Inferno

Acordar às 7:00 da manhã, sair de casa às 8 para a escola, frequentar as aulas a sério sem dormir ou falar, ir a sala do clube de literatura depois da escola e, em seguida, às 7 da noite voltar para casa e dormir antes do dia acabar.

Tal vida escolar boa e saudável é o que eu, Kurono Maou, têm sido importante. Ou melhor, eu tinha tido. Um dia eu fui subitamente atacado por uma dor de cabeça na sala de literatura. Quando eu acordei, eu estava em uma sala estranha.

Lá, uma argola terrível com agulhas grandes foi colocada na minha cabeça, e a partir de então comecei uma vida cotidiana inimaginável no inferno.

Eu não sei quanto tempo se passou desde o dia em que eu acordei nesta instalação. Pelo menos, eu acho que não tem sido um mês, mas eu não posso dizer o número exato de dias.

Mesmo assim, há algumas coisas que eu vim a conhecer. Primeiro de tudo eu, com aquele velhote como o chefe, fui submetido a experimentos humanos por este grupo com o símbolo da cruz cristã.

Através da argola branca ainda ligada ao meu cérebro fisicamente, minhas ações estão sendo completamente controladas. Com apenas um mero pensamento, o velhote ou os homens mascarados podem me dar forte dor o suficiente para me fazer desejar a minha própria morte.

Além disso, eles também podem paralisar completamente meu corpo me fazendo incapaz de fazer qualquer coisa. Externamente manipulando minha mente, eles têm o controle completo.

Graças a isso, eles têm me mantido como prisioneiro sem usar qualquer coisa como algemas sequer uma vez. Mesmo durante os experimentos dolorosos não há necessidade de manter o meu corpo presos. A resistência à dor propriamente dita pode também ser controlada por eles afinal. Quanto aos experimentos conduzidos em mim, eles não são algo simples como efeitos colaterais de testes de um novo medicamento.

A partir do topo da cabeça até os joelhos, meu corpo está sendo totalmente renovado por eles; algo semelhante a uma organização secreta do mal está sendo feita aqui. E acima de tudo, o maior problema é que essas experiências de reestruturação não são feitas por algum tipo de alta tecnologia, mas em vez disso são baseadas em [magia].

O primeiro experimento feito em mim fez que o meu corpo se tornasse compatível a poder segurar energia mágica dentro dele.

Seria melhor chamá-lo de puxar para fora? Eu não sei os detalhes, mas, como resultado, agora dentro de mim eu posso definitivamente perceber uma energia diferente. Com apenas isso, pode soar bom ter despertado para um novo poder. Mas essa experiência foi a mais dolorosa de todas as feitas em mim.

Era como se o ferro derretido estava sendo feito a fluir dentro de minhas veias, além disso, devido a argola, a minha consciência foi mantida acordada e até mesmo desmaios não eram permitidos.

Agora que eu penso sobre isso, é incrível que eu não morri de dor. Mesmo após o experimento, levou algum tempo para a sensação quente restante dentro do meu corpo diminuir. Devido a esse experimento, eu era capaz de capaz de entender o artesanato de como é a (magia) provocada pelo poder mágico, sem quaisquer problemas. Mas, a compreensão e realmente usá-la é uma coisa diferente. Que tipo de magia que eu posso usar ainda é desconhecida, já que eu não tentei uma vez sequer.

Mas desde que a argola de controle sobre a minha cabeça é feita de artesanato mágico, em seguida, da mesma forma, estou certo de que eu deveria ser capaz de impedir o seu efeito com magia também.

Assim, eu que já tinha claramente se tornado capaz de usar magia tive que passar por várias outras experiências depois disso. Que tipo de significado ou resultado cada experiência tinha; Eu não tinha como saber.

Vários líquidos de cores fortes foram muitas vezes injetados em mim. Uma vez, minha cabeça também foi afogada em um líquido turvo que fedeu pior do que a sarjeta. Mesmo que eu não seja um alien, eles ainda incorpoaram várias peças de metal e joias que pareciam pedras dentro do meu corpo.

E então, com cada experimento veio a dor a induzir efeitos secundários em sucessão, como dores de cabeça, dores de estômago, náuseas, febre alta, e, em seguida, começando com tonturas, perda de visão, paralisia corporal completa, alucinações, necrose, suspensão de respiração e muitos outros sintomas fatais, que fez a manutenção da atividade de vida duvidosa, começaram a aparecer regularmente também.

Mas, não importa o quão letal um sintoma possa aparecer, no final eu sempre fui capaz de recuperar o meu corpo saudável.

Durante os ciclos intermináveis de destruição e regeneração do meu corpo, eu comecei a ter alucinações; talvez, eu já morri muitas vezes e me trouxeram de volta à vida a cada vez.

Afinal, há algo como magia. Não será surpreendente não importa o que eles façam.

Se meu corpo foi modificado sob essas experiências, eu mal sabia. Os únicos resultados visíveis para mim foram que me tornei capaz de sentir o poder mágico e que as palavras proferidas pelo velhote e homens mascarados começaram a soar como japonês para mim.

Isso e o fato de que os tempos como esses, onde a minha auto-consciência estava clara foram lentamente se tornando cada vez mais curtos. Não é porque o meu tempo de sono estava ficando maior. Esse é o momento onde eu estou em um estado semi-acordado e meu corpo começa a se mover por conta própria.

Minhas horas de sono em um dia não era nem duas horas. Em primeiro lugar, eu era muito instável para saber se eu acordei na parte da manhã ou à noite.

Depois de vir aqui, eu não vi nada além de paredes brancas. Talvez neste mundo, o sol brilhando e o céu, a terra verdejante não existiam.

Eu, só agora, finalmente vim a perceber que esse não era o mundo que eu estava anteriormente, mas um [outro mundo] governado pelo conceito conhecido como Magia.

Quantas vezes eu já caí em desespero?

Eu posso apenas vagamente lembrar os rostos da minha família, de meus amigos na escola.

Ainda assim, dentro desse meu quarto de prisão vazio, enquanto eu continuei lembrando aqueles dias escolares pacíficos do passado distante, eu vou continuar sendo pressionado pelas agulhas em minha mente.

Hoje, a minha condição é muito boa.

Nem o corpo nem a cabeça dói em qualquer lugar, a sensação de que as lágrimas fluíndo no meu rosto também pode ser sentida claramente.

Aah, eu quero voltar, quero voltar para casa——–

“Número 49, saia.”

Abrindo a porta, o homem mascarado me chamou.

Número 49. Esse é o meu nome aqui. O que isso significa? Eu realmente não tenho qualquer razão para pensar sobre isso.

“Ande logo.”

De pé—–Venha—–Ande—–

Antes de a dor de cabeça se tornar pior, rapidamente fiquei de pé, hoje, mais uma vez eu continuei andando para além do túnel escuro.

Comentários