Kuork

Apenas Tradutores Errantes

iLivro

Matricula Parte 1/2

A luz do sol passa por uma fresta, na parede, me acordando. Sentei-me na cama e olhei em volta, sem Mayu em minha cama era realmente estranho. Levantei da cama e fui ao banheiro; tomei um banho, escovei meus dentes e coloquei minhas vestes.

Eu tinha comprado um novo traje de combate e um casual, já que os outros ficaram bastante desgastados. Meu novo traje, de combate, era feito de Couro de Lizardmen, um pouco mais pesado que o antigo, mas com maior defesa. Paguei o preço de dois ouros nele, um tanto quanto barato a meu ver.

A roupa casual era uma regata branca e uma bermuda preta, elas tinham uma defesa baixa, mas eram confortáveis. Paguei oitocentas pratas por elas; por o preço ser baixo, acabei comprando um brinco que amplificava meu poder em 10%.

Vesti a roupa casual e guardei o traje de combate no anel. Desci para a recepção e pedi o café da manhã. Shiro e Mayu ainda estavam dormindo, então fiz meu desjejum sozinho.

Hoje eu pretendia ir até a Academia Mágica Selune, embora eu não soubesse onde ficava.

“Sistema, onde fica a Academia Mágica Selune? ”

— No leste de Mitaras, senhor.

“Obrigado.”

Terminei meu desjejum e saí da pousada. Resolvi passar na guilda, já que estava no caminho para a academia.

Ao chegar à porta, da guilda, uma discussão podia ser ouvida. Quando entrei, vi um rapaz, com outros dois atrás dele, discutindo com uma bela jovem de longos cabelos azuis; como ela estava de costas para mim, não pude ver sua aparência.

“Você! Eu irei te matar pelo que fez ao meu irmão! ”

Aparentemente, o rapaz tinha feito algum mal ao irmão da garota. Sentei-me no bar da guilda e fiquei observando a discussão.

“Heeh, você sabe que a culpa é sua né? Se você não tivesse recusado meu pedido, isto não teria acontecido com ele.”

“Eu jamais me tornaria amante de um homem tão desprezível quanto você.”

“Ora sua!…”

O rapaz levantou a mão contra a garota, por instinto eu saltei na frente da garota e segurei a mão do rapaz.

“Você não sabia que, não se bate em mulheres? ”

Abaixei meu corpo e dei uma rasteira nele, fazendo-o cair no chão.

“Senhor Hugul! ” gritaram seus vassalos em preocupação.

“Q-q-quem é você?! ” perguntou o rapaz com raiva.

“Eu? Ninguém especial.”

“Da próxima vez que eu te encontrar, você será uma pessoa morta! ”

Os vassalos ajudaram seu amo, a se levantar, e se retiraram da guilda.

“Você está bem? ” Falei enquanto segurava a mão da moça com um sorriso.

“S-sim! Desculpe-me por isso, agora você irá ser mais um alvo da família Baudry.” Disse ela com uma feição triste.

“Baudry? Quem são eles? Bem, tanto faz… Não é como se eu tivesse medo deles.”

“Simplesmente, quem é você? ”

“Um aluno da academia Selune, talvez? ”

“Selune, heh? Nunca te vi por lá.”

“Bom, não me matriculei ainda, mas pretendo fazer isso hoje.”

“Então eu irei com você. Meu nome é Elly Durerie, prazer em conhecê-lo.”

“Eu sou Ângelo Von Breno, o prazer é meu.”

“V-v-von Breno?! ”

“Isso, por que o espanto? ”

“Qual a sua relação com a, antiga, maga do reino de Mitaras?! ”

“Creio que esteja se referindo a Nicole. Ela era minha irmã.”

“Huh… Entendo.”

“Entende o que? ”

“Nada, vamos indo.”

“Okay.”

Fiquei um pouco curioso, do por que todos reagiam de forma estranha ao ouvir o nome de minha família. Bem, não é como se eu me importasse, mas era misterioso.

Saímos da guilda e fomos para a academia. Depois de alguns minutos de caminhada, chegamos aos portões da academia.

Dois guardas guardavam os portões da academia. Os portões eram enormes, feitos de ouro com runas entalhadas. Os muros eram feitos de tijolos cinza, dando um ar de seriedade.

“Bem vinda senhorita Durerie, o que vem fazer hoje nas dependências da academia.” Disse um dos guardas interrompendo nossa passagem.

“Vim trazer este garoto para se matricular.”

“Heh, ele não parece ser capaz de passar no teste da nossa prestigiada Academia Mágica Selune.”

“Se eu fosse você não o desmereceria. Sabe… Ele é irmão de Nicole.”

“N-n-nicole?! Aquela Nicole? ”

“Essa mesma.”

“Desculpe por meu desrespeito, senhor Von Breno. Será uma honra tê-lo em nossa academia.”

Acenei com a cabeça e adentramos no terreno da academia. Eu fiquei um pouco surpreso pela reação dos guardas, e de todos, ao escutarem o nome de minha irmã.

O campus da academia era enorme. Logo no inicio tinha uma escultura da deusa da lua, Selene, sobre uma fonte. Fiquei parado em frente a ela, até que uma mensagem apareceu.

— Você admirou uma arte sagrada, sabedoria e magias celestiais foram aumentadas em 5%.

‘Heeh? Eu não sabia que eu podia ganhar bônus por admirar artes. Talvez funcione apenas se a arte for sagrada. Bem, posso descobrir isso mais tarde, agora tenho de ir até o diretor. ’

Ellis me levou até a sala do diretor, aparentemente, hoje não tinha aula, já que não vi muitos alunos pela academia.

Ficamos esperando sentados, em frente à sala do diretor, até que ele estivesse disponível.

“HUH?! Quem foi o desgraçado que matou minha sobrinha? Eu irei trucida-lo! ”

Uma gritaria começou da sala do diretor, olhei para Ellis e ela parecia estar preocupada com algo.

“Você está bem Ellis? ”

“Bem, estou… É só que quando o diretor se irrita, ele acaba quebrando algumas coisas…”

“Ah…”

Depois de alguns minutos de gritos, finalmente eles cessaram. Alguém, lá dentro, tinha acalmado o diretor. Finalmente a porta se abriu e então um rosto familiar saiu de dentro.

“Shiro?! ”

“Hoh, Ange-sama. Estávamos falando de você agora a pouco.”

Olhei um pouco para o lado e Mayu estava parado ao lado de Shiro. Seus olhos estavam expressando angustia em minha direção.

“Vamos voltar para a pousada Shiro, já fizemos o que tínhamos de fazer aqui! ”

“S-sim! ”

Ela realmente estava bem chateada, nem falou um “oi” sequer.

“Ela aprecia te odiar.” Disse Ellis me encarando.

“É uma longa história…” falei suspirando.

Uma mulher, que parecia ser a secretária, do diretor, veio até nós e disse que podíamos entrar.

Quando entrei, a sala estava uma completa bagunça. A mesa de centro, o sofá e o tapete da sala estavam arruinados.

“Desculpem-me pela bagunça.” Disse o diretor sentado atrás de sua mesa.

Ele era da raça Beast-man, um homem de meia idade musculoso com pelos brancos. Ele vestia uma Yukata, roupa típica do continente Wuf e usava um óculos redondo.

“Por favor, sentem-se.” disse ele com um sorriso no rosto.

Aceitamos seu convite e nos sentamos.

“Bom, em que posso ajuda-los? ”

“Eu gostaria de me matricular.”

“Hm… Você tem o que é preciso para frequentar nossa academia garoto? ”

“Creio que sim e se caso eu não tiver, eu irei consegui-lo independente da dificuldade.”

“Hohoho, isso é interessante garoto. Qual o seu nome? ”

“Eu sou Ângelo Von Breno, décimo filho dos Von Breno.”

“V-v-von Breno!?! ”

Sinceramente, estava ficando chata essa mesma reação toda vez.

Janela de Status
Nome: Ângelo Von BrenoRaça: Humano
Posição Social: NobreTítulos: Pequeno Anjo; O Trapaceiro
Profissão: AventureiroRank: E
Classe(s): EspadachimNível: 11
HP: 800/800WIR: 5000/5000
Força: 35 (525)Agilidade: 49 (735)
Vitalidade: 28 (420)Inteligência: 30 (450)
Sabedoria: 21 (315)Defesa: 25 (375)
Destreza: 55 (825)
Atributo(s) Mágico(s): [Neutro],[Trevas],[Terra]
Modo(s): [Herança de Poder]
Habilidades Ativas
Fortalecimento MágicoLVL.2
Troca DivinaLVL.MAX
Estrutura de TerraLVL.1
Escudo de TerraLVL.1
Espinhos de TerraLVL.1
Habilidades Passivas
Vontade InabalávelLVL.MAX
EsgrimaLVL.4
BushidôLVL.3
Artes MarciaisLVL.3
SobrevivênciaLVL.2
Equipamento
Arma
Nodachi de Sasaki KojiroRaridade: ✧✧✧✧✧
Ataque: 155+ 5%
Armadura
Conjunto LizardMenRaridade: ✧✧
DEF: 20
Acessórios
1. Anel do InfinitoRaridade: ✧✧✧✧✧
Itens: 10/???
2. Brinco amplificadorRaridade: ✧✧
Dano Mágico:+10%

Notas Finais:

›Escrito por: KooZ

›Revisado por: Não Revisado

›Formatado por: KooZ

 

Anterior› ‹Capítulos› ‹Próximo›

 

 

 

Comentarios em MD: Capítulo 9

Categorias