DK&H: Capítulo 1 Parte 2


Capa DK & H

Demon King & Hero

Autores: Phantom Of The Moonlit Night 월야-팬텀
Tradutor: Pyown

“P-parou?”

O corpo de Yuria balançou.

“O rei demônio também era um trabalho que você poderia abandonar?”

De jeito nenhum. Como você pode deixar de ser um senhor de todos os demônios!

“Não me faça rir! Você acha que eu cairia nesse tipo de mentira?”

“Não é mentira, no entanto.”

Com uma indício de um sorriso no rosto, o rei demônio deu um passo mais perto de Yuria.

Flinch!

Quando o rei demônio deu um passo mais perto de Yuria, ela se encolheu, puxando de volta a sua espada.

“O que você está planejando!”

“Não, é apenas uma cortesia comum conversar com alguém de perto. É diferente para os humanos?”

Olhando para o rei demônio que inocentemente inclinou a cabeça, Yuria gritou:

“Quem você acha que seria enganada pelos planos de um demônio maligno!”

No momento em que Yuria puxou sua espada, o rei demônio recuou, assustado.

“Não, eu não estou tentando enganar você.”

Com um “Ah!” Ele puxou um item do bolso.

“Você acreditaria em mim com isso?”

“A Balança do Deus Chefe?”

Ela tinha visto este item também, não muito tempo atrás, durante a promessa do Imperador. As únicas relíquias do deus Sermia, que criou o mundo, ninguém sabia quantas restaram.

No entanto, quando um juramento foi feito na Balança do Deus Chefe, esse juramento deve ser mantido, e se não fosse mantido, dizia-se que o Deus Chefe asseguraria pessoalmente que o juramento não fosse quebrado. Um item lendário que nem mesmo os Deuses Divinos, nem os Deuses Demônios, as maiores existências do mundo, poderiam evitar ser vinculados.

“Vamos conversar sobre isso. Eu prometo que não vou fazer nenhum truque.”

Um brilho suave emanou da Balança.

Recusando-se a atacar alguém que havia jurado na Balança, Yuria embainhou sua espada e disse:

“Sua história, eu vou ouvir. Mas se você é o rei demônio, eu vou te matar.”

Mesmo em face das palavras sanguinárias de Yuria, com alguma felicidade insondável, o rei demônio sorriu.

“Então vamos conversar lá dentro, vamos?”

***

“Não há veneno nisso, beba”, disse o rei demônio, colocando uma xícara de chá cheia de líquido verde na frente dela.

“O que é isso?”

“É chamado chá verde. No mundo humano, não é encontrado nessas partes, mas sim no Império Oriental, e tem um sabor muito delicioso.”

O rei demônio que estava saboreando pacificamente o gosto exalava um sentimento de um homem velho, completamente diferente de sua aparência ou o que ele realmente era.

Apesar disso, Yuria nem sequer olhou para o chá e continuou a encarar o rei demônio.

Um juramento pela Balança do Deus Chefe, um rei demônio ainda é um rei demônio.

A partir das próprias experiências de Yuria, a maioria dos vilões de terceira categoria ficariam confusos ou loucos instantaneamente com palavrões ou com a espada. Mais frequentemente do que não, os que eram sempre alegres, com expressões brilhantes, ou seja, o homem na frente dela, eram os verdadeiros demônios entre os demônios.

Olhando para a mulher que estava perdida em seus pensamentos, o rei demônio estalou os dentes.

“Bem, não beba se você não quiser. Já faz um tempo que eu não recebi ninguém, então eu também ganhei meus produtos favoritos da mais alta qualidade.”

“Haveria alguém que tão facilmente beberia chá que um rei demônio ofereceu?”

“Eu te disse, eu parei de ser um rei demônio. Não tenho intenção de lutar.”

‘Como esperado…’

Havia vilões, quando encurralados que se desculpavam freneticamente, prometendo virar uma nova folha.

Mas, entre esse tipo de pessoa, não havia ninguém que realmente se reformasse. Isso foi uma mentira simples para sair da situação.

Eles geralmente vinham em dois tipos diferentes, sendo o primeiro vilões de terceira categoria que só atacavam os fracos. Eles foram os únicos a rastejar para salvar suas vidas, apenas para voltar a ser de terceira categoria no momento em que o perigo passou como se nada tivesse acontecido.

O outro tipo eram tipicamente os que se preparavam para algo importante, dispostos a sofrer de vergonha para viver para completar seu objetivo.

‘O inimigo é um rei demônio, ele é provavelmente o último tipo?’

Não havia dúvida de que este rei demônio estava escondendo algo importante neste deserto.

“Hmph! Você está definitivamente escondendo alguma coisa aqui! Talvez criando uma fenda dimensional ou construindo um castelo de rei demônio!”

O rei demônio atordoado olhou para Yuria e disse:

“Ehh, as fendas dimensionais são algo que até os deuses não podem fazer nada, e você gostaria de construir um castelo de rei demônio em algum ponto estratégico ou em alguma fortaleza divina. Por que você construiria alguma coisa neste deserto árido?”

“Is-isso é… apenas uma mudança em sua maneira de pensar!”

O rei demônio só podia soltar um suspiro pela voz assustada de Yuria.

“Talvez o trabalho de herói fosse muito mais simples do que eu imaginava…”

Com essas palavras, a mão de Yuria se esgueirou até o cabo da espada, mas se segurou devido a uma sensação arrepiante de derrota, e em vez disso cerrou o punho e bateu na mesa com força.

“Não brinque comigo! Mesmo que você tenha desistido, você ainda precisa ser responsabilizado pelos seus crimes!”

O rei demônio apenas sorriu como se nada estivesse errado.

“Então, o que eu fiz?”

Com aquela resposta otimista, Yuria soltou um suspiro de descrença.

“Ha? Você está perguntando porque você não sabe? Por sua causa, centenas de crianças foram sacrificadas e milhares de pessoas morreram nas mãos dos seus seguidores! A única razão pela qual ainda não te matei é porque vou te colocar na arquibancada para colocá-lo em um julgamento aberto e público!”

Com essas palavras, o rei demônio apoiou o queixo para cima com uma das mãos e, com toda a brincadeira longe de seu rosto, disse:

“Eu não acho que consigo te entender. Deixe-me perguntar isso de novo. Apenas o que eu fiz?”

KWANG!

“Certamente você não vai dizer que não me ouviu direito!” Yuria gritou, se levantando e batendo forte na mesa, mas o rei demônio só olhou para as xícaras caídas e quebradas e murmurou:

“Hey, aquela xícara de chá era cara… Aquele chá de alta qualidade que eu não tinha acabado de beber era caro também…”

Olhando para essa figura, que lamentou a morte de uma xícara de chá mais do que o sacrifício de pessoas, Yuria sacou a espada e gritou:

“VOCÊ SÓ PODE ESTAR BRINCANDO!”

Com aquelas palavras carregadas de intenção de matar, o senhor dos demônios sorriu e bateu na mesa.

Tang!

“Que tal fazer uma aposta?”

Em sua mão que atingiu a mesa estavam as balanças do Deus Supremo.

“Uma aposta?”

“Sim, uma aposta. Se eu for inocente, você me concederá um desejo, mas se eu for culpado, concederei um dos seus. Por exemplo, se você me mandar para a prisão, eu irei pelos meus próprios pés. Que tal?”

Yuria estreitou os olhos, a mão direita sempre pronta para enterrar a espada no coração do rei demônio.

“Que truque é esse?”

“Eu não cometi nenhum crime. Mas você cometeu. Mas você continua insistindo que eu cometi. Injusto, não?”

“E como sou uma criminosa? Talvez pelas leis do mundo dos demônios?”

“Sim. Mas também pelas leis dos humanos.”

Com a mão que estava segurando o queixo, o rei demônio apontou um dedo e disse:

“Primeiro, você disse que ia me colocar em julgamento? Mas, está escrito muito claramente nas leis do império que, tirando circunstâncias exatas como rebelião, desastres naturais ou qualquer situação em que a destruição se acumula muito rapidamente, terrorismo ou qualquer outra situação de emergência, para entrar na casa de alguém sem permissão, você precisa de garantia adequada para o fazer. Mas você não tem isso, não é?”

“Tudo bem porque você já causou muita destruição e danos.”

“Sério? Então, você está disposta a apostar nisso?”

Não era este um dos planos do rei demônio? Yuria pensou. Mas ela estava livre do pecado enquanto o rei demônio não estava. Enquanto a Balança do Deus Chefe fossem usada, ela não estaria em desvantagem.

“Tudo bem. Vamos apostar.”

“É assim mesmo? Então, repita depois de mim.”

O rei demônio colocou a mão em um dos lados da balança e disse:

“Eu juro pelo nome do Deus Chefe. Se eu cometi os crimes que a herói me acusa, então seguirei cada ordem da herói.”

“Cada?”

“Sim. Mas você tem que jurar da mesma forma. Porque só então será um voto em igualdade de condições.”

Yuria hesitou ao pensar em seguir cada ordem, mas, sentindo que não podia perder o otimismo do rei demônio, colocou a mão no outro lado da balança e disse:

“Eu juro pelo Deus Chefe. Se esse rei demônio for inocente, eu, Yuria Ashrien, vou seguir cada palavra dele.”

Quando o rei demônio e Yuria tiraram as mãos da balança, uma luz suave emanou da balança e começou a inclinar-se. Inclinando-se primeiro para o lado do rei demônio, depois para o de Yuria. Só depois de repetir isso dezenas de vezes se nivelou e, ao mesmo tempo, a luz desapareceu como se nunca tivesse existido.

“Contrato concluído. Agora, vamos começar?”

Comentários