iLivro

Angélica, Filha do Senhor da Cidade do Rio Branco

 

A jovem tinha cabelos e olhos vermelhos, pele branca e macia.

 

Derek ficou hipnotizado pela beleza da jovem a sua frente, mas logo as cenas da matando seus irmãos e ferindo gravemente o seu pai, surgiram na sua mente, e um forte ódio surgiu em seu coração.

 

Derek olhou ao redor, e então ele viu a espada da jovem, que estava a 2 metros de distância dele.

 

Derek então em instantes, já havia chegado ao lado da espada e a pegou.

 

A jovem tinha medo em seus olhos ao olhar para Derek, pois sentiu que Derek era um Guerreiro Estelar, e parece que ele acabou de despertar!

 

Isso chocou a jovem, pois até onde sabe, é bastante raro que alguém desperte completamente a Energia Estelar, a menos que…

 

Por um forte ódio, desejo de viver e determinação imensa!

 

E isso era tudo o que Derek tinha, e ao pensar no que havia feito a momentos atrás, ela percebeu que Derek provavelmente tinha imenso ódio dela, e quando ela o feriu, ele deveria ter um imenso desejo de continuar vivendo, e a sua determinação, possivelmente era para proteger seu pai, que estava lutando desesperadamente contra ela a momentos atrás.

 

Ao pensar nisso, ela percebeu seu erro, que acabou criando um Guerreiro Estelar completamente despertado.

 

Mas mesmo sabendo que estava enfrentando um Guerreiro Estelar, ela não se importou muito, pois seu status não era pequeno.

 

E se esses pequenos bandidos ousasse matá-la, não haveria um final bom para ele.

 

E antes que ela pudesse falar qualquer coisa, Derek já estava nas suas costas, e então usando o cabo da espada, ele acertou diretamente sua nuca, a fazendo perder a consciência.

 

Derek olhou friamente para ela, e então foi até seu pai para ajudá-lo.

 

Gale olhou com grande choque para seu filho, e então um orgulho enorme surgiu em seu coração.

 

Como ele não poderia perceber que seu filho se tornou um Guerreiro Estelar? Apenas sua velocidade que era como um fantasma em seus olhos, conseguiu quebrar as defesas daquela jovem.

 

“Pai, você está bem? ”

 

Ouvindo a voz preocupada de Derek, Gale sorriu e lágrimas caíram de seus olhos.

 

“Meu filho, o meu filho se tornou um Guerreiro Estelar! ”

 

Gale estava tão feliz, que se não fosse pelas feridas graves em seu corpo, ele estaria pulando de alegria.

 

Derek rapidamente impediu seu pai de se mover, e então olhando para seus irmãos, ele gritou.

 

“Rápido! Tragam água limpa e pano limpo, precisamos limpar e cobrir as feridas do pai! ”

 

Ouvindo o grito de Derek, os dois acordaram de seu choque, e então olhares preocupados surgiram em seus olhos e eles correram à procura dos dois itens pedidos.

 

Logo todos os bandidos se recuperaram de seu choque momentâneo e então rapidamente se aproximaram da jovem e a agarraram pelos braços.

 

Havia fúria e luxúria em seus corações ao olhar para essa jovem, mas ninguém ousou fazer nada além de agarrar seus braços e levá-la até Derek.

 

Todos sabem que Derek gosta de mulheres, ainda mais quando são bonitas.

 

E também sabem que o motivo de ter a deixado viver, foi para ele usá-la no final.

 

Então todos eles poderiam esperar até Derek se cansar da jovem e entregar ela a eles.

 

Derek olhou para os bandidos e falou.

 

“Amarre seus braços e pernas bem amarrados, para que ela quando acordar, não fuja, pois ela tem a força de 4 a 5 homens adultos! ”

 

Ouvindo o comando de Derek, todos assentiram e então acharam cordas grossas e amarraram suas mãos e pés.

 

E para ter certeza que ela não irá se soltar, eles amarraram as cordas ao redor de seu estômago e as ligaram nas cordas de seus braços e pernas.

 

Logo a jovem estava cercada por várias cordas, e depois foi levada obedientemente para a barraca de Derek.

 

Logo seus irmãos voltaram e carregavam o que ele havia pedido, e então Derek começou a limpar as feridas de Gale e então enfaixá-las.

 

Logo Derek estava com todas suas feridas bem enfaixadas.

 

‘Até que aquelas aulas de paramédico serviram para alguma coisa.’

 

Derek sorriu feliz vendo que a condição de seu pai agora havia se estabilizado, e não haveria perigo a sua vida por causa da incessante perda de sangue.

 

Gale sorriu vendo a preocupação de seu filho, e sentiu ainda mais orgulho vendo como ele o enfaixava de uma maneira tão perfeita.

 

Depois de alguns minutos, tudo estava pronto e Gale foi levado para sua barraca, e quando todos os bandidos estavam prestes a limpar os corpos de seus antigos companheiros, Derek falou.

 

“Não toquem seus corpos, deixem eles onde estão! ”

 

Suas palavras surpreenderam a todos, e um deles perguntou o motivo.

 

“Ainda não sabemos o fundo daquela garota, e pelo quão bonita ela é, claramente não é de alguma família qualquer, então esperemos até ela acordar e então iremos perguntar a ela, depois disso, veremos se iremos ou não cuidar dos corpos de nossos irmãos! ”

 

Ouvindo Derek, todos ficaram surpresos e então assentiram, e logo entraram em duas barracas, deixando os corpos de seus companheiros no chão.

 

Dos 120 bandidos, menos de 80 deles sobraram, um total de 78 bandidos.

 

 

Derek estava sentado diante da jovem adormecida, e então jogou um pouco de água em seu belo rosto.

 

Logo a jovem abriu seus olhos, e vendo um rosto não familiar a sua frente, ela rapidamente se moveu, mas sentiu dor em seus braços, pernas e estômago.

 

E olhando para baixo, ela percebeu as cordas amarradas ao redor de seu corpo.

 

“Me solte! Eu sou Angélica Goldman, membro da Família Goldman e Filha do Senhor da Cidade do Rio Branco! Se você ousar tocar um fio de meu cabelo, meu pai irá fazer você e sua família sofrerem! ”

 

Angélica gritou de raiva em direção a Derek, e depois de ouvi-la, Derek sorriu lascivamente e então estendeu sua mão e tocou o rosto delicado de Angélica.

 

Angélica ficou chocada quando Derek tocou seu rosto, pois além de seu pai, nenhum outro homem havia tocado seu rosto.

 

“Você bandido imundo! Tire suas mãos sujas de mim! ”

 

(Lich: Para aqueles que não gostam de estupro, pode pular para o próximo capítulo, pois é isso que terá daqui para baixo!)

 

Angélica gritou de nojo, e is os fez Derek se sentir irritado em seu coração, e então com raiva, ele agarrou as roupas de Angélica, e com um puxão, ele as rasgou!

 

Logo a sua frente, dois picos gêmeos brancos e rosados, surgiram nos olhos de Derek, e por causa da perfeição desses dois picos gêmeos, ele sentiu seus batimentos cardíacos acelerarem.

 

Angélica soltou um grito e usou suas mãos amarradas para se cobrir, mas não conseguiu, então ela se enrolou em uma bola para esconder seu belos seios.

 

Mas Derek não deixaria isso acontecer, ele então a agarrou pelos ombros e a empurrou para baixo, isso surpreender Angélica bastante.

 

E antes que Angélica pudesse reagir, Derek já havia selado seus lábios com os dele.

 

Angélica arregalou seus olhos em choque e desgosto, e lágrimas começaram a cair de seus olhos logo depois.

 

Seu primeiro beijo foi um um bandido!

 

E como se seus lábios não fossem o suficiente, Derek enfiou sua língua em sua boca que tinha um gosto doce.

 

Sentindo a língua de Derek em sua boca, mais desgosto ainda surgiu em seu coração, e ela com todas as suas forças, mordeu o intruso.

 

Mas para sua infelicidade, o intruso não sofreu nenhum dano, na verdade isso até fez o ser mais animado.

 

Logo Angélica sentiu algo tocar em seus peitos, e percebeu que eram as duas mãos de Derek.

 

Angélica sentiu repulsa e desespero, e ela lutou com todas as suas forças, mas infelizmente para ela, Derek era 2 vezes mais forte que ela.

 

Ela a conseguiu controlá-la facilmente, e logo uma de suas mãos já estava entre suas pernas, e usos fez com que as lágrimas de Angélica caíssem ainda mais.

 

Angélica então em jam voz abafada, falou.

 

“Por… favor, não tire… minha castidade… “

 

Ouvindo Angélica, Derek sentiu seu sangue ferver ainda mais, e suas mãos ficaram mais ousadas.

 

Angélica continuou a implorar, mas Derek apenas ficava mais ousado.

 

Logo Derek não estava mais a beijando nos lábios, mas começou a beijar seus belos seios brancos e rosados, gordos o suficiente para caber em suas mãos.

 

Angélica sentiu um formigamento em suas áreas íntimas, assim como sentiu uma sensação estranha vindo de seus seios.

 

Angélica como uma jovem nobre, nunca havia se tocado em sua vida, e agora ter alguém a tocando, foi sua primeira vez, e foi com alguém que ela não amava!

 

Angélica sentiu desespero ainda maior em seu coração, e ela tentou lutar, mas uma grande sensação de fraqueza lhe assaltou.

 

Logo o sentimento de formigamento nas suas áreas íntimas, começou a ficar maior e mais intenso, e gemidos baixos começaram a sair de sua boca, mesmo tentando ao máximo suprimi-los.

 

Derek se sentiu ainda mais excitado ao ouvir os gemidos de Angélica que eram bastante baixos.

 

Logo Derek usou um pouco de força e então as calças de Angélica se rasgaram, e seu grito soou junto com o rasgar de suas calças.

 

Logo uma calcinha vermelha fogo surgiu na visão de Derek, e as chamas da luxúria em seu coração ficaram ainda mais intensos.

 

“Por favor, não! ”

 

Angélica implorou, mas Derek não a escutou, e então de brincadeira, ele cortou a corda, que fez um barulho baixo, mas que Angélica ouviu, enquanto Derek se finge de surdo.

 

Angélica percebeu que Deus não havia há abandonado para cair nas mais desse animal a sua frente, e então com cuidado enquanto Derek olhava sua calcinha, ela soltou suas mãos, e então segurando as cordas em cada mão, ela se jogou para a frente e enrolou a corda no pescoço de Derek.

 

Derek fingiu surpresa e Angélica falou com um olhar de raiva em seu rosto.

 

“Você animal imundo, sofreram nas chamas do inferno por toda a eternidade pelo que acabou de fazer! ”

 

Angélica estava convencida de que iria conseguir matar Derek enforcado até a morte, mas de repente sentiu algo beliscar uma parte muito sensível de seu corpo, fazendo como se um relâmpago tivesse caído em sua cabeça.

 

Angélica então olhou para o rosto de Derek e viu que um sorriso estava estampado em seu rosto.

 

“Você realmente achou que eu não ouvi a corda que eu cortei? ”

 

Ouvindo Derek, Angélica ficou surpresa e um mal presságio encheu seu coração.

 

Derek então usando força em seus braços, levantou Angélica e então a pressionou no chão, e isso fez com que as mãos de Angélica segurando as cordas em seu pescoço, fossem soltas.

 

Derek sorriu e beijou Angélica novamente.

 

Angélica lutou desesperadamente tentando afastá-lo, mas era um esforço inútil.

 

Derek então com uma mão livre, tirou suas próprias calças, e por algum motivo ele não estava usando cueca.

 

Seu irmãozinho estava duro e firme, pronto para o combate.

 

Logo seu irmãozinho estava entre os meios das pernas de Angélica, e sentindo algo quente e duro em suas pernas, Angélica tremeu de medo e rapidamente fechou suas pernas com todas as suas forças.

 

Mas isso apenas trouxe prazer para o irmãozinho de Derek, ao ser pressionado pelas duas coxas lisas e macias de Angélica.

 

E vendo o rosto de prazer de Derek, Angélica sentiu ainda mais medo e desespero, e ela começou a rezar para que um milagre acontecesse.

 

Mas infelizmente para ela, nada disso irá acontecer.

 

Derek logo parou de beijá-la, e com um sorriso no rosto, ele estendeu suas mãos e segurou as duas coxas de Angélica, e então com um pouco de força, ele conseguiu fazer com que suas coxas se abrissem e mostrasse a calcinha vermelha fogo de Angélica.

 

Derek então com um simples movimento, começou a tirar a calcinha calmamente, enquanto tinha um sorriso no rosto.

 

Angélica tentou fechar suas pernas, mas as mãos de Derek eram fortes demais, e ela não conseguia fechá-las.

 

Logo a sua fenda branca, com alguns pelinhos vermelhos claros, estava a mostra para Derek ver.

 

Isso fez ondas de vergonha, nojo e desespero inundar o coração de Angélica.

 

“Por favor! Não faça isso, eu posso fazer qualquer coisa! Apenas não tire minha castidade…!!! ”

 

Angélica tentou implorar, mas antes que pudesse continuar a falar, Derek já havia se empurrado para dentro, perfurando sua fenda nunca antes desbravada.

 

Um gemido agudo de dor saiu da boca de Angélica, e ela agarrou fortemente as costas de Derek enquanto o abraçava.

 

No meio de tanta dor, Angélica não conseguiu se segurar para abraçar fortemente a primeira coisa que estava à sua frente.

 

Ela abraçou tão fortemente, que as unhas de Angélica penetraram na carne de Derek.

 

Derek fez uma expressão de dor também ao sentir sua pele sendo rasgada, e isso fez com que ele de repente recobrar sua mente.

 

‘O que eu estou fazendo? Porque me deixe ser facilmente influenciado por tal beleza? Mesmo quando as modelos mais bonitas do mundo estavam na minha cama, eu não agia dessa maneira! ’

 

Derek se sentiu chocado ao tentar pensar porque estava fazendo isso com ela, sendo que ele tinha ódio, mas não tanto para estuprá-la.

 

Derek que estava prestes a se mover, parou seus movimentos e isso fez com que Angélica relaxasse um pouco, mas ela ainda o estava abraçando fortemente.

 

Ela logo abriu seus olhos, e percebeu um olhar confuso e distante no rosto de Derek, que a deixou bastante surpresa.

 

‘O que está acontecendo? Como pode, eu Gabriel, o Rei dos Bandidos, ser tão facilmente influenciado?! Porque… Será por causa do antigo dono do corpo? ’

 

Derek se perguntou, e de repente ele olhou para baixo, e viu que os olhos de Angélica estavam cheios de fúria em sua direção, assim como medo.

 

Derek mostrou um olhar de pena em seu rosto, mas antes que pudesse perceber, ele sentiu o fogo de luxúria que não era dele, mas do instinto deste corpo, começou a queimar intensamente.

 

Ele sentiu que era insuportável de controlar, e então ele não se importou mais.

 

Logo Derek começou a se mover, e Angélica apertou fortemente seus braços, mas Derek não se importou e começou a se mover.

 

Logo os minutos se passaram, e só depois de 1 hora, Derek parou seus movimentos e tirou de irmãozinho de dentro de Angélica e soltou tudo em seu abdômen.

 

Derek então caiu no chão de sua barraca, e Angélica estava com os olhos fortemente fechados em seu peito, enquanto o braço de Derek a envolvia fortemente.

Comentarios em RDB: Capítulo 03 Volume 1

Categorias