dragão de gelo azul.

Apesar de usar magia para ver longe, ela não conseguiu ver apropriadamente. Tudo o que sabia era que uma enorme quantidade de aura e poder mágico estavam colidindo um com o outro. Estava claro que uma terrível batalha estava ocorrendo. Talvez fosse mais aterrorizante do que a luta contra o Deus Demônio na Floresta do Céu.

Felicia não conseguiu deixar de tremer. Ansiedade e impaciência consumiam seu coração. Desde a subjugação da tribo Relâmpago Vermelho, ela sempre esteve com In-gong. Apesar de estar no mesmo espaço, esta foi a primeira vez que ela não conseguiu ver a luta dele. In-gong estava bem? Ele poderia ganhar desta vez?

“Não se preocupe, é o Príncipe.”

Carack veio até ela e disse. Era um tom relaxado que não se encaixava na atmosfera do campo de batalha.

Felicia se virou para olhar para Carack. Em vez de encarar Felicia, Carack estava sorrindo enquanto olhava para onde In-gong estava lutando.

“Sim, é o Shutra.”

Felicia concordou. Era estranho, mas seu coração se sentia mais leve.

“Então vamos voltar ao trabalho. Nós não queremos estar ociosos quando o Príncipe voltar.”

“Sim.”

Neste momento, Felicia entendeu um pouco por que Delia tinha se apaixonado por Carack. Felicia respirou profundamente, bateu em suas bochechas levemente e voltou a se concentrar em sua magia. Carack sorriu e levantou o machado. Ainda haviam muitos mortos-vivos sobrando.

 

&

 

O Rei Mercenário, Carlov, era um mercenário como sugeria o título. Não era um exagero dizer que ele passou toda a vida no campo de batalha.

No entanto, esta era a primeira vez que ele viu um campo de batalha como este. Havia um número infinito de inimigos que se aproximavam, e haviam aliados que avançavam enquanto destruíam esses inimigos…

Este era realmente o Mundo Demônio. Ao viajar pelo Mundo Demônio, ele percebeu que as espécies do Mundo Demônio eram muito mais militantes do que as do Mundo Humano. No entanto, sua verdadeira descoberta veio deste campo de batalha. Eles exibiam um tremendo poder de combate, digno de ser chamado de elite do Mundo Demônio.

Alguns cavaleiros do Mundo Humano não poderiam lutar como os que estavam diante dele agora mesmo. Em particular, as crianças do Rei Demônio eram incríveis. Apesar de estarem no meio da adolescência até o início dos 20, suas habilidades eram verdadeiramente fantásticas.

Carlov assobiou enquanto os observava. Ele queria lutar junto de Caitlin, que mostrava o charme de um lutador, mas seu dever era proteger Beatrice.

Beatrice estava rezando com os olhos fechados. Toda vez que ela cantava, a aura divina que a rodeava se tornou mais forte. Ela não era a única santa que estava orando. A Santa Sombria Altesia também estava rezando com o poder sombrio de Erebos em torno dela.

Se era uma coincidência ou inevitabilidade, as orações das duas sacerdotisas terminaram ao mesmo tempo e gritaram alto:

“Pais no céu! Mostrem suas forças e iluminem este mundo com a glória de sua luz!”

“Acreditem!”

Houve uma grande diferença em seus últimos gritos, mas, felizmente, os deus da luz e o deus das trevas amavam igualmente as suas santas. O Deus da Luz deu a sua filha um milagre em resposta à sua oração, enquanto o Deus das Trevas deu poder à sua jovem filha.

Um brilho de luz veio do céu cheio de nuvens escuras. Era como se uma espada gigante dourada estivesse dividindo a terra e o céu. O poder da luz era absoluto. Todos os mortos-vivos tocados pela luz dourada foram imediatamente transformados em cinzas, e dezenas de milhares de mortos-vivos foram evaporados do campo de batalha em um instante.

O milagre sombrio também desceu dos céus. Uma escuridão, que parecia devorar tudo, cobriu o céu e a terra. A escuridão apagou tudo o que engoliu, varrendo tudo em seu caminho e não deixando nada em seu lugar.

Foi uma grande façanha que todos no exército do Rei Demônio não poderiam deixar de admirar. Isso era natural desde que o milagre das duas sacerdotisas havia acabado com 200 mil mortos-vivos. Carlov rapidamente agarrou Beatrice, que estava prestes a cair. Altesia também caiu, e os cavaleiros de Erebos ao seu lado se apressaram para pegá-la.

Apesar de estarem banhadas em suor, as duas sacerdotisas ficaram muito contentes e rezaram novamente a cada deus. Simultaneamente, duas pessoas estavam sentindo uma grande alegria.

“Orabeoni!”

“Anastasia!”

Anastasia e Baikal sorriam brilhantemente quando se encontraram. Anastasia queria entrar nos braços de Baikal, mas a distância entre eles ainda era grande.

“Hyung-nim!”

Chris gritou repentinamente enquanto estava cheio de poder selvagem. Então Baikal mudou habilmente o curso de suas tropas. Graças ao milagre das duas sacerdotisas, os mortos-vivos circundantes foram varridos, então não precisavam se preocuparem com a batalha entre o Duque da Espada e o Rei Invernal por um tempo. A luta da Duque da Espada era algo que nem podia ser imaginado.

Atualmente, Caitlin era a melhor lutadora entre eles, enquanto Chris e Baikal lutavam em ambos os lados dela. Baikal ficou extremamente confuso com a aparência transformada de Caitlin, mas não havia tempo para falar sobre isso.

“Formação de flecha! Avançar!” (Kokori: É ESSA formação, a tradução literal seria ‘formação de cunha’, mas não achei que seria a tradução certa, então fiz essa “adaptação”.)

Chris ordenou, e Caitlin avançou. Todo o exército era como uma enorme flecha, com Caitlin sendo a ponta. Seu objetivo era o centro do círculo mágico onde uma enorme batalha estava ocorrendo.

 

&

 

O Duque da Espada e o Rei Invernal não se moveram enquanto se enfrentavam. Era a fase de confronto após várias trocas ferozes.

A reputação do Rei Invernal não era em vão. Não haveria nenhum entre os capitães que poderia vencê-lo; Ele realmente era o mais forte além da Linha de Limite.

O Rei Invernal riu selvagemente. Havia alegria e prazer em seus olhos. Eles eram os olhos de uma pessoa que gostava de lutar contra o forte. O Duque da Espada sorriu. Ele também gostava de lutar contra o forte. Como alguém que tinha caminhado pelo caminho da espada durante toda a sua vida, isso era um grande prazer para ele.

No entanto, não era hora de ser imerso em sua alegria. O Duque da Espada fechou os olhos, e ele respirou profundamente.

Os príncipes estavam lutando contra Arch Lich Shutenberg. Originalmente, ele era um inimigo com quem o Duque da Espada deveria lidar. A nova geração de esperança teria dificuldade em superar o poder de Shutenberg.

O Duque da Espada abriu os olhos. Era o mesmo com o Rei Invernal que sentiu que chegou a hora.

A tranquildade que existia entre as duas pessoas quebrou. O Duque da Espada e o Rei Invernal mais uma vez cruzaram as espadas.

 

&

 

Uma batalha feroz estava se desenrolando.

Não era um exagero dizer que o destino do Mundo Demônio estava pendurado nessa batalha.

Era o que eles pensavam.

Isso era intencional.

 

&

 

O Arch Lich Shutenberg era forte. Seu poder mágico era comparável ao Deus Demônio na Floresta do Céu.

Além disso, seu poder mágico não era grande devido a absorver o poder mágico da Floresta do Céu como o Deus Demônio. Em vez disso, suas habilidades mágicas haviam sido acumuladas ao longo de 2.000 anos de vida e eram suficientes para fazer Felicia e Anastasia parecerem crianças.

Então, mesmo que Locke e Zephyr lutassem juntos, Shutenberg nunca foi pego de surpresa. In-gong fez o possível para lutar contra Shutenberg.

No entanto, dentro da alma de In-gong, Conquista, a mulher branca vestindo a coroa dourada, voltou sua atenção para outro lado. Pensou naquelas além de Shutenberg.

O Cavaleiro da Morte e o Cavaleiro da Guerra…

Onde eles estavam? Por que eles não apareceram neste momento?

A mulher branca ergueu a cabeça na escuridão. Ela sacrificou muitas coisas para escapar de seu destino há 1.000 anos, e ela ainda estava incompleta. Portanto, ela não deveria ter percebido isso.

No entanto, a mulher branca tinha um pressentimento. Ela percebeu algo.

 

&

 

O Cavaleiro da Morte e o Cavaleiro da Guerra encararam um ao outro. Os cavaleiros não sentiram isso apesar de 1.000 anos de separação.

No entanto, Morte e Guerra eram diferentes. Desde de que perderam sua líder,Conquista, os dois sentiram emoções profundas ao se juntarem mais uma vez. Guerra, a mulher vermelha, abraçou a Morte em meio a escuridão. Morte, o homem azul, abraçou a mulher vermelha.

“Ahh.”

A mulher vermelha estava chorando. Ela sentiu alegria pura enquanto encarava o homem azul. O homem azul não era diferente. Finalmente, ele soltou sua irmã e olhou para a escuridão.

O Cavaleiro da Morte se juntou à Morte. Ele tinha 1.000 anos e diferente dos outros Cavaleiros do Apocalipse. O Cavaleiro da Morte poderia ser chamado de Morte em si.

O Cavaleiro da Guerra voltou sua atenção para o Cavaleiro da Morte. Morte e a Guerra estavam juntos na escuridão e olharam para o novo campo de batalha.

Finalmente, chegou a hora. Todos os que interfeririam estavam no norte. O Cavaleiro da Morte e o Cavaleiro da Guerra deram um passo à frente. Seus olhares estavam focados no novo campo de batalha.

O Palácio do Rei Demônio…

Era o lugar onde o homem que protegia o Mundo Demônio estava localizado.

Comentários