MCHHS: Capítulo 124


Capa MCHHS

Main Character Hides His Strength

Autores: Road Warrior (로드워리어)
Tradutor: Pyown

Sajators (4)

Apesar da raiva que a Mãe-Árvore mostrou em relação à enorme batalha entre o herói do passado contra o herói da época atual, ela ainda demonstrava grande generosidade em relação à bela música. O som da bela música de Clarise estava fazendo com que as raízes densamente crescidas se retirassem por conta própria, criando um caminho para eles através do rio lamacento.

“Agora que penso nisso, não acho que o caminho seja tão perigoso.”

Kruut, que estava no limite com todas as bombas alquímicas em suas mãos, soltou um suspiro de alívio antes de desmoronar ao lado do barco. As raízes colocadas pela Mãe-Árvore tornaram-se um obstáculo para o progresso deles, mas também era um escudo confiável para protegê-los de seus arredores. No mínimo, o caminho das raízes de árvores impedia encontros com predadores perigosos ou lizardmans hostis.

Clarice cuidadosamente acalmou sua respiração e começou a cantar seu próximo verso. Foi nesse momento que algo caiu entre as raízes que partiam automaticamente e caiu na água com um respingo. Sentiu-se desconfortável enquanto observava a superfície sobre a qual flutuavam gotas de água. Nada surgiu e o barco deslizou pela superfície borbulhante, e Clarise desviou os olhos das bolhas enquanto cantava em direção às raízes bloqueando seu caminho com todas as suas forças. De repente, a popa do navio começou a tremer.

“Huh?”

Kruut soltou um grito quando ele se arrastou de costas. Suas mãos, agora tingidas de sangue vermelho vivo, seguravam as laterais do barco.

“Uggggh…”

Ele acrescentou toda a força que conseguiu reunir para tirar um único homem da água. Um homem em péssimo estado, com todo um lado do rosto rasgado e irreconhecível, desabou no navio. Clarice e Kruut sabiam muito bem a identidade desse homem.

“Calem a boca… e continuem em frente… Eu não vou os machucar se vocês fizerem o que eu digo…”

O Mago do Multilançamento, Sajators, dos Sete Heróis começou a falar baixinho enquanto olhava para o céu com uma expressão vazia no rosto. A área perto de seu coração tinha uma lança curta com uma tonalidade verde-escuro espalhando escuridão desoladora e sombria.

“Depressa…!”

Sajators que estava os insistindo ouviu o som de um sino tocando em seus ouvidos. Tocou a melodia da desgraça que só podia ser ouvida das profundezas do abismo sem fim.

Ele havia sido escolhido para ser um herói que salvaria o mundo antes dele nascer. Os maiores magos lutaram entre si para se tornarem seu mentor, e sábios antigos e frágeis estavam ansiosos para entregar sua herança da alma. Jovem Sajators que nasceu em adoração e expectativas cresceu para ser um verdadeiro herói que enfrentaria a calamidade.

Quando ele finalmente se tornou um Transcendente, uma expedição foi formada para superar a Calamidade do Reino Demônio. Foi um grupo de pessoas extraordinárias, vindas de várias partes do continente, que foram elevadas à excelência ou alcançaram a excelência por meio de sua própria força.

Mas dentre as várias centenas de pessoas que participaram dessa expedição cansativa, apenas 8 sobreviveram. O grupo havia recebido um golpe pesado que quase os havia eliminado completamente, mas o próprio Sajators nunca esteve em perigo real. Ele tinha sido excelente desde o nascimento e tinha tudo. Nenhum inimigo nem perigo foi capaz de forçar Sajators ao desespero. Mesmo durante sua derrota para o chefe dos Sete Heróis, Desfort, ele havia perdido por uma margem estreita o suficiente para ele se sentir animado, mas nunca sentiu nada perto do desespero. O mundo nunca foi um lugar perigoso para Sajators que foi abençoado tanto por deus quanto pelos homens. Até o momento em que ele escolheu o caminho da calamidade de sua própria vontade.

Como ele poderia saber que havia alguém que poderia quebrar o Mago do Multilançamento, o assassino do Sacerdote do Abismo – o Sábio de Absolom, e reduzi-lo a um estado tão lastimável? Foi a primeira perda perfeita… não, o desespero que ele experimentou nos milhares de anos que ele viveu.

‘Posso… posso lutar com ele de novo?’

Ele podia ouvir o som do sino dentro de sua consciência. Ele tentou inflamar seu espírito de luta cada vez menor usando a vingança como combustível, mas o som do sino que soou tão claramente em sua mente o forçou a lembrar vividamente o que ele tinha acabado de experimentar nas mãos ásperas de Sungchul.

A respiração de Sajators parou por um momento e suas pupilas se arregalaram. Seu corpo inteiro que havia sido completamente ferido começou a tremer.

“Ugh… ugh…”

Ele sabia por instinto. A terrível realidade de que ele provavelmente nunca seria capaz de desafiar Sungchul novamente. O medo de Sungchul estava agora enraizado em seus ossos, não, em seus próprios genes.

“…”

Clarise e Kruut observaram o jovem Mago nervosamente, que estava olhando para o espaço enquanto tremia sozinho.

“O que devemos fazer, vovô?”

Qualquer um podia ver que o estado desse mago era extremamente frágil; tanto em seu corpo e mente. Poderia ter sido possível terminar sua vida com um simples movimento do machado na direção de sua nuca.

“Vovô. Ele não parece muito bom. Devemos apenas machadá-lo?”

Clarise sussurrou enquanto olhava para Sajators pelo canto dos olhos.

“Não! Esse desgraçado é Sajators!”

Kruut falou com medo.

“Sajators? O que é isso? Uma comida?”

“Esse desgraçado é um dos sete heróis. Não tenho certeza se ele é o verdadeiro ou não, mas…”

Ele não entrou na Biblioteca Sem Fim de La Grange por uma semana por causa de sua expedição para nada. Ele sabia mais ou menos que tipo de figura Sajators era.

“Independentemente de como ele está ferido, talvez seja melhor apenas fazer o que ele diz.”

Kruut tinha seus próprios pensamentos sobre o assunto. Sajators parecia estar em condições tão críticas que não seria surpreendente que ele morresse a qualquer momento. Ele estava sangrando até agora. Sajators morreria ou perderia a consciência por conta própria, sem perigo para eles, se o tempo suficiente passasse.

“Vamos apenas esperar um pouco. O tempo está do nosso lado.”

As palavras de Kruut logo se tornaram fatos. Sajators, que estava observando os dois com olhos predatórios, começou a piscar preguiçosamente antes que sua figura começasse a vacilar. Qualquer um podia ver que ele estava perdendo a consciência em tempo real. Quando o barco que levava o grupo de Kruut se aproximava da ampla abertura do rio com Panchuria à vista, Sajators, de cabeça baixa, não fez nenhum movimento.

“Você acha que ele está morto?”

A mão de Clarise que segurava seu machado foi incutida com uma força que ela nunca soube que tinha quando olhou para Sajators com olhos ardentes. Era cedo demais para dizer que ele morreu sem sombra de dúvida.

Ela conjurou um pouco de coragem e aproximou-se lentamente de Sajators. Kruut parou de respirar e simplesmente observou as costas de sua neta se preparando para usar a bomba alquímica que foi entregue em suas mãos.

Sajators não deu resposta. Ela não conseguia nem sentir a respiração dele, então Clarise engoliu em seco e ergueu o machado no ar. Ela era realmente bastante proficiente com machados. Ela havia recebido educação especial durante a sua juventude, o que permitiu que seus status físicos fossem excelentes, sem mencionar seu tempo no matadouro depois que sua família passou por tempos difíceis. Uma vez ela conseguiu dividir a cabeça do Grande Jacaré da Selva, que tinha a pele dura como pedra, em um só golpe.

Ela recordou essas experiências e balançou o machado com toda a força.

Swish-

Uma ponta de flecha passou pelo cabelo dela.

“Lá! Estão eles!”

Quatro barcos surgiram de dentro da floresta de juncos. Eles pareciam ser bandidos ou ladrões julgando por suas aparências.”

“Aquela vadia tem o machado de George ‘Reformado’ Hunt!”

Um dos bandidos gritou enquanto apontava o dedo para Clarise.

“Gwuh…”

O golem que seguia o barco descobriu os inimigos e começou a se mover rapidamente. Os bandidos ficaram chocados com o súbito aparecimento desse golem, e apressadamente remaram para trás em uma tentativa de recuar, mas só acabaram sendo pegos com as costas expostas.

“Whiiing”

A serra de lâmina anexada a um dos braços restantes do golem começou a girar precipitadamente. Infelizmente, seu braço se soltou de repente quando estava prestes a dividir o barco dos bandidos em dois.

“Gwuuuh…”

O motivo foi simples. O poder de Sungchul era muito forte. O golem tinha um braço restante apenas nas aparências, mas, na realidade, sofreu danos suficientes para só mantê-lo preso. Seu núcleo de poder exibia luz vermelha. Isso não foi revelado quando foi lentamente seguindo o barco, mas suas ações repentinas durante a batalha revelaram todas as suas fragilidades de uma só vez.

O golem sem braços tornou-se incapaz de fazer qualquer coisa antes de perder sua vida e afundar no chão do rio.

“O que é que foi isso?”

Os bandidos em pânico recuperaram a coragem. Eles viraram os barcos, mas não houve muita resistência. O grupo de Kruut resistiu com toda a força, mas os bandidos foram experientes. Kruut tinha muitos itens dados por Sungchul, mas os bandidos os emboscaram embaixo da água dominando-os antes que Kruut pudesse utilizar um único item. Clarise fez bastante resistência com seu machado, mas ela estava em desvantagem desde o início. Depois de uma luta final, o barco foi levado.

Kruut espremeu gritos aflitos enquanto estava preso sob a bota dos bandidos, e Clarise, que lutou bastante, foi amarrada com uma corda. Sajators que perdeu a consciência antes da luta foi esquecido em um canto do barco.

“O que devemos fazer com eles?”

Um bandido muito magro perguntou ao homem rude que parecia ser seu líder.

“Esses desgraçados são os inimigos do meu bom amigo George ‘Reformado’ Hunt. Não podemos deixá-los viver.”

Seu rosto áspero olhou para Clarise, Kruut, depois Sajators, respectivamente.

“Vendam a garota para um bordel do Império Humano, matem os outros e joguem seus corpos no rio.”

Naquele momento, um dos subordinados soou de alegria.

“Chefe! Tem algo incrível aqui! São todas moedas de ouro!”

“Moedas de ouro?”

A caixa coberta de couro na proa do barco revelou-se cheia até a borda com moedas de ouro brilhantes.

“Essas não são as moedas de ouro da Coalização Mercante? Que sorte.”

O chefe dos bandidos revelou seus dentes perdidos enquanto sorria largamente. Os olhos de seus subordinados estavam cheios de ganância.

“Então, sobre isso, chefe. Podemos apenas se divertir um pouco com a garota?”

“Ela era muito forte do que eu vi antes. Vocês conseguem lidar com ela?”

“Ah… isso…”

“Chamem o Caçador de Escravos e a quebrem primeiro. Se matarmos a família dela ou um conhecido na frente dela antes, então deve ser várias vezes mais eficaz.”

Os bandidos fizeram sorrisos cruéis com as palavras de seu chefe quando se aproximaram de Kruut.

“Isso tudo é por causa do meu amigo, George ‘Reformado’ Hunt.”

Um dos bandidos ergueu a espada no ar.

“Vovô!”

Clarise quem estava amarrada ao mastro soltou um grito afiado. Foi o mais alegre dos sons para os ouvidos dos bandidos, mas algo fora das suas expectativas ocorreu. O homem de roupas de mago que eles assumiram estar morto começou a se mover.

Ensanguentado e seu corpo coberto de feridas, o homem cujo rosto ficou branco como uma folha de medo soltou um pesado arfar dos seus lábios.

Os bandidos que ficaram surpresos com a súbita aparição do homem começaram a rir, sem considerá-lo após o choque inicial, mas no momento seguinte, o jovem estendeu a mão para os bandidos. Seu líder, um bandido de olhos afiados, podia ver que pequenas formações mágicas estavam se formando nas pedras com uma luz leitosa sob o manto do homem.

“Huh?”

Naquele momento, um dos bandidos inclinou a cabeça em confusão e uma força imensurável explodiu do corpo de Sajators como um leque.

Scwick – Boom! 
Crunch!

Os bandidos encontraram suas miseráveis ​​mortes antes mesmo de perceberem o que lhes ocorreu. Nenhum deles foi poupado.

“Ugh… esse maldito sino…”

Os olhos de Sajators perderam sua força depois de realizar um feito de magia, fazendo com que ele desmoronasse imediatamente.

Kruut imediatamente libertou Clarise, e ela inconscientemente se aproximou de Sajators. Ainda podia lembrar-se distintamente dele tentando matá-los, mas era inegável que aquele jovem incompreensível salvou suas vidas. Emoções complexas que realmente não podiam ser explicadas passaram por seu coração.

Depois de algumas águas turbulentas, ela se ajoelhou ao lado dele e examinou sua condição.

“Você está bem?”

“Á… água. Eu preciso de água.”

Sajators virou o corpo e começou a tossir. Sangue escuro estava misturado com o seu ataque de tosses.

Clarise abriu o cantil que levava consigo e levou-o aos lábios.

“Clarise.”

Kruut ficou na frente de Sajators e balançou a cabeça, mas Clarise não se mexeu. Sajators bebeu toda a sua água e fechou os olhos. Ele abaixou a cabeça e falou longamente como se estivesse sonhando.

“Eckheart… por que você não se juntou a nós?”

Sajators perdeu a consciência com essas palavras. Kruut agarrou o machado e veio para o lado deles. Os profundos olhos azuis de Clarise olhavam vagamente para a lâmina brilhante do machado.

Comentários