iLivro

Novo Sistema!

 

 

Alba era uma cidade consideravelmente grande, capaz de comportar até 30 mil habitantes. Entretanto sua população atual – contando com meus homens -, era de 3.560 almas mortais……Não espera……Acabou de morrer três….Recalculando: 3.557 almas mortais sob meu domínio. Desde o dia que recebi o título【Deus das seis faces】, meu poder estava recuperando-se em uma taxa um pouco mais rápida do que antes. De alguma forma a energia mágica em Aayós está voltando aos poucos. Além disso, todos dias eu recebia uma pequena parte da energia que escapava dos 3.557 moradores de Alba.

Eu tenho duas teorias para a mudança repentina:

  1. Um novo sistema foi criado. Se positivo. Quem criou o novo sistema?
  2. Pelo conhecimento adquirido da Árvore da Sabedoria. Me fez perceber que o sistema atual que foi destruído por Arthur – um demônio com complexo de herói que tenta roubar meu papel de vilão -, era um sistema diferente do usado na época do primeiro dos seis, Freyr. Seguindo essa linha de raciocínio significa que Aayós já teve vários sistemas diferentes. Caso esteja certo, não poderia existir um sistema de backup ou reinicialização, no caso da queda do sistema atual?

Havia se passado cinco anos desde a queda do sistema de Aayós. Cinco anos que estive dormindo. Era bem provável que o sistema de Backup foi instaurado.

Com esses pensamentos em mente caminhava pelas ruas sujas de Alva. Desy, minha bela amante, me acompanhava segurando meu braço. Ela usava uma elegante túnica de seda lilás e uma tiara de prata para o cabelo, arrumado em um coque. Os traços finos e elegante de seu rosto maduro e seus belos olhos lilas dava uma expressão fria. Nesses cinco anos Desy havia se tornado dona de uma beleza intimidante.

Não gostava daquele desgraçado cara de fuinha, odiava por ter levado Mia e Sofie, mas amava sua filha. Podia ter partido, mas ficou ao meu lado, cuidando de mim por cinco anos. Além de ser uma boa parceira na cama, agora eu a respeitava e amava.

“Então você é uma【Senhora do Submundo Suprema】?” perguntei com curiosidade. Estamos conversando sobre hierarquias raciais demoníacas.”Quer dizer que não é uma deusa?”

“Nós demônios somos naturalmente a raça mais poderosa de qualquer mundo” falou com um certo orgulho na voz. Os edifícios altos projetavam sombras na larga rua pavimentada. Os moradores começaram a surgir, cautelosos, mas sua curiosidade parecia ser maior.“Com exceção dos dragões” acrescentou com certa relutância.”Tecnicamente, não existe deuses demônios, porque em nossa hierarquia racial não existe a palavra “deus”. Lyam sabe o que significa ser um Deus?”

(Maguusgod: No capítulo 10 de Arcádia, Azura fala sobre a hierarquia racial demoníaca, falando sobre deus demônio menor e maior. Vou mudar e acrescentar outros nomes para a hierarquia racial não ficar igual de um deus.)

“Sempre pensei nos deuses como seres onipotentes que podem realizar qualquer milagre” falei com um olhar sonhador. O termo deus sempre me fazia lembrar os deuses do olimpo e de outras mitologias da terra.“Mas agora sei que as coisas não funcionam dessa maneira. Para ser sincero, para mim um deus não passa de um título de poder.”

“Quando uma determinada raça de um planeta atinge um certo nível de poder mágico e Sabedoria. O sistema daquele mundo automaticamente concede o nome “Deus”. Esses “deuses” são usados pelo sistema como guardiões de uma certa área do planeta e em sua proteção contra invasores hostis.”

Então descubro que ser deus é nada mais do que o papel de um guarda de um parquinho.

Sinceramente estou decepcionado.

“Agora que penso nisso, seu pai não é um【Deus Cósmico】?” perguntei confuso, já que te acordo com as palavras de Desy, não existe deuses demoníacos.

“Meu pai, chegou no último posto da hierarquia racial demoníaco e transcendeu, tornando-se um【Deus Verdadeiro】” explicou com um brilho de orgulho em seus olhos lilases.”Deuses verdadeiros transcendem as leis da matéria e do tempo e espaço. Em todos sentidos, são deuses de verdade, e não um título dado por um sistema.”

É lá vai um golpe mortal para meu ego.

“Seu poder não parecia grande coisa!” falei com uma careta. Ela riu.“Qual é a graça?”

“Lyam, você não tem a menor ideia do quão poderoso é um Deus cósmico!” exclamou.”O que você enfrentou naquele dia, não era meu pai em si, mas sim uma pequena projeção da mente dele!”

Quase vomitei sangue. Se for verdade, eu perdi a luta para uma pequena projeção de sua mente. Até hoje eu acreditava que se eu fosse um pouco mais forte poderia o superar, mas, existia um abismo entre nossos poderes.

Estava me sentido como um dos sapos da fábula dos sapos no poço. Qual acreditavam não existir nada além do pequeno lugar que habitavam. Mas na verdade existia um mundo grande e sem limites.

Refleti essa sabedoria em silêncio e ganhei humildade.

Mentira.

Na há espaço para humildade em meu coração. Eu perdi, sim, eu não era um poderoso deus verdadeiro, sim. Mas e dai? Era só uma questão de tempo até me tornar um e eu posso ser arrogante.

Pensando dessa forma meu ego ferido foi curado.

******

 

Continuamos andando pelas ruas de Alba com minha pequena escolta, composta por três Orc e cinco humanos bem trajados: cota de malha; elmos com placas faciais escondendo o rosto deixando apenas seus olhos visíveis; uma capa vermelha; preso ao cinturão uma bainha com uma espada e no braço esquerdo um escudo redondo com as bordas de metal e o centro pintado com a cabeça de um lobo branco sobre um campo metade azul e vermelho – meu brasão como Duque de Alba.

Eu havia esquecido de contar. Por minha bravura no campo de batalha a gentil princesa Susana me concedeu o título nobre Duque de Alba. Em Midgar, Alba era uma das principais fornecedoras de prata e trigo. Sua maior renda vinha da taxa de entrada sobre as 【Ruínas da Antiga Cidade dos Deuses Elbaron】. Depois da queda do sistema de Aayós, não existe ninguém que ousa adentrar as ruínas de Elbaron.

Futuramente vou investigar as ruínas de Elbaron.

O que me lembra que a batalha anterior, com a morte de quase 800 soldados, usando o talento inato【Devorador de Existência】, aumentou meu poder mágico em apenas 2%! Infelizmente era uma forma ineficiente de levantar meu poder mágico.

Atualmente havia recuperado 31% do meu poder mágico original.

O único lucro da conquista foi o ouro e as terra de Alba.

Caminhamos pela larga rua até chegar á uma antiga catedral usando pela santa igreja de Freyr. Não havia mais sacerdotes. De acordo com os moradores todos foram mortos pelo ex-autoproclamado rei de Alba. A escadaria de pedra que leva até a entrada da catedral estava em um bom estado. Ao contrário das estátuas que ladeava a escadaria – estavam avariadas -, e a antiga porta de madeira pesada estava em ruínas. No geral a catedral estava em um estado precário.

“Será necessário uma reforma para a catedral possa ser usada como sede do culto ao deus das seis faces” falei enquanto observava toda estrutura da catedral.”Contratação de mão de obra, arquitetos se houver algum vivo nesses tempos conturbados……Vai levar no mínimo 2 a 3 meses…”

Desy me olhou com uma cara estranha. Parecia está vendo um dragão de vestido. Eu era um dragão mas não usava vestido.

Claro eu poderia mudar de Avatar e usar as habilidades do【Domínio da Criação】e restaurar e melhorar toda catedral em um piscar de olhos. Mas todo o processo custaria no mínimo 7% do meu poder mágico.

“Por que não usa o sistema de administração?” perguntou Desy casualmente. Franzi a testa. Desy me encarou com seus belos olhos violetas.“Pode ser que você não saiba sobre o sistema de administração territorial?”

“Eh, minha doce Desy, pode me explicar o que diabos é esse sistema de administração territorial?!”

“Naquela noite, você não adquiriu um título e o território de Alba?” perguntou.

Abri e fechei a boca surpreso. Pensei que fosse o único a ter ouvido a voz doce e madura e sexy da minha Aayós-chan.

Fiz que sim com a cabeça.

“Um mês atrás, o sistema destruído por meu pai, foi trocado por outro mais antigo” explicou com paciência.”Talvez seja um sistema de backup antigo. Na maioria dos mundos regidos por um sistema como esse é normal ter um ou dois sistemas de backup.”

“Por que não me contou?”

“Como você estava agindo como soubesse sobre tudo, acreditei que não seria necessário mencionar sobre a instauração do novo sistema.”

“Sabe, Desy, apesar de tudo eu sou apenas um deus novato” resmunguei.”Então, como funciona o novo sistema?”

Entramos na catedral. Caminhamos pelas cadeiras e escombros de pilares até pararmos diante o altar. Por algum motivo pensei em casamentos e senti um arrepio na nuca com a ideia. Nessa altura, se eu estivesse em Argus, estaria oficialmente casado com Arian e todas outras seriam minhas concubinas.

“Não é muito diferente do anterior” respondeu com indiferença.

Parou diante de mim, olhando em meus olhos. Ordenei que nossa escolta esperasse do lado de fora da catedral.

Minha mão pousou gentilmente em sua cintura fina.

“O sistema de evolução racial com a subida de níveis foi trocado pelo sistema de múltiplos trabalhos e promoções, que sobe um trabalho de nível ao atingir uma determinada taxa de proficiência no trabalho…ahnn…” soltou um pequeno gemido quando beijei seu pescoço desnudo e minhas mãos desceram até sua nádegas.“Hum….Lyam…Você está prestando atenção? Ahnnn….Tira a mão de dentro da minha túnica! Tenha um pouco de autocontrole!”

“Me desculpe, Desy” falei enquanto apalpava sua nádega por dentro da túnica.” É difícil ter autocontrole com uma beleza como a sua ao meu lado.”

Relutante tirei minha mão dela e me afastei um pouco para não sentir tentado a apalpar seu corpo esguio.

“Deuses”continuou ela após arrumar sua túnica.”Podem acessar o sistema de administração territorial. Aonde você pode melhorar as condições de vida dos mortais; moradia; infraestrutura; saneamento básico; recursos minerais; tecnologia; poder militar; arte e cultura entre outras coisas. Existem inúmeras aplicações e cada aplicação tem um custo que pode ser pago com seu poder mágico ou com ouro.”

Não importa o quando eu penso nisso, mas, parece o sistema idiota de algum tipo de jogo de MMORPG.

Fechei meus olhos e concentrei meus pensamentos na ideia de um sistema de controle territorial. Mentalmente surgiu um mapa tridimensional das minhas terras e todas aldeias, fazendas, minas, ruínas e recursos minerais.

Acima da projeção tridimensional do território de Alba surgiu um tela semitransparente com status de Alba.

Território de Alba
Proteção Divina: 【Deus Dragão Celestial Maior】
Governante: 【Duque Lyam Marwe Nótus Alba】
Fundos: 【122.560.020 de moedas de ouro】
População: 【3.577 】 Fé: 【Deus das Seis Faces】
Reputação do Território: 【Péssimo】
Poder militar: 【67】
Desenvolvimento urbano: 【35】
Desenvolvimento tecnológico: 【40】
Desenvolvimento Cultural: 【20】
Economia: 【20】 Segurança: 【40】
Saneamento básico: 【5】

Verifiquei desenvolvimento urbano. Diversos modelos edifícios apareceram em uma projeção tridimensional. Era possível restaurar e melhorar os edifícios já existente e criar novas moradias.

Verifiquei a lista de edifícios e modelos arquitetônicos. Para fazer um teste fui direto a antiga catedral da santa igreja Freyr.

Antiga Catedral da Santa Igreja Freyr
Antiga sede usada para culto ao deus Freyr.
É possível restaurar a catedral para o uso do novo culto ao deus Lhyham.
Habitantes vão ter sua fé aumentada.
Custo da restauração: 80.000 moedas de ouro

“Restaurar Catedral!”

Após meu comando um pilar de luz ofuscante, iluminou toda Catedral e aos poucos foi sendo restaurada e remodelada para o culto do deus Lhyham. Era impressionante a forma que as coisas estavam acontecendo. Desy olhava com contemplação a cena enquanto minha escolta e os pompos que sobrevoavam o local congelaram no tempo.

“Eles não podem ver a mudança” falou Desy ao meu lado.”Quando tudo terminar. Eles, e todos moradores acreditaram que sempre houve uma catedral ao culto ao deus das seis faces. Vão rezar para Lhyham como rezavam para Frey, como se fosse natural. O sistema tem um poder imenso sobre todos habitantes mortais.”

Da forma que Desy explicou, faz os moradores de Aayós parecerem NPCs de um jogo.

Quando a restauração terminou. Eu perdi o fôlego. As estátuas avariadas que ladeava a escadaria até a entrada da Catedral. Foram substituídos por esculturas de mármore de santos homens em trajes sacerdotais. Subimos, até a porta dupla de carvalho entalhado com diversas figuras santas – quais não fazia a menor ideia de que sejam -, adorando minha forma como Deus Dragão Celestial Maior. Dentro da Catedral, as cadeira foram restaurados e os pilares enfeitados com estandartes e um tapete vermelho levava até o altar e as janelas eram de mosaicos coloridos.

Catedral restaurada! A fé dos moradores de Alba vai aumentar. Uma vez por ano os sacerdote e fiéis ao culto do deus das seis faces vão poder organizar uma peregrinação até a Sacra Catedral de Lhyham.

+3 Desenvolvimento Urbano,+2 Segurança.

Reputação do território aumentou um pouco!

Agora é possível nomeação de cavaleiros e Paladinos!

“Esse sistema de administração territorial não é muito roubado?” exclamei impressionado. Graças ao sistema, administrar meu território vai ser extremamente fácil. Eu tinha ouro o suficiente para fazer grandes melhorias na cidade de Alba.”Em seguida vamos aumentar o poder militar! Treinamento de Soldados! Há praticamente 1.000 jovens com a idade de 14 a 16 anos sem ocupação….Vai ser necessário alojamentos e equipamentos……O salário por mês será 3 moedas de prata….”

Em um terreno baldio paguei 30.000 moedas de ouro para construir alojamentos para os novos soldados. Os mil soldados jovens vão ser divididos em 20 esquadrões com 50 soldados. O salário vai ser de 10 moedas de prata para cada instrutor, vão ser 20, 200 moedas de prata por mês. Para os soldados em treinamento 3 moedas de prata por mês. Para cada 100 moedas de prata equivale a 1 de ouro. Totalizado em 32 moedas de ouro por mês.

+20 Poder Militar,+ 10 Segurança.

Com 1.150.000 de moedas de ouro expandi e fortifiquei as muralhas da cidade. Investi 350.000 moedas de ouro em saneamento básico, criando aquedutos subterrâneos e outras coisas necessárias para manter a higiene da cidade. 150.000 moedas de ouro expandindo e melhorando pousadas e tavernas que estão ativas.

+40 Segurança,+5 Poder Militar.+3 Desenvolvimento Urbano.

+50 Saneamento Básico,+10 Desenvolvimento Urbano.

+ 20 Desenvolvimento Urbano,+ 15 Economia,– 5 Segurança.

Havia muitas melhorias para realizar e muitos títulos de nobreza e posições para distribuir. Por hora vou focar no aumento do poder militar e também no desenvolvimento tecnológico.

Verifiquei o status do meu território.

Território de Alba
Proteção Divina: 【Deus Dragão Celestial Maior】
Governante: 【Duque Lyam Marwe Nótus Alba】
Fundos: 【120.799.988 moedas de ouro】
População: 【3.577 】 Fé: 【Deus das Seis Faces】
Reputação do Território: 【Péssimo】
Poder militar: 【92】
Desenvolvimento urbano: 【71】
Desenvolvimento tecnológico: 【40】
Desenvolvimento Cultural: 【20】
Economia: 【35】 Segurança: 【107】
Saneamento básico: 【55】

Nada mal para um pequena melhoria. Quando a população aumentar vou investir mais e transformar Alba em uma Esparta. Não somente em questão de poder militar, mas também tecnológico e econômico.

….Alba City……

……Esperando por um título….Aayós-chan cade meu título do dia….

Não ganhei títulos naquele dia.

Comentarios em HDUM arco 3: Capítulo 8

Categorias