iLivro

Cruzamento #2

“Esta é a fase de configuração do sonho. Tem certeza de que quer criar um sonho?”

Assim como cada vez que ele upava, a voz de uma mulher era ouvida da tela. Era uma voz suave e calorosa, mas depois de experimentar algumas vezes, chegou à conclusão de que não existia uma personalidade nela.

Era como a voz de um NPC no jogo que repetia palavras predefinidas.

“Bem, é compreensível.”

Se a voz tivesse personalidade, seria como se uma mulher estivesse espiando seu sonho. Se houvesse alguém espreitando, as pessoas não iriam querer sonhar.

‘Constrangedor.’

Claro, a voz só estava presente no sonho, então não podia ir e contar aos outros sobre o sonho. No entanto, ainda era constrangedor.

“Sim, constrangedor.”

Ele não quis mostrar o seu sonho para os outros. Seria como revelar seus desejos secretos para eles.

In-gong se acalmou respirando profundamente e olhou para a frente. Assim como todas as cenas de filmes clássicos que ele havia visto no passado, o mundo inteiro era branco. Além disso, era um espaço amplo sem paredes, então não havia distinção entre o céu e a terra.

Parecia uma tela em branco que não tinha sido tocada.

‘Tudo bem, então o cenário.’

Esta não era a primeira vez que usava o Travesseiro dos Sonhos Lúcidos.

A primeira vez foi ao perseguir o rei bárbaro na segunda base. Outra característica do Travesseiro dos Sonhos Lúcidos era dá-lo uma boa noite de sono, então ele havia usado isso durante as marchas repetidas.(Kokori: Agora tá explicado do por quê ter abaixado para 9 antes.)

“Eu tentei apenas algumas configurações.”

O Travesseiro dos Sonhos Lúcidos era comparável a um jogo com um slot de salvamento. Então, ele criou um novo jogo, deixando o primeiro slot pausado e abrindo um segundo slot.(Kokori: Acredito que todos saibam o que é ‘slot’, mas né, é um espaço, encaixe depende do contexto mas em geral é algo a ser preenchido com algo.)

“Por favor, imagine o cenário que você quer em sua mente.”

“A voz do guia podia ser ativada ou desativada a qualquer momento.”

A voz foi ouvida sucessivamente. In-gong fechou os olhos e se concentrou. Devido à natureza dos sonhos, a primeira coisa que viesse à mente era o quarto de In-gong.

Não era o quarto dele em sua mansão no Palácio do Rei Demônio.

O que ele imaginava era o quarto dele antes de chegar a este mundo— o lugar onde Joo In-gong, e não Shutra, morava. O quarto de In-gong tinha uma cama, um armário e uma estante para livros. Não havia necessidade de retocar nada com sua imaginação. Ele conseguiu vê-lo claramente como se tivesse sido tomado com uma fotografia.

No entanto, os olhos de In-gong não abriram. Ele rapidamente apagou os pensamentos em sua cabeça. Se ele abrisse os olhos para ver seu quarto, sentia que algo na mente de In-gong iria colapsar. Ele tinha que esquecer essas coisas para sobreviver. Então, enterrou tais pensamentos do passado a fim de viver no presente.

In-gong respirou profundamente. Ele esvaziou a cabeça e pensou em um novo cenário, usando sua imaginação para criar o sonho.

Agora era um jardim no Palácio do Rei Demônio, mas não era exatamente o mesmo. Era muito mais amplo, e não era apenas a mansão que cercava o jardim. Havia a mansão onde Felicia e Silvan moravam, bem como a mansão de Caitlin e Chris, ao lado da mansão de In-gong. Havia também uma forja de ferreiro na esquina onde Amita estava brincando.

‘Amita está no cenário’.

In-gong riu enquanto olhava para o céu. O céu… Era o céu azul, limpo que In-gong gostava.

Também era possível controlar o clima. Ele o fez ensolarado e quente, mas o vento frio fez com que ele se sentisse refrescado.

“Eu senti isso da última vez, mas posso entender por que existem slots separados.”

Uma vez que ele começou a fazer as configurações, não havia limite. Era interessante brincar enquanto configurava o sonho.

Não era apenas a configuração do cenário.

“A colocação de pessoas é igual a configuração do cenário.”

“Os personagens são apenas figuras no sonho. Eles não são as pessoas reais. Portanto, tanto a personalidade quanto as habilidades são criadas pelo proprietário. Por favor, note este ponto.”

In-gong assentiu enquanto ouvia a voz. Era impossível criar todos os segredos e histórias passadas das pessoas incluídas no sonho. Quando pensou nisso, In-gong não tinha confiança para criá-los.

‘Mas ainda…’

Ele deveria pelo menos tentar uma vez. In-gong fechou os olhos e imaginou,

A pessoa que sempre esteve com ele desde que entrou neste mundo… Uma voz que falava cada vez que o In-gong estava em perigo.

In-gong abriu os olhos. Uma mulher com cabelos brancos estava diante dele. Ela estava vestindo roupas brancas, semelhantes a vestimenta do clero e tinha uma coroa de ouro em sua cabeça. Ela tinha um olho vermelho e um olho azul. A luz em seus olhos era amigável, mas solitária.(Kokori: Acharam que era no Carack, né? Eu também, mas aí me liguei que desde o primeiro cap ele já era um Cavaleiro da Conquista.)

Este ainda era o estágio de configuração, então ela ainda não podia falar. In-gong fechou os olhos novamente e imaginou outra pessoa.

Desta vez, ele pensou na Sentinela Ainkel. Assim que abriu os olhos, In-gong ficou impressionado.

Uma criatura gigantesca estava olhando para In-gong de um lugar muito alto. O corpo de Ainkel era um enorme dragão verde; Esta era a aparência que ele tinha visto quando ele conquistou seu coração de dragão nas Planícies Enger. In-gong mudou rapidamente a configuração. Então, Ainkel, que era maior do que uma montanha, tornou-se a Vento Verde que era menor.

‘Ohh’.

Os chifres de veado brotaram em meio aos longos cabelos verdes, e folhas e caules se uniram para formar roupas naturais. Ela era uma existência sagrada, elegante e nobre, e seus olhos verdes estavam cheios de mistério.

Era a Vento Verde que ele havia visto pela primeira vez nas Planícies Enger.

No momento seguinte, outra Vento Verde apareceu ao lado de Ainkel. Ela era a linda e encantadora Vento Verde.

Os rostos deles eram os mesmos, mas a atmosfera que elas emitiam era diferente. Ao contrário de Ainkel, que permaneceu calma, Vento Verde parecia que queria correr para In-gong. Ele foi forçado a pensar em um cachorro ansioso para seguir o comando de seu mestre.

Foi naquele momento que uma cauda se formou nos quadris de Vento Verde e uma petisco de cachorro apareceu na frente dela.

In-gong tentou segurar sua risada. Era fofo, mas de alguma forma, sentiu culpa. A Vento Verde diante dele era o modo como In-gong pensava nela. Ainda assim, não era um exagero?

“De qualquer forma, isso é divertido.”

Desta vez, In-gong imaginou Felicia. Ela estava vestida com um terno de mulher e usando óculos com armação preta, então ela parecia tão boa quanto o esperado. Embora Felicia tenha a idade de uma estudante do ensino médio, a imagem de Felicia de In-gong era mais próxima de uma professora ou uma profissional.

Carack usava um terno preto e óculos de sol. Parecia ser bem, pois ele tinha um ótimo físico.

In-gong convocou Nayatra e olhou em volta reflexivamente. Embora ele sentisse que os olhares de Conquista e Ainkel o julgassem um pouco, ele mudou Nayatra para uma roupa de enfermeira. Na verdade, funcionou bem.(Kokori: Haaa, esse garoto ta ficando atrevido, era disso que o Carack tava falando.)

Foi difícil parar quando começou a brincar com eles como bonecas. Exceto pela mulher branca e Ainkel, In-gong apagou o resto dos personagens.

Em primeiro lugar, o Travesseiro dos Sonhos Lúcidos estava sendo usado hoje para se preparar para a luta contra o Vandal. In-gong imaginou o rei bárbaro e Vandal, e o rei bárbaro e o Vandal estavam agora de pé lado a lado.

“Em seguida é limitar suas habilidades.”

Se ele mudasse tudo usando seus pensamentos, não seria um treinamento adequado. In-gong adicionou configurações adicionais para que suas habilidades correspondessem às suas estatísticas atuais.

‘Posso usar isso para visualizar minhas estatísticas?’

Este era um tipo de simulador, então era possível verificar como ele deveria distribuir seus pontos restantes da maneira mais eficiente.

“Quanto mais eu olho para isso, mais esse sistema parece uma farsa.”(Kokori: Lógico, pode escolher o que melhorar e ainda poder upar as skills, imagina se não fosse.)

Isso não seria de ajuda na realidade, mas o valor do item não era apenas como poderia ser utilizado na batalha. Como Felicia disse, este era um item extraordinário.

Agora que ele conhecia o verdadeiro valor do item, ele novamente agradeceu a Caitlin. Incluindo Felicia, eram as duas pessoas que ele realmente queria proteger.

‘Ok, então vou começar.’

“Você ainda não configurou uma situação e uma história.”

“Você quer começar o sonho?”

“Uma vez que você começar o sonho, você não poderá acordar por oito horas, a menos que algo especial aconteça.”

“Exemplos de eventos extraordinários incluem um forte impacto do exterior, um forte pedido do usuário ou danos ao Travesseiro dos Sonhos Lúcidos na vida real.”

In-gong assentiu com a cabeça. Ele havia dito a Vento Verde com antecedência para acordá-lo se algo acontecesse.

In-gong estava esperando uma luta com o rei bárbaro e Vandal, então nenhum cenário ou configuração era necessária.

“Bem, vou começar o sonho. Espero que você tenha um bom sonho.”

No momento em que a voz elegante falou, o mundo mudou. Tudo estava intacto, mas In-gong podia sentir isso.

Tudo em seu sonho ganhou vida.

In-gong virou-se para Conquista. Como esperado, ela não disse nada. Ela olhou para In-gong com olhos solitários, mas afetuosos.

Por que ela estava fazendo essa expressão? Ela havia dito que In-gong era sua única esperança.

A Fome e a Morte sentiam uma forte afeição para ela. A Guerra era ambígua mas era um pouco diferente da Fome e da Morte. A Guerra ainda gostava da Conquista.

In-gong queria ouvir mais histórias da Conquista, mas parecia impossível.

In-gong então se virou para Ainkel. Ela encarou ele e riu suavemente. Ainkel agarrou o vento e fez uma cadeira invisível, então ela disse com alegria,

“O Travesseiro dos Sonhos Lúcidos é um item interessante. Eu sei quem criou esse item, mas não posso te dizer. Você ainda não tem conhecimento suficiente.”

Assim que a voz elegante havia falado, In-gong não especificou nenhuma instrução ou história. No entanto, Ainkel estava agindo assim. Além disso, as palavras que ela falou não eram coisas que ele conhecia.

Ela sabia quem fez isso, mas não podia dizer a ele; Este era um conhecimento desconhecido para In-gong.

“Ain… kel?”

“Eu não sou Ainkel. Eu sou o seus resquícios. Suponho que eu seja última peça. Eu sou apenas o fragmento de memória e personalidade que permaneceram no coração do dragão. Estou mais perto da sua querida Vento Verde do que Ainkel.”

In-gong entendeu. Não era apenas Conquista que habitava a alma de In-gong; havia também o fragmento de Ainkel.

In-gong se voltou para Conquista novamente, mas ela ainda era a mesma coisa.

Ainkel disse,

“O Travesseiro dos Sonhos Lúcidos é versátil, mas ainda é uma ferramenta limitada. Este mundo é feito por você e é para você. Estou enterrada profundamente em sua consciência e posso falar com você com a ajuda do Travesseiro dos Sonhos Lúcidos, mas é só isso. Estou limitada a ajudá-lo e dá-lo informações relacionadas ao conhecimento que você já possui.”

In-gong entendeu isso. Ele então perguntou de forma contundente,

“Ainkel, Conquista, Guerra, Fome e Morte estão… envolvidos em sua morte?”

“Acho que sim.”

Era a resposta que ele esperava. No final, não havia uma razão concreta para mudar os pensamentos de In-gong.

Em vez de se tornar frustrado, In-gong mudou o tópico para outra coisa.

“Ainkel, eu quero ir a sepultura do dragão para aprender magia dos dragões. Você pode me dizer onde está a sepultura do dragão?”

“Você conhece o lugar. No entanto, há muitas coisas em sua memória, então não está lembrando. Eu lhe darei uma boa dica. Descubra como tirar proveito de mim. Sim, posso ajudá-lo se este for o caso.”

Obviamente, ele tinha visto isso no jogo, mas ele não conseguia se lembrar corretamente. Embora Zephyr fosse um dragão humanoide, ele não sentia necessidade de visitar a sepultura do dragão porque ele não podia aprender a magia dos dragões.

A sepultura do dragão era um campo de treinamento para dragões. Em Knight Saga, era um lugar onde um poderoso dragão educava seus filhos.

Ainkel convocou a memória de In-gong para ele, e um mapa que mostrava a localização aproximada da sepultura do dragão surgiu em sua cabeça. Era o mesmo que tinha visto em um livro.

Quando a expressão de In-gong se iluminou, Ainkel sorriu e disse,

“Vou deixá-lo aqui por hoje. É uma reunião curta, mas eu estive adormecida por muito tempo. Podemos ter uma conversa mais longa na próxima.”

In-gong sentiu um pouco de arrependimento, mas ele não mostrou isso para Ainkel.

“Eu vou voltar agora. Cavaleiro da Conquista, cuide bem de Vento Verde.”

Com essas palavras, Ainkel fechou os olhos. Ela não desapareceu no vento como Vento Verde, mas In-gong podia dizer que a Ainkel na frente dele agora era apenas uma concha vazia.

In-gong enviou a Ainkel de volta. Ele faria o mesmo com Conquista, mas no final, ele não fez. Talvez ela não soubesse que podia falar com In-gong através do Travesseiro dos Sonhos Lúcidos.

“Ok, então de volta ao ponto principal.”

In-gong virou-se para o rei bárbaro e Vandal. Era como se tivessem subitamente ganhado a vida, e o rei bárbaro e Vandal olharam para In-gong.

O mundo do Travesseiro dos Sonhos Lúcidos era um sonho. Então, era impossível ganhar experiência ou aumentar seus níveis de habilidade enquanto estava dentro do sonho. Mesmo assim, ele era capaz de praticar. Ele era capaz de entender suas técnicas mais profundamente e poderia encontrar maneiras de utilizá-las.

In-gong espirou, e quando ele ergueu a cabeça, ele teve Treme Terra, Águia Branca, Vigília Noturna e Caneleiras de Escamas de Dragão equipados.

“Vamos começar.”

O rei bárbaro levantou o Esmagador de Crânios e se aproximou.

Então, oito horas depois…

Quando Carack acordou In-gong, ele tinha experimentado 32 mortes.

&

“Shutra, apareci no sonho?”

“Amita apareceu.”

Comentarios em Breakers: Capítulo 132

Categorias