MCHHS: Capítulo 31


Capa MCHHS

Main Character Hides His Strength

Autores: Road Warrior (로드워리어)
Tradutor: Pyown

Certificação (2)

Agora, todos peguem os seus Tomos de Transferência de Classe e vão para o altar.

No total, foram 83 Invocados que completaram os testes. O número de formandos era mais alto que a média, mas considerando o fato de que a Praça Blanche tinha 2418 pessoas invocadas durante o ritual de invocação em massa, não podia ser considerado como um grande número.

Sungchul olhou para o Tomo de Transferência de Classe que ele estava segurando. Foi o Tomo de Mago de Eco. O momento chegou para ele absorver o poder de um dos tomos ocultos dos Sete Heróis. Ele seguiu os outros Invocados até o altar enquanto segurava o Tomo de Mago de Eco em sua mão.

Os Magos afiliados do Palácio da Invocação, vestindo capuzes grossos que cobriam seus rostos, cercaram o altar em uma linha ordenada e começaram a recitar um encantamento usando uma linguagem incompreensível. Runas que estavam gravadas em todo o altar emitiam uma luminescência azul que subia para o céu entre os Invocados que estavam acima dele, criando pilares de luz. Os Invocados assistiram ao espetáculo com suas bocas bem abertas, apavorados.

O ambiente deles rapidamente diminuiu durante esse período. Era como se o sol tivesse sido engolido por algo não visto; o Palácio da Invocação estava coberto de escuridão súbita. Os Invocados ficaram, mais uma vez, surpresos com a mudança. Sungchul, no entanto, olhou inexpressivamente para o céu. O eclipse estava em andamento.

A distribuição de classes teve que ocorrer durante um eclipse total. Esse eclipse, que ocorreu em um intervalo regular, foi o momento ideal para uma Distribuição de Classe em Massa. No momento em que o sol ficou completamente obscurecido pela lua, o cântico dos Magos ficou mais alto, e uma mensagem apareceu diante de Sungchul.

[Abra o Tomo de Transferência de Classe.]

Sungchul abriu o Tomo de Mago de Eco. Um pilar de luz que estava posicionado no altar se aproximou de Sungchul e o cercou em sua luz. Várias dezenas de milhares de palavras escritas dentro do tomo se separaram de suas páginas e flutuaram dentro da luz antes de se acumularem em seu corpo.

[Você foi agraciado com a Bênção do Mago de Eco.] 
[Parabéns! Classe Lendária: Mago de Eco foi adquirido!]

Recompensa: Classe – Mago de Eco adquirido

Sungchul imediatamente abriu sua tela de classe e status.


[Status]

Força 999+ Destreza 853

Estamina 801 Poder Mágico 32

Intuição 25 Resistência Mágica 621

Resiliência 502 Carisma 18

Sorte 18

[Classe]

Classe Principal – Guerreiro Primordial (Mítico)

Subclasse – Mago de Eco (Lendário)

Subclasse – Chef de Alta Classe (Raro)

Subclasse – Alquimista (Raro)


Ele finalmente conseguiu se apossar da classe de Mago de Eco. Mesmo em sua tela de status, tudo o que pertencia à Magia aumentou, até mesmo a Resiliência aumentou em uma quantidade minúscula. Ele conseguiu cumprir todos os seus objetivos ao vir aqui.

Sungchul recordou o demônio do Reino Demônio.

“Eu não acho que vai demorar muito mais tempo.”

Os Invocados observaram o status alterar quando o ritual chegou ao fim e a luz retornou ao mundo. Os Homúnculos, que chegavam a várias centenas, tiraram os chapéus para mostrar respeito e etiqueta adequada a esses humanos.

“Agora, agora, humanos! Vocês fizeram bem! Nós, Homúnculos, mostramos o devido respeito aos humanos que conseguiram sobreviver até hoje!”

Dentro dessa atmosfera animada, os Invocados finalmente experimentaram o fim dessa jornada impossivelmente longa e infernal. Foi nesse momento que os enormes portões do Palácio do lado sul começaram a se abrir.

[Parabéns por se formar no Palácio da Invocação.]

[Você concluiu todos os testes do Palácio da Invocão e provou sua capacidade de sobreviver a este mundo.]

Todos os sobreviventes viram a mesma mensagem aparecer diante de seus olhos. Havia alguns com lágrimas e outros com sorrisos largos. Cada um tinha suas próprias reações, mas uma coisa era clara: eles haviam passado por esse inferno sem morrer.

Os Invocados dirigiram-se para os portões abertos do Palácio da Invocação com suas expectativas e fardos pesando em seus corações.

Além dos portões do Palácio, havia uma vasta extensão de pastagens, e uma cidade reluzente brilhando em uma luz dourada estava diante deles como uma bela pintura.

“Onde você está planejando ir agora?”

Sujin se aproximou de Sungchul quando ela perguntou.

“…”

Ele não respondeu a ela. Os olhos de Sujin brilharam de decepção, mas ela brevemente disse adeus para as costas dele enquanto ele se afastava.

“Nós nos encontraremos novamente se o destino permitir.”

Depois de deixar essas palavras, Sujin se virou e foi para o leste.

Um suspiro escapou da boca de Sungchul. Ele estava cheio de pesar e dúvidas sobre se deveria perguntar sobre seu futuro. Se ele deveria perguntar por que ele havia caído ou que tipo de eventos estavam esperando por ele. No entanto, ele acabou aguentando a doce tentação.

O futuro que você viu não acontecerá.

A corrupção começa com uma pequena semente de dúvida. Estava certo cortar as raízes, que lentamente o consumiriam e impediriam sua capacidade de completar tudo o que precisava ser feito, porque isso era apenas um futuro incerto. Ele confiava em si mesmo. Não havia dúvidas em sua mente sobre isso.

Havia também outra razão pela qual ele precisava se separar de Sujin. Foi porque uma certa Maga ruiva estava esperando por ele atrás de um pilar de pedra caído.

“Olá, Sr. Belo Novato.”

Dolorence falou com uma pitada de brincadeira em sua voz.

“Você se importa de falar comigo por um tempo?”

Sungchul assentiu e Dolorence o conduziu para a borda externa de uma floresta.

“Obrigado por ser tão cooperativo.”

Ela revelou sua verdadeira natureza, uma vez que chegaram a um local longe o suficiente de olhos curiosos.

“Pelo menos vou mata-lo de forma indolor.”

Dolorence conjurou uma tempestade gelada que rugiu ferozmente de suas palmas assim que as palavras saíram de sua boca. Uma vez que ela estendeu as mãos, a tempestade gelada cresceu explosivamente e consumiu Sungchul. Depois que a tempestade passou, apenas um pilar de gelo na forma vaga de um humano restou.

“Eu me sinto mal, mas o que posso fazer? Esse é o meu trabalho, afinal de contas.”

Dolorence ajustou o cajado e caminhou em direção à figura congelada de Sungchul. Isso foi para que ela pudesse esmagá-lo em pedaços. Quando ela se aproximou de sua estátua, ela sentiu uma aura assassina inesperada, saindo de trás dela.

‘Um inimigo?!’

Quando ela começou a se virar, uma força bruta a atingiu. Foi poderoso o suficiente para fazer com que sua mente ficasse em branco.

“Khuk!”

Dolorence rapidamente prendeu a respiração antes de cuspir sangue no chão.

“Aaargh!”

Ela baixou a guarda. Ela se permitiu se perder diante de uma presa tão fácil e inesperadamente foi emboscada. Mas… quem poderia ser?

Dolorence lutou contra a dor e lentamente virou a cabeça. Uma figura inesperada estava lá, elevando-se sobre ela como um Anjo da Morte.

“V-você… por quê?”

Quem a emboscou foi o Grande Cavaleiro Sanggil Ma. Empunhando um robusto Martelo de Guerra, ele olhou para ela com intenção de matar.

Foi nesse momento que uma passagem de um livro de referência relacionado à magia de um passado distante surgiu em sua mente.

Nada neste mundo é fixo. 
Tudo está em fluxo constante. 
Independentemente de quão lentamente ou rapidamente as coisas mudam.

“Você se atreve a pensar que pode brincar comigo?”

A fera que havia sido envolvida em torno dos seus dedos se soltou e agora estava mostrando os dentes para ela. Ele se aproximou de Dolorence, que já não tinha força suficiente para resistir, e ergueu seu Martelo de Guerra.

“P-pare!”

Dolorence, que tinha percebido o que ele estava prestes a fazer, só podia balançar seus braços e pernas enquanto gritava, mas era tudo sem sentido. Sanggil esmagou seus membros um após o outro. Ela gritava de dor a cada vez, mas o ódio nunca deixava seus olhos.

“Eu vou te amaldiçoar… Sanggil Ma !!”

“Faça o que você quiser, Maga.”

Sanggil pisou em sua cabeça com suas botas militares, depois de esmagar impiedosamente seus membros. Seu rosto foi então empurrado para o chão.

Com o pé ainda na cabeça, Sanggil puxou um cachimbo e começou a fumar enquanto falava consigo mesmo e mantinha um sorriso de satisfação no rosto.

“Eu deveria ter feito isso desde o começo. É só que sou muito mole às vezes. Não é verdade, Maga?”

Ele gradualmente adicionou força ao seu pé enquanto continuava falando. Dolorence tentou gritar, mas foi enterrada pela sujeira.

Sanggil vagarosamente tragou um pouco de fumaça enquanto olhava para o congelado Sungchul.

“Aquele é o pirralho substituto de Ahram? Parece que ele teve alguma sorte do seu lado.”

Sanggil chutou casualmente a cabeça de Dolorence antes de ir em direção a Sungchul para examinar sua forma congelada.

“É uma pena, mas esse é o tipo de lugar que o Outro Mundo é. Esse tipo de situação desamparada acontece tão regularmente aqui.”

Sanggil ergueu seu Martelo de Guerra mais uma vez, tentando terminar o que Dolorence havia começado, mas quando ele começou a balançar, uma voz irônica se espalhou pela frente.

“Isso é o que eu penso também.”

Os olhos de Sanggil se arregalaram. No momento seguinte, o gelo quebrou e uma mão áspera agarrou seu pescoço.

“Ugh… ughp…”

Os pés de Sanggil ergueram-se no ar e começaram a se debater impotentes. Seus olhos se encheram de terror ao ver a pessoa monstruosa que havia quebrado o gelo.

‘Q-quem é ele? Esse filha da puta…’

Era inimaginável. O Grande Cavaleiro, que alcançou as qualidades de um super humano e cuja força ultrapassou 300, estava sendo oprimido tão facilmente. Ele tentou se libertar do aperto em seu pescoço usando toda a sua força, mas era inútil.

“Kuuh…”

Através de sua visão desbotada, Sanggil viu o homem misterioso tocando seu próprio rosto. Seus ossos e músculos estavam fazendo barulhos grotescos conforme eram ajustados. Foi nesse momento que Sanggil chegou a uma conclusão terrível.

‘P-poderia ser ?!’

Quando ele finalmente viu o rosto do monstro, ele começou a entrar em pânico e soltou um grito incoerente.

“I-inimigo do M-Mundo, K-Kim !!”

Crack

O aperto de Sungchul literalmente pulverizou a garganta de Sanggil. O Grande Cavaleiro, que ainda estava no ar, caiu flácido e uma mistura de fezes e urina saíam de sua armadura brilhante.

Sungchul amarrou um laço no pescoço de Sanggil e depois o pendurou em uma árvore. Ele então se dirigiu a Maga ruiva de pernas quebradas que aguardava a morte.

“Você com certeza ama brincar.”

Dolorence cuspiu a sujeira em sua boca e olhou para a pessoa que estava olhando para ela.

‘Quem…?’

Não havia como ninguém como Dolorence reconhecer o rosto de Sungchul. Ele permaneceu sobre ela e falou em voz baixa.

“Mas você teve azar.”

Um grande martelo se materializou nas mãos de Sungchul. Foi o lendário Martelo de Guerra forjado por temperar o céu em uma arma, Fal Garaz. Um nome esquecido se formou em sua mente assim que ela viu essa arma lendária.

‘Poderia ser… essa pessoa é…!’

Wham!

Uma onda sonora refrescante soou da floresta. Sungchul deixou a floresta, deixando para trás a Pulseira de Pseudônimo na frente dos restos salpicados do crânio de Dolorence.

Grupos esporádicos de Invocados podiam ser vistos andando pelo campo ao longo de uma estrada incendiada que se dirigia para a Cidade Dourada.

‘O que eu deveria fazer agora?’

Ele conseguiu se apossar de uma classe de Mago, mas era apenas outro começo. Ele estava familiarizado com a forma de lidar com Magos, mas ele não sabia muito sobre a própria magia. Era preciso entrar em uma Escola de Magia ou uma Guilda para aprender apropriadamente sobre Magia a partir de suas fundações, mas ele tinha uma maldição que não era nada boa com essa situação.

“Tela de status: Maldições”

Sungchul levantou uma tela mostrando as maldições que haviam sido lançadas sobre ele. Seus olhos estavam cheios de muitas palavras.


[Maldições]

Declaração Final do Grande Mago Balzark 
(Intuição -10) 
… 
Adelwight, Bruxa da Maldição da Floresta Assombrada Comum 
(-5 Força / Disfunção Erétil)

Inimigo do Reino 
(Facção: Nêmesis do Reino Humano, Recompensa de Cheque em Branco) 
… 
Inimigo da Guilda da Aliança dos Magos 
(Facção: Nêmesis da Guilda dos Magos Aliados e das sub-guildas)


O problema imediato dentro da tela era a maldição que o fez inimigo da Guilda da Aliança dos Magos. A Guilda da Aliança dos Magos era uma aliança formada entre cada guilda, escola e organizações militares, excluindo somente os Magos errantes ou exilados. Esse era o tipo de organização da qual ele foi declarado inimigo.

Ele poderia esconder sua identidade com o Véu do Engano, mas era outra questão entrar em uma guilda ou escola com Magos que eram naturalmente suspeitos e propensos a enganar por si mesmos.

“…”

Como ele brevemente contemplou em um plano, um amigo familiar permaneceu em torno de seus pés.

“Kyu Kyu!”

Era o Esquilo do Céu de Krill. Sungchul estendeu a mão para o Esquilo do Céu subir em seu ombro.

“Aí está você!”

Mais ao norte da estrada, um homem com um membro protético usando um robe de pele de cachorro sorriu brilhantemente enquanto se aproximava. Foi o caçador de escravos, Christian Ashwood.

Sungchul olhou para o Caçador de Escravos sem pensar muito, enquanto um sorriso sereno se formou de repente em seus lábios. Ele só tinha lembrado agora a antiga profissão de Christian.

Comentários