MHK: Capítulo 169


Capa MHK

Master Hunter K

Autores: From Hell (프롬헬)
Tradutor: Pyown

Décima Quarta Vez Comprando no Mercado Negro (Parte 4)

Sungjin olhou ao redor da área onde o dono da loja desapareceu.

“O que aconteceu?”

Besgoro murmurou:

“Ele… desapareceu?”

Sungjin levantou-se e começou a examinar a área onde o dono da loja estava sentado. Não havia sinal de sua presença; o dono da loja desapareceu sem deixar vestígios. Sungjin cruzou os braços enquanto olhava para o local vazio onde o dono da loja estava.

“Apenas…”

No entanto, quando ele estava cruzando os braços, algo tocou seu cotovelo. Era a garrafa vazia de elixir da qual ele acabou de beber. Sungjin pegou e inspecionou a garrafa vazia. O dono da loja se despediu como se fosse permanente, em vez de uma separação temporária.

Considerando suas características de “não contar tudo, mas ser verdadeiro com o que ele diz” o homem definitivamente desapareceu para sempre. Como se culpasse o lojista já desaparecido, Sungjin disse.

“Mas então … onde eu deveria usar minhas Moedas Negras agora …”

Nos últimos capítulos, ele usou todas as suas Moedas Negras para comprar elixires, mas agora que o dono da loja tinha ido embora, ele não podia mais comprar mais elixires. Ele agora não tinha outro lugar para gastar suas Moedas Negras.

“Merda … Ele fez o que quis até o final.”

Sungjin chutou a cadeira em que o dono da loja estava sentado. Besgoro sussurrou em seus ouvidos depois.

“Bem, há pelo menos isso.”

“O que é?”

‘Que você trocou todas as suas Moedas Brancas em Água Benta do Batismo.’

“Hrm…”

‘Se você não fez tanto assim, então você não teria sido capaz de aumentar seu número de aliados.’

Sungjin olhou brevemente para a cadeira vazia antes de dizer:

“… Isso é verdade.”

Depois disso, ele saiu do lugar. No caminho de volta para o Noventa e Nove Noites, Sungjin refletiu sobre as palavras que o dono da loja havia dito.

“Eu sou um ser que existe para transmitir a ‘vontade’. Eu cumpri meu dever a partir de hoje, então não posso mais existir aqui.”

“Você já tem a determinação e agora obteve o poder. É hora da história acabar.”

“Só estou dizendo que todos os requisitos foram atendidos.”

A maior parte do que o dono da loja disse era difícil de entender. Mas das coisas que ele havia dito, Sungjin entendia uma coisa; isso era que o dono da loja havia dito enquanto apontava para o brinco de Sungjin.

‘Quando você tem que escolher uma coisa, escolha isso. A verdade é sempre preciosa.’

Sungjin levou a mão ao ouvido.

“Mas … por que isso?”

Ele tocou o brinco e disse:

“Desequipar”

Logo a luz roxa da joia encravada no brinco pegou seu olhar. O olho meio fechado e sonolentos dentro da joia estava olhando para ele. Em alguns ângulos, parecia que estava um pouco sonolento e, em outros, parecia que estava brilhando de repente para ele.

“Isso… qual era o nome disso?”

Sungjin segurou o brinco acima da cabeça. Logo, a janela de informações da Operadora apareceu e ele leu o nome do brinco novamente.

“Trite… Olho de Jeremiah…”

Deixando isso de lado, Sungjin estava incrivelmente curioso sobre o que o dono da loja queria dizer, ‘quando você tem que escolher uma coisa’.

‘Quando será a hora para isso? Ele não é alguém que diria as coisas levemente…

Por enquanto, Sungjin reequipou o brinco dizendo:

“Equipar.”

Depois, ele andou na estrada para a Noventa e Nove Noites. Mas ao longo do caminho, Sungjin de repente teve uma ideia e se virou e se dirigiu para a Forja de Kargos; Ele estava curioso sobre como o trabalho de ontem estava progredindo.

A Forja de Kargos era tão brilhante quanto o meio do dia, apesar de estar tão cedo da manhã. O brilho do aço fundido brilhava da fornalha, e havia fogos de artifício subindo incessantemente da bigorna e do martelo. O que era único era que havia vários anões semelhantes a Kargos que estavam reunidos na Forja.

‘Aahh, ele disse que ia chamar seus parentes, não é? Um, dois, três, quatro…’

Sungjin desistiu de contá-los quando o número ultrapassou sete. Isso porque sua aparência era tão semelhante ao ponto que era como tentar resolver um quebra-cabeça. Eles ainda estavam se concentrando em seu trabalho, mesmo quando Sungjin chegou perto.

Era como se Sungjin tivesse se tornado um fantasma invisível. Sungjin observou-os trabalhar com os braços cruzados. Depois de um tempo, Kargos viu Sungjin e levantou a mão,

“Olá, ai! Caçador.”

Sungjin quase não o reconheceu. Isso porque o rosto de Kargos estava completamente preto e havia vários lugares em sua barba que haviam sido queimados. Além disso, desde que ele tinha se misturado entre seus parentes que se pareciam com ele, Sungjin tinha confundido ele com outra pessoa.

“Ah … Olá, Kargos.”

Sungjin se aproximou dele e perguntou:

“Como é? Está indo bem?

Os olhos do ferreiro brilhavam como um homem bêbado,

“Tudo está indo bem, pois meus primos e eu estamos colocando nossa alma para faze-lo. Agora, dê uma olhada.”

Ele gesticulou para Sungjin olhar dentro da fornalha. Sungjin tentou olhar como dirigido, mas apenas o ato de tentar dar uma espiada no interior fez com que o rosto de Sungjin fosse atingido por um imenso calor escaldante. Mas ele se forçou a olhar para dentro de qualquer maneira, apesar do calor.

Havia algo parecido com um filtro de rede colocado abaixo, mas algo colocado em cima dele estava emitindo um brilho azul radiante. Sungjin ficou olhando atentamente por cerca de três segundos quando,

“… Hrm?”

Ele percebeu que a luz brilhante era como a forma de uma estrela brilhante. Ele suportou as chamas abrasadoras que ameaçavam derreter seu rosto e perguntou a Kargos:

“Kargos, essa joia.”

“Hrm?”

“Você está criando na forma de uma estrela?”

“Não, não. Essa joia… eu não posso explicar, mas não posso mudar sua forma como eu quiser.”

“Então?”

“Ela escolhe sua forma por si só.”

Sungjin perguntou surpreso

“O que?”

“Eu também não pude acreditar na primeira vez que li as anotações antigas deixadas pelos ferreiros de antigamente. No entanto, agora que vejo, as lendas eram verdadeiras. Aquela joia, é como se … originalmente estivesse nessa forma.”

Parecia que a joia era feita de algum tipo de liga de memória de forma, embora fosse provável que Kargos não soubesse o que era.

“… É assim mesmo?”

Sungjin respondeu futilmente antes de dizer:

“Então, vou deixar em suas mãos.”

“Está bem. Apenas tenha fé em mim.”

Sungjin despediu-se de Kargos e depois virou os pés. A caminho da Noventa e Nove Noites, Besgoro disse:

‘Que objeto fascinante, uma joia que retorna a uma forma de estrela por si mesma. Todos os meus anos no campo de batalha, lutando e triunfando contra inúmeros chefes bárbaros do norte, líderes de culto pagãos do sul e as bruxas do oeste, eu tomei um grande número de tesouros como meus troféus … mas eu nunca ouvi nem vi qualquer coisa assim.’

Nas palavras de Besgoro, Sungjin soltou um bufo curto.

“Hm…”

Sua atenção voltou ao sonho que ele acabou de ter.

‘O item em forma de estrela que Edward usou… Então, isso…’

Essa joia foi a peça oculta do capítulo anterior, que Arachae’ard estava procurando. No momento em que você a obteve do cadáver, Archae’ard apareceria do céu e a exigiria. Se você recusasse, você lutaria.

‘O que significa…’

Isso significava que Edward também havia passado no teste de Archae’ard e confiado a Kargos depois de ganhar a joia.

‘… Apenas o que Edward fez por aí… Aquela joia… Então…’

As dúvidas deram origem a novas dúvidas. Mas a joia não estaria completa por outro dia. Sungjin parou por alguns instantes e olhou de volta para a Forja de Kargos. A luz do fogo da forja podia ser facilmente vista de longe. Ele intensamente olhou para a luz por alguns segundos, depois voltou para a Noventa e Nove Noites.

*

Grrrrrr

O som do seu estômago roncando podia ser ouvido claramente. Sungjin finalmente abriu a boca.

“Operadora, a hora?”

[A hora é 13:07.]

‘… Já é de tarde?’

Depois que ele retornou de sua viagem de Mais Escuro Que o Preto e da Forja de Kargos, Sungjin tinha ido pra cama. Ele não comeu o café da manhã, nem dormiu. Em vez disso, ele pensou sobre o que os dois dragões, Ariane e Archae’ard, disseram sobre o que o dono da loja de Mais Escuro Que o Preto havia dito, e sobre o passado de Edward e seus segredos.

Todas as peças parecem estar lá, mas não parecem se encaixar de alguma forma. Isso foi, sem dúvida, porque ainda havia uma peça do quebra-cabeça que estava faltando.

“Por enquanto … Depois que a próxima raid terminar … eu deveria saber mais depois que a joia estiver completa.”

Enquanto Sungjin ainda estava pensando sobre as coisas, seu estômago mais uma vez rosnou.

‘Grrrrrrrrr’

Sungjin levantou-se da cama como uma mola. Era uma necessidade para os caçadores comerem corretamente. Ele ouviu a voz da Operadora quando ele abriu a porta e começou a descer.

[O Escolhido solicitou seu teletransporte.]

‘Agora…?’

Quando Sungjin virou a cabeça para olhar, a aparência de Serin foi mostrada acima do cubo.

‘Ah, certo… Serin também é importante.’

Sungjin disse ao cubo:

“Aah… eu irei. Me teleporte.”

Sungjin foi teleportado para um restaurante nos arredores do Mercado Negro. A paisagem ecológica foi bem projetada com todos os tipos de flores e árvores. Era a primeira vez que Sungjin tinha visto tal lugar, embora ele fosse a pessoa que passou a maior parte do tempo no Mercado Negro.

Sungjin estava pensando “Wow, havia um lugar como esse”. Foi uma maravilha que ela encontrou um lugar assim. Serin estava sentada na melhor mesa no centro (como não havia outros convidados, as reservas não eram necessárias). Sungjin sentou-se na frente dela.

O problema era que, ao contrário do ambiente claro e bonito, o clima era bastante pesado. Mesmo que eles não tivessem uma briga, ou melhor, mesmo que eles não tivessem um relacionamento próximo o bastante para brigarem, o clima foi um pouco estranho. Depois de um momento, um cervo demi-humano com imensos chifres se aproximou como ele disse,

“Bem-vindos, ao Cinco Emoções. Vocês estão prontos para fazer o pedido?”

Serin levantou a mão para ele.

“Nós vamos pedir um pouco depois.”

“Entendido. Então, por favor, me chamem quando estiverem prontos para pedir.”

O cervo demi-humano educadamente despediu-se e desapareceu por trás. Constrangimento retomado. Os dois hesitaram por um momento.

“Eu pensei sobre ontem, mas…”

“Eu pensei sobre ontem, m…”

Os dois falaram simultaneamente, mas depois pararam e se encararam. Sungjin usou esse tempo para falar primeiro, desculpando-se.

“Ontem, eu acho que eu estava um pouco apressado … Quando você encontrou Edward … Como eu devo dizer, ele realmente parece um cara legal, afinal.”

Serin também respondeu, incluindo um pedido de desculpas.

“Não, tudo bem, Oppa. Como Oppa tinha voltado no tempo uma vez, deveria ter havido algo que você viu antes… Eu acho que não fui capaz de entender isso. Se Oppa quisesse fazer algo assim… Deve ter havido uma razão para isso.”

O humor estranho rapidamente se dissipou quando a conversa começou assim. Além disso, naquela hora o estômago de Sungjin mais uma vez deixou sair um som.

‘Grrrrrrrrr’

A atmosfera ficou subitamente menos séria. Sungjin deu um tapinha no estômago quando ele disse:

“Vamos primeiro pedir nossa comida e depois continuar com a nossa conversa. Eu pulei o café da manhã, então estou com muita fome.”

“Ah, claro. Estamos prontos para pedir.”

O cervo demi-humano com grandes chifres se aproximou e anotou seus pedidos. Feito isso, Sungjin declarou o cerne da questão.

“Bem… O que eu vejo é diferente do que você vê, mas… É o suficiente se confiamos uns nos outros e agimos mesmo se há coisas que sabemos e não sabemos entre nós. É o mesmo para mim e é o mesmo para você.”

Foi o que ele tinha pensado ontem. Serin acenou com a cabeça quando ela disse:

“Sim, Oppa.”

Depois, Sungjin pensou brevemente em Edward mais uma vez. Aquele cara, que sempre foi gentil. Também não era irracional que Serin tivesse entendido mal. Naquela hora, Serin disse:

“Oppa. Mas o que você está dizendo é…”

Sua hesitação significava que havia algo mais que ela queria dizer.

“Hrm, o que?”

“Não é nada.”

Ao contrário de suas ações normais, ela balançou a cabeça humildemente. Durante esse tempo, o cervo demi-humano começou a servir a comida.

“Aqui está a salada com ostras e molho fresco.”

Comentários