MCHHS: Capítulo 96


Capa MCHHS

Main Character Hides His Strength

Autores: Road Warrior (로드워리어)
Tradutor: Pyown

Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro (3)

Sungchul conseguiu encontrar os oficiais comissionados em postos de comando na fortaleza dos anões. O comandante das defesas de Kevan Kemaal, Kaal Bomb, estava entre eles. Uma voz rouca com mãos grandes do tamanho de tampas de panela. O anão tinha olhos brilhantes que se acendiam como lanternas enquanto ele informava a sala a situação atual enquanto engolia uma grande caneca cheia de cerveja.

O próprio Bomb não sabia ao certo como o Exército Demoníaco conseguiu emboscá-los pela retaguarda, mas sabia dos recentes rumores da frente de batalha do Reino Demônio.

“Ouvi rumores de que a Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro solicitou reforços de Lorde Martin. Sem mencionar que a Ordem já estava em péssimo estado devido ao contínuo ataque do Exército Demônio durante todo o inverno. Em qualquer caso, a Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro deixou de lado seu orgulho e pediu várias vezes reforços, mas o desgraçado do Lorde Marquês ignorou o pedido deles a cada vez. Era só uma questão de tempo antes que eles caíssem.”

“…”

Sungchul sabia muito bem que tipo de homem Martin Breggas realmente era. Ele era certamente um homem que fazia o que ele queria, mas não era um homem tão irresponsável a negligenciar suas responsabilidades sem motivo.

Outro anão abriu a boca.

“Suponho que os rumores são verdadeiros depois de tudo. O rumor de que ele decidiu usar os Cavaleiros de Sangue de Ferro como cordeiros sacrificiais para elevar um filho bastardo dele, de uma amante que ele ama, como seu legítimo herdeiro.

“Esse rumor. Eu gostaria de ouvir mais sobre ele.” disse Sungchul, que de repente mostrou um pouco mais de interesse.

Quando o homem a quem estavam em dívida estava em silêncio todo esse tempo, de repente, falou, a atenção dos anões mudou de uma vez para Sungchul. O anão que estava falando tomou mais alguns goles do seu copo antes de falar novamente com um arroto.

“Martin Breggas se parece com uma pessoa, mas por dentro, sua cabeça nada mais é do que um cão no cio tentando semear sua semente em todas as belas mulheres em que ele coloca os olhos. Esse hábito repugnante permitiu-lhe muitos descendentes, mas mesmo o próprio marquês provavelmente não sabe quantos bastardos ele tem.”

Os outros começaram a rir e acompanhar as brincadeiras.

“Ouvi dizer que a estimativa conservadora ultrapassa 20.”

“O que 20 crianças? Eu ouvi dizer que há mais de 100.”

Sungchul lembrou o último sorriso de Sophia Breggas, ela que morreu tão tragicamente.

“Aquela criança também veio de uma amante?”

Ele havia coincidentemente visto a árvore genealógica da família Breggas em um de seus retornos do Reino Demônio. Ele tinha visto o nome de Elijah a partir da árvore genealogia que registrou todos, desde o fundador até o atual sucessor do nome da família nos ramos aparentemente intermináveis ​​da árvore genealógica, mas ele nunca tinha visto o nome de Sophia. Para o nome dela não ser registrado na árvore genealógica significava que ela não era formalmente uma parte da família.

“O problema é…”

O anão que esteve falando de repente gritou em voz alta para limpar o ar. Quando o barulho em torno dele começou a se acalmar, ele falou.

“O problema é que, mesmo entre o incontável número de descendentes, existe um único que ele favorece! Ele ama aquela criança tanto para até mesmo jogar fora a criança que ele teve com sua própria esposa no Reino Demônio.”

“Quem?” Perguntou Sungchul.

“Parlim Dargot. Um Alto Elfo. Ele é o filho de uma dançarina de renome em Trowyn. Na verdade, há outro boato sobre aquele bastardo.”

“Oh?”

Quando Sungchul mostrou um pouco de interesse, o anão deu um sorriso e baixou a voz.

“Que o progenitor que Martin ama tanto pode não ser realmente dele… Kehahaha!”

O anão parecia ter achado o rumor tão engraçado que ele não conseguiu terminar sua própria frase antes de cair em risos. Os outros anões riram juntos zombando de Martin.

Quando a risada explodiu em cada parte do salão, a história continuou. Mas aquele falando desta vez não era um anão, mas o comandante enviado por Kevan Kemaal, Kaal Bomb.

“De qualquer forma, o rumor é que Martin está tentando fazer desse progenitor seu herdeiro. O homem não tem escrúpulos e já levou suas esposas e todos os seus outros filhos para a morte. Mas mesmo esse homem insolente pensa que é irracional fazer um filho bastardo de uma dançarina sem base para deixar a herança e se tornar seu herdeiro legal. Então ele está preparando um cordeiro sacrificial.”

“Você está falando sobre a Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro?”

Kaal concordou com a pergunta de Sungchul.

“Tenho certeza de que eles também sabiam disso. Era um rumor popular depois de tudo. Mas a Ordem não tem força. Eles não podiam nem mesmo retirar o filho do seu capitão-cavaleiro que foi invocado daquele Outro Mundo através do Palácio da Invocação, então há algo mais a ser dito?”

Sungchul se lembrou do rosto de Ahram quando o anão estava falando.

‘Quem matou aquele garoto era eu. Se eu não estivesse envolvido, Ahram teria se formado no Palácio e sido aceito na Ordem.’

Toda ação tem uma conseqüência. Dos muitos resultados possíveis, havia alguns que estavam fora das expectativas. Parecia que a morte de Ahram havia sido o golpe final na Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro, e uma casa em declínio estava prestes a desmoronar rapidamente.

Sungchul inclinou o copo enquanto pensava nas histórias que ouviu hoje.

A Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro era uma organização militar composta por Invocados, especialmente aqueles invocados da Coréia. Os Cavaleiros, com o Capitão Cavaleiro Sungtek como chefe, não eram nada além de um bando de mercenários até se posicionarem dentro da Frente de Batalha Demoníaca que era conhecida por ser a região mais perigosa e lutar contra poderosos demônios com suas vidas em jogo.

Conforme o perigo cresce, o mesmo acontece com as recompensas. Suas lutas pareciam infrutíferas, mas, na realidade, a Ordem experimentou um crescimento maciço. A partir do Capitão Cavaleiro Sungtek, algumas dúzias sob ele rapidamente ultrapassaram o reino de Super-Humanos, e começaram a se chamar Sangue de Ferro. Esse foi o início humilde da Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro que subiu para a posição das três mais poderosas facções em todo o continente, incluindo a região norte. No entanto, a Ordem que havia pego o caminho mais rápido não existia mais.

Sungtek poderia ter sido forte em sua formação da organização, mas mostrou fraqueza em sua capacidade de manter um grupo tão grande. Entre planejadores como Martin Breggas, Aquiroa e o Imperador, sua organização foi tirada vantagem e descartada.

Houve notícias se espalhando por toda a fortaleza da Frente de Batalha da Tempestade, que até mesmo o bastião final da Ordem havia sido abandonado.

“A Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro caiu.”

“A Fortaleza da Cruz de Sangue de Ferro foi perdida, e os poucos que restam se entregaram a Martin Breggas.”

“A Frente Oriental da Frente de Batalha Demoníaca está completamente abandonada.”

“Será apenas uma questão de tempo antes que a Frente de Batalha da Tempestade seja invadida.”

Sungchul, que estava hospedado na Fortaleza dos Anões como convidado de honra, podia ouvir todas as suas fofocas. Todos continham notícias sombrias e vitais. Como as preocupações das pessoas pareciam ficar mais pesadas, uma unidade de Cavaleiros de Wyvern entrou na fortaleza. Eles entregaram o comando de Martin Breggas para Kaal Bomb, mesmo depois de retornar com todos os tipos de ferimentos após um ataque no caminho.

Principal força liderada pessoalmente por Martin Breggas está se movendo para atacar a principal força dos demônios. Todos os oficiais subordinados que verem esta notícia devem enviar todas as forças, exceto o mínimo para manter a linha.

‘Então, ele acabou se movendo pessoalmente. Martin Breggas.’

Essa foi a pior crise desde a formação da Frente de Batalha do Reino Demônio. Houve vários deles grandes e pequenos por toda parte, mas não houve nenhum que ameaçasse sua destruição total como agora. Não havia como Martin ficar fora do limite por mais tempo.

Houve notícia de que um exército da Aliança Tribal dos Elfos de Varan-Aran, que estava defendendo o oeste, estava marchando para o leste, em direção à região supervisionada pela Frente de Batalha da Tempestade. Kaal também decidiu enviar todas as unidades além dos feridos e alguns soldados veteranos para o leste. Sungchul se juntou ao exército de Kaal como um honrado mago.

O exército anão cantava canções em marcha enquanto seguravam lanças longas cinco vezes a sua altura enquanto se dirigiam para a terra da morte. Havia uma canção em marcha relacionada a Sungchul.

“Sungchul Arrombado ~ Devolva Fal Garaaz ~ Seu Filha da Puta ~ Sungchul, o Eunuco ~ Devolva Fal Garaz ~ Merda do Mundo ~”

Houve até um segundo verso. Essa era uma verdade amplamente conhecida, mas Sungchul estava em primeiro no Livro dos Rancores dos Anões. Se Sungchul revelou sua identidade no momento atual, certamente levaria a todos os anões se voltarem contra ele.

“Hey… você tem muitos inimigos. Você tem algum amigo?”

Bertelgia estremeceu de rir quando ela falou do seu bolso.

“…”

Sungchul não respondeu. Em vez disso, ele puxou-a para fora do bolso e jogou-a no chão.

“Ouch! Você é demais! Mesmo!”

Os anões que viram Bertelgia voar, gritaram maravilhados. O dia passou assim e finalmente chegaram a uma aldeia. Já estava em ruínas pelas mãos dos demônios. Sungchul descobriu o sinal meio queimado da aldeia dentro dos destroços cinzentos. Foi escrito em coreano que ele não via desde que chegou ao Outro Mundo.

[신 파주] (Nota: Nova cidade militar Paju, a cidade ao lado da fronteira com a coreia do norte que sempre deve ficar alerta a uma invasão)

“…”

Sungchul e os anões podiam sentir o cheiro fraco de sangue que permeava a aldeia enquanto entravam. Havia uma construção repugnante deixada para trás pelos demônios que não haviam deixado uma única estrutura em pé. Era uma torre de humanos empilhados. Homens e mulheres de todas as idades pareciam ter passado por uma tortura atroz antes de serem usados ​​como material para a torre enquanto ainda mantinham a respiração para morrer sobre ela.

Aqueles que morreram defendendo a aldeia pareciam ter sido devorados pelos demônios. O cadáver de um guerreiro que havia sido esvaziado os seus órgãos internos foi deixado apodrecendo em uma mesa de jantar.

“… aqueles malditos demônios.”

Os anões ficaram horrorizados pelo sangue, mas as atrocidades cometidas contra os civis estavam se revoltando a um nível diferente.

“Todo o continente estará sujeito a esta calamidade se a Frente de Batalha do Reino Demônio for violada.”

Sungchul resolveu-se com esse pensamento, pois conhecia os demônios melhor do que qualquer um. Os humanos eram comida e brinquedos para os demônios, e os dois só podiam estar eternamente em conflito. Também não havia necessidade de diplomacia ou negociações com demônios.

A marcha de Kaal Bomb havia diminuído, talvez devido à cena lamentável da aldeia.

O grupo de Sungchul conseguiu ver a bandeira esvoaçante de Martin Breggas depois que dois dias se passaram. A bandeira militar com a imagem de um esqueleto alado segurando uma espada era visível de longe. Sob essa bandeira havia centenas de outras bandeiras, representando cerca de trinta mil soldados. Um exército diversificado de várias frentes de batalha e de todo o continente se reuniu em um único local.

A maior e mais central das forças era a milícia de Trowyn liderada por Falim Dagott, conhecido como a progênito de Martin Breggas. Sungchul percebeu que o grupo era apenas uma milícia no nome, e eles não ficaram para trás de nenhuma das ordens de cavaleiros em equipamentos ou números depois de um único olhar.

Parlim Dargot era um homem bonito com um comportamento confiante e carismático. Ele não compartilhava qualquer semelhança com Martin, como diziam os rumores, mas ele tinha uma grande presença que parecia atrair os olhos de todas as pessoas próximas ou distantes. Era um contraste distante de Elijah que era similarmente bonito ainda assim não tinha força e liderança.

Parlim procurou cada capitão de várias regiões e se apresentou enquanto discutia o tamanho e o papel de sua unidade de maneira confiante e concisa.

“Hmm. Esse é o rival do garoto que se transformou em um alto demônio? Honestamente, esse cara é muito melhor.”

Bertelgia estava de acordo com a opinião de Sungchul.

Por outro lado, a Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro, que ocupava um canto do exército, parecia incomparavelmente patética. Sungtek, que uma vez empunhou o poder de uma das principais facções do continente, parecia abatido e tinha pouca presença enquanto se mantinha em seu cantinho do exército com seus soldados sobreviventes. Ninguém demonstrou respeito pelo grupo.

Aqueles que estavam cientes dos ataques da Frente de Batalha do Reino Demônio simpatizavam com eles, mas aqueles que eram cegos para a situação os desprezavam como a Ordem incompetente que renunciou à sua frente, causando sua situação atual.

‘Sungtek Cho.’

Sungchul conhecia o homem pessoalmente. O homem tinha sido um corajoso e animado líder de grande habilidade antes que a Calamidade tivesse acontecido. Ele já foi mais ousado e mais motivado do que Sungchul, mas Sungchul não conseguia ver a centelha do passado na aparência atual de Sungtek. Tudo o que restou do homem foi uma casca envelhecida.

“Então a Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro caiu tanto.”

Havia apenas uma razão para a queda da Ordem. Eles estavam contra a calamidade. Muitos consideraram a calamidade como menor e insignificante, mas a Ordem dos Cavaleiros de Sangue de Ferro havia murchado como resultado da ir contra ela. É improvável que eles voltem a ficarem altos.

Estes eram os pensamentos de Sungchul quando ele saiu da área.

Sungchul olhou em volta para verificar se havia alguém familiar. Havia apenas uma pequena minoria de pessoas que estavam cientes da aparência atual de Sungchul, mas se ele encontrasse algum deles, ficaria muito perturbado. Felizmente, ele não encontrou Deckard nem ninguém da Unidade Suicida. Isso significava que Sungchul poderia fingir ser Ahmuge Kim no momento.

Tudo deve chegar a uma conclusão dentro de uma semana. Se os humanos perdessem essa batalha, então um terço da população que vive no continente seria vítima dos chifres e garras dos demônios.

Nações poderosas, como o Império Humano, poderiam resistir à invasão dos demônios, mas as nações menores seriam impotentes contra elas. A imagem da aldeia arruinada brilhou nos olhos de Sungchul.

Um suspiro superficial escapou dos seus lábios.

“Se a minha intuição só conseguisse obter mais um único ponto.”

Quando ele se virou com arrependimento persistente em sua mente, alguém agarrou seu ombro. O choque espalhou-se pelos olhos de Sungchul.

‘Eu não podia sentir a presença ?!’

Era impossível. Para alguém ter passado despercebido nos sentidos transcendentais de Sungchul. No entanto, houve várias situações no passado em que isso aconteceu. Sungchul sentiu uma sensação de deja vu quando encarou a mulher que segurava seu ombro com um olhar gelado.

“Oh, realmente foi você! Sr. Sungchul.”

A identidade da mulher sorrindo largamente com os dentes amostra não era outra senão Ahmuge.

Comentários