JNH: Capítulo 17


Capa JNH

Because Janitor-san Is Not a Hero

Autores: Péng huā xún píng (棚花尋平)
Tradutor: Pyown

Akari ⑤

Um homem saiu do canto do quarto escuro.
O homem deu apenas um passo para frente, eo luar azul revelou sua figura.

O homem tinha cabelos negros bagunçados e olhos castanhos com um olhar cauteloso. Ele estava usando roupas e sapatos desgastados desconhecidos que foram reparados várias vezes.
Seu físico poderia ser considerado de tamanho médio ou ligeiramente pequeno; Embora, seu torso robusto compensasse sua pequena estatura. Os antebraços do homem eram especialmente bem desenvolvidos.
Apesar de sua aparência de mendigo, o homem não cheirava mal e ele estava bem aparado.

Makushiimu não reconheceu a pele do homem.
Makushiimu não estava ciente de qual tribo, ou grupo étnico, o homem era de; Nem conhecia o país de origem e nacionalidade do homem.
A 『etnia』 dele era diferente das pessoas que vivem na área sudeste do continente. E, o homem não parecia ser dos povos da montanha.
Por outro lado, o homem não parecia um morador da cidade ou um mendigo A presença do homem era diferente da de um refugiado.
Podia-se dizer que o homem era um criminoso, mas ele não parecia ser um.
Makushiimu olhou para Kurando.
Kurando apenas encolheu os ombros.
「Vamos? Eu não tenho muito tempo, você entende? 」(Kurando)
「Akari está segura?」(Makushiimu)
「Calma e segura. Ela está pronta para sair a qualquer momento.」(Kurando)
「Phew, entendo …… 」(Makushiimu)
Makushiimu tinha percebido que a capacidade de Akari tinha marcado os moradores como seus inimigos. Parece que Makushiimu estava ciente da habilidade de Akari.
「Então, quem é você?」 (Kurando)
「…… tsk, você é muito imprudente. Qual é o seu nome? 」(Makushiimu)
「 John. 」(Kurando)
「Eu odeio nomes falsos. Não faz mal, meu nome é Makushiimu. Como você pode ver, eu sou um descendente da raça dos gigantes. No pior caso, se você me trair, –Eu vou matá-lo. 」(Makushiimu)
O homem da raça gigante dirigiu sede de sangue esmagadora na direção de Kurando.

Makushiimu permaneceu sentado na cama. Em perspectiva Makushiimu é duas vezes o tamanho de Kurando; Está usando uma camisa de cor maçante e calças largas; Ele tem bigode e penteado seus cabelos vermelhos. Com os olhos azuis, Makushiimu olhou para Kurando.
Embora não seja essa era, Makushiimu provavelmente seria a imagem intensa de Hércules.

Era a primeira vez que Kurando sentia sede de sangue de uma pessoa; Ele não conseguia impedir o próprio corpo de sair em suor frio.
No entanto, Kurando não podia expressar sua inquietação em seu rosto; Se o fizesse, Kurando teria perdido seu sua mão acima. Pelo menos Kurando pensou que isso era verdade.
「…… Haha, assustador, assustador.」 (Kurando)
Kurando sentiu um pouco de alívio depois de dizer alguma coisa; Embora, tendo dito tais palavras, ele não se sentia tão confortável.
O agitado Makushiimu estalou sua língua.
「Bem, bastardo arrogante, você entende o que vai acontecer com você certo.」 (Makushiimu)
Após Makushiimu resmungar ao fazer uma expressão azeda, ele começou a explicar a situação. A história era muito desagradável.
Enquanto Kurando ouviu Makushiimu, Kurando começou a se sentir aliviado. Parece haver um mal-entendido.

Makushiimu falou com paixão e raiva enquanto falou sobre os eventos que cercavam a situação.
Além de Zauru, apenas quatro outros caçadores velhos e nobres haviam retornado da subjugação do fantasma branco.
Zauru falsamente relatou que Akari tinha conduzido intencionalmente o grupo de caçadores no ninho de uma aranha gigante espinhosa (Atorabashiku), e que tinha resultado na aniquilação do grupo.
Nem a associação de caçadores nem o governo fizeram uma investigação adequada. Akari foi imediatamente colocada na lista de mais procurados. Ela é atualmente procurada morta ou viva.
Nas regiões fronteiriças de Dorugan o respeito é muito importante para os caçadores; Aqueles que traem um companheiro caçador serão severamente punidos.
Naturalmente, eles não aceitaram o pedido de Makushiimu.
Contrariamente à sua expectativa, o parlamento de Roorana protestou fortemente contra a investigação de Makushiimu. Normalmente, quando uma condenação justa é exigida um número de investigadores são enviados. Mas, neste assunto nenhum.
O parlamento de Roorana tinha cortado laços com a herói, Akari. Eles decidiram desistir da herói inferior Akari, já que eles já têm outro herói que é muito superior. Se eles escolheram salvar Akari então isso esmagaria a honra de Dorugan. E se isso tivesse acontecido, então o relacionamento com Dorugan seria ainda pior.

「Eu entendo que o bastardo, Zauru, está mentindo, mas eu preciso de provas.」 (Makushiimu)
「E sobre os outros caçadores?」 (Kurando)
「Os caçadores que haviam retornado são todos bastardos protegidos de Zauru. Todos eles deram a mesma história.」(Makushiimu)
「Você pode procurar por evidências por si mesmo …… ou é incapaz? 」(Kurando)
「Pare de falar tão friamente. Haha, se eu pudesse eu teria feito isso. 」(Makushiimu)
「Eu tenho o hábito de falar dessa maneira. 」(Kurando)
「Tsk …… se por acaso me deparar com Akari, em seguida, as pessoas que estão me observando serão conduzidas a ela. Se isso acontecer então o país também estará atrás de mim. E, então eu também seria procurado.」(Makushiimu)
Ao dizer isso, Makushiimu tinha uma expressão mortificada.
「Eu vejo, então o que você pretende fazer?」 (Kurando)
Como Kurando ouviu os assuntos de outra pessoa, os olhos de Makushiimu se moveram ao redor.
「Primeiro, preciso conversar com Akari e ouvir seu lado da história. Mas, antes disso qual é o seu objetivo?」(Makushiimu)
Por alguma razão, Kurando tinha uma expressão perturbada.
「Meu objetivo, huh?」 (Kurando)

Kurando está verdadeiramente perturbado.
Ele não tinha um objetivo. Kurando tinha descido a esta aldeia por um capricho.
Tem sido cerca de 580 dias desde que ele foi invocado para esta montanha. Tinha pensado que talvez indo aqui causaria uma mudança em sua vida diária.
Uma mudança de ritmo seria agradável, mas ele não queria ser apanhado em algo complicado.
Em primeiro lugar, Kurando não tem nenhum relacionamento real com a herói, Akari. Eles não se conhecem bem o suficiente. Kurando não quer nenhum problema.
Ele não quer ser descoberto pelos residentes deste mundo nem pelas pessoas que foram invocadas ao lado dele. Esta situação é apenas um grande aborrecimento.
A melhor aposta de Kurando é dizer que ele é um nativo deste mundo que passou a ser um eremita de montanha que atualmente está visitando a aldeia.
E assim, como um eremita de montanha, Kurando havia resgatado Akari.
Não, isso não vai funcionar. Talvez seja apenas uma questão de tempo até que Makushiimu saiba da conexão entre Akari e Kurando.
Pode Kurando confiar em Makushiimu?
Não é como se ele pudesse ler a mente de outra pessoa ou suas intenções.

「Em primeiro lugar, jure que nenhuma informação que eu disser a você vai sair deste quarto.」(Kurando)
「Huh?」 (Makushiimu)
「Akari também tinha jurado. Eu só quero viver tranquilamente. 」(Kurando)
「Eu não sei quem você é nem sei se você é um soldado estrangeiro de algum lugar, mas por que eu deveria fazer um juramento para você? 」(Makushiimu)
「Uma pessoa que não pode manter um juramento é escória. Bem, eu não vou colocar minha vida em suas mãos.」(Kurando)
「…… algo como código de um caçador 」. (Makushiimu)
「Bom. Por agora, por favor, pense em mim como um eremita da montanha que tinha sido escondido nas montanhas. 」(Kurando)
「Você tem se escondido lá todo esse tempo?」(Makushiimu)
「De alguma forma você deve ter descoberto um pouco. Tenha cuidado para não vazar nada.」(Kurando)
Makushiimu fez uma expressão preocupada.
Kurando ignorou Makushiimu e continuou a falar.
「Desta vez aqui meu propósito é ser o mediador entre você e Akari. Nenhuma recompensa é necessária; Por favor, pense em mim como um terceiro. 」(Kurando)
「Apenas me chame Makushiimu. Boas intenções, hein? Você não está tentando me enganar, certo?」(Makushiimu)
「Akari está atualmente na montanha Arerudouria? Como é a sua condição?」(Makushiimu)
「O fantasma branco existe」(Makushiimu)?
「Vamos ver, eu não deixei a montanha; Então, eu não sei seu nome. Mas, no ano passado as pessoas de uma área vizinha caçaram uma grande besta mágica. 」(Kurando)
「Haha, era eu. Foi além das capacidades humanas. 」(Makushiimu)
「Você não será capaz de ir lá agora. Em torno desta época do ano, os ventos vão ser muito fortes.」(Kurando)
「Entendo. Então foi assim que foi. Você me viu lá de cima? Se for esse o caso, estavamos sendo observados, em seguida, você foi o único a observar-nos? 」(Makushiimu)
Kurando precisou andar com cuidado, porque Makushiimu e Akari acabariam por se encontrar.
「…… Posso perguntar sobre o que se poderia fazer para sobreviver?」 (Kurando)
「Você entrou na montanha com …… intenção de matar?」 (Kurando)
「Não importa, eu era o único que incitou o ataque da aranha . 」(Kurando)
Makushiimu franziu a testa.
「Você foi …… quem fez isso?」 (Makushiimu)
No meio da conversa, sede de sangue pairou no ar.
「Não se preocupe, você vai entender depois de ouvir o que eu tenho a dizer. Coincidentemente, a besta que vieram caçar é a que eu estou vivendo atualmente e é também o filhote da besta mágica que você tinha caçado. Por causa disso eu não tinha escolha. 」(Kurando)
「 …… pela vida do Iruniiku? Você está brincando certo, havia uma necessidade de incitar um ataque de aranha, por essa razão? 」(Makushiimu)
「Bem, perdoe a minha ignorância. 」(Kurando)
「…… agora lembre de seu juramento. Você vai informar os seus superiores? 」(Kurando)
「Covarde! –Você vai usar Akari como um escudo. 」(Makushiimu)
「…… você tem nenhuma compaixão, por que usar uma mulher como escudo! 」(Makushiimu)
「Alguém que quebra seu juramento é uma pessoa patética!」(Kurando)
Depois de ameaçarem um ao outro ficaram em silêncio.

「Ok, então, amanhã espere no acampamento perto do território da aranha. Vou entrar em contato com você lá. Eu vou dizer isso apenas por precaução, “por favor, venha sozinho”.」(Kurando)
Kurando esperou na escuridão pela resposta de Makushiimu antes de sair do quarto.

Não havia vestígios na pousada; Apenas Makushiimu foi deixado no quarto.
「Ele não deseja se render nem quer assumir a responsabilidade.」 (Makushiimu)
Makushiimu pensou em Kurando como um veneno benigno que não é prejudicial na vida cotidiana, mas quando se quer sobreviver ele se autodestrói e começa a se espalhar .
No entanto, se Kurando sacrificar Akari então …… Makushiimu olhou em direção a seu machado que estava encostado na parede.

Comentários