O País Demi-Humano, e a Tentativa de Assassinato do Rei

Depois de vários dias, eu terminei de copiar a pintura de parede das ruínas subterrâneas.
Usando uma magia de atributo nulo útil 「Desenho」 transferi exatamente o que eu vi para o papel, ele foi copiado por magia. Era uma máquina de cópia.
Eu não precisei usar uma caneta e escrever, os caráteres apareceram na superfície, exatamente como faria se fosse uma copiadora. Enquanto olhava para a tela do smartphone, ele foi copiado para o papel.
Essa magia é tão boa para mim como se eu tivesse conseguido uma impressora que pudesse levar lá fora. Eu testei-a imprimindo diversas receitas de bolo, eu levei-as para Aeru que era a que ficou mais feliz. É apenas para os materiais que eu tinha usado “Procurar” para localizar várias vezes. Ele tinha calculado o peso usando a moeda de 100 ienes no meu bolso como a medida de base. Apresse – se e ache mais rapidamente.
Bem, então, devemos ir entregá-lo para a Capital? Eu pensei em chamar todas juntas, mas o humor geralmente cai quando vão ver o Duque, então eu decidi ir sozinho. Em momentos como esses eu sinto a diferença dos nobres. Não havia nobres no meu mundo anterior. Não, estritamente falando, pode ter havido alguns que você conhecia.
Recolhendo os documentos copiados, um “Portão” foi aberto.
Atravessei o portão e acabei na frente da casa do Duque.

「Ah, desculpe-me」

O guarda ficou surpreso com a minha súbita aparição. Na verdade, toda vez que eu venho eles ficam surpresos honestamente. Eu gostaria que eles se acostumassem com isso, dos olhares dele ainda vai ter um tempo.
Huh?
Os portões da frente estão se abrindo, uma carruagem está vindo lá fora? O momento é ruim?

「Touya-dono !? Sou grato! Por favor entre! 」
「 Eh? Espere … Eh !? O que está acontecendo!?”

A porta da carruagem se abriu e saiu, o duque agarrou meu braço e me puxou para a carruagem. O que o que!?

「Bem, eu não imaginei que Touya-dono estaria aqui neste momento …! O próprio Deus provavelmente lhe enviou. Eu estou muito agradecido.」

Em sua animação enquanto me olhava, o Duque levantou as mãos em oração. Eu certamente tinha sido enviado aqui por Deus. Mas eu não acho que ele teria me enviado aqui assim. O que diabos aconteceu?

「O que exatamente aconteceu?」

Perguntei ao duque, que enxugou o suor de suas sobrancelhas e abriu a boca com a voz tensa.

「Meu irmão mais velho foi envenenado」

O que ele disse?
Quando o Duque diz “irmão mais velho” ele quer dizer o Rei … certo? Atentado ao rei, por assim dizer?

「Felizmente, fomos capazes de lidar com isso no início e ele está aguentando. Contudo…」

Apertando ambas as mãos, como se procurasse uma opção nessas mãos, enquanto sua voz tremia. Eles tentaram matar seu irmão mais velho, isso é obviamente algo para se preocupar.

「Você tem alguma ideia sobre o criminoso?」
「…… Há uma pessoa que eu possa pensar. No entanto, não há nenhuma prova. Você se lembra, não é, quando Sue foi atacada? É provavelmente o mesmo autor é o que eu penso.」
「Mas por que o Rei? Você acha que algum outro país tentou o assassiná-lo …?」
「Se fosse assim, seria mais compreensível … 」

Com um único suspiro, o duque ergueu o rosto. Uma expressão desagradável apareceu em seu rosto.

「Nosso Reino Belfast é cercado por 3 países. No oeste é o Rifurisu Koukoku (que significa Império), no leste é a cordilheira Merisha que além é o Regulus Teikoku (também significa Império) e ao sul é o Grande Rio Gau, que fica as bordas do Reino Misumido. Tivemos um longo relacionamento com o Império Rifurisu há muitos anos e temos muitas conexões amigáveis.」

Fumufumu.

「Desde a guerra com o Teikoku a 20 anos atrás, há um pacto de tentativa de não agressão entre nós, honestamente é difícil dizer que estamos nos dando amigavelmente. Não seria estranho, mesmo que invadam de novo. E há o Reino Misumido, ao sul, agora que é um enigma.」
「Enigma?」
「No meio da guerra contra o Teikoku há 20 anos, uma nação recém-fundada surgiu. Fizemos uma aliança com esse novo país eo império foi contido e tentamos criar um novo comércio com eles. No entanto, há nobres que se opõem a isso.」
「Por que isso?」

Se não soubesse quando o Teikoku ia invadir, então não seria prudente simplesmente ter mais aliados?

「Misumido é um país de seres demi-humanos. Muitos demi-humanos vivem juntos, os demi-humanos governam o país. Essas são razões que os antigos nobres não gostam.」
「… O que é isso?」

Porque você não gosta de algo, faz com que seja ok para obstruir os melhores interesses da nação? Além disso, os demi-humanos não são pessoas más. Alguns deles podem não estar dispostos a ouvir, mas dar-lhes 100 passos vai torná-los mais fáceis de entender. Demi-humanos entendem corretamente as coisas, eu conheci Alma que era uma criança muito boa.
「Uma vez que os demi-humanos foram tratados mais baixos que os animais, eram objetos de desprezo. Eles eram considerados como uma vil raça bárbara. Entretanto, quando a era de nosso pai veio, as leis a respeito do reconhecimento foram decretadas. Essas maneiras gradualmente ficaram fora de uso. Na verdade, existem seres demi-humanos que estão andando normalmente em torno do castelo, de pé, sem qualquer tipo de discriminação. Mas, ainda existem aqueles de volta com pensamentos de nobres antigos que se recusam a admitir que ainda estão por aí. 」
「Discriminação é?」
「É isso mesmo. Por que deveríamos aliar-nos com um país imundo e sem graça? Não deveríamos, em vez disso, conquistá-los e transformá-los em um estado vassalo? Irmão mais velho não pode fazer nada além de os obstruir.」

Entendo. Assim os velhos nobres estão puxando as cordas dessa vez. Mas isso é realmente necessário para ir tão longe?
Aqueles eram sentimentos que eu tive. Ter seu próprio Rei morto. A morte do rei não lhe causaria mais problemas?

「Se meu irmão mais velho morrer, o trono se moverá para a Princesa Yumina, que é sua única filha. Talvez, esse nobre quer que seu próprio filho se case com a princesa, e se aproxime da família como um noivo. Com isso em mente eles tentaram sequestrar Sue, então usando isso como material de chantagem, a pessoa que eles estavam tentando chegar não era eu, mas provavelmente meu irmão mais velho.」

Se você valoriza a vida de sua sobrinha, não lide com Misumido. É a princesa de um país, a guarda é provavelmente muito grave. Portanto, eles tiveram como alvo Sue em vez disso. Em seguida, eles tentam empurrar sua sorte e ter seu filho sendo noivo dela em seu lugar. Mas que culpa eles devem sentir.
Se eles foram expostos, mesmo por engano, então é uma viagem de ida para o carrasco. O drama histórico da cabeça de algum vilão suspensa aparece em minha mente de alguma forma.

「E? O que exatamente eu devo fazer?」
「Eu desejo para você para curar o meu irmão. Usando a mesma magia que você fez com Ellen.」

A magia de recuperação de estado anormal “Recuperação.” huh? Certamente, os venenos e outras aflições podem ser removidas. O duque me convidou com isso em mente? Eu concordei.
Ao fazê-lo, a carruagem do Duque atravessou a ponte levadiça e finalmente chegou ao castelo do rei.
Fui apressadamente trazido para o castelo pelo duque, o tapete vermelho estava espalhado e todas as portas se abriram para nos encontrar. As escadas se expandiram para baixo em uma suave curva à direita e à esquerda. No meio havia um lindo lustre que brilhou estrelas brilhando eo mesmo brilho podia ser visto no teto. É essa luz de Pedras Demoníacas?
Corri as longas escadas com o duque e encontramos um homem sozinho como nós estávamos passando um ao outro.

「Bem, bem, não é a Sua Alteza o Duque, Tem sido um tempo desde que nos falamos.」 (Nós nos encontramos novamente)
「…… Conde Balsa …!」

O duque com um olhar de relance olhou para o conde que estava bem na nossa frente. O homem tinha um pescoço fino, roupas chamativas e estava ligeiramente acima do peso. Ele parecia um sapo. Um amplo sorriso se espalhou pelo seu rosto e olhou para nós.

「Por favor tenha certeza. O que ameaçava a vida de Sua Majestade já foi capturado.」
「O que você disse?」
「Foi o embaixador do Reino Misumido. Era o vinho que o rei bebeu. O vinho era o que o embaixador do Reino Misumido tinha apresentado.」
「Isso é um absurdo ……」

O Duque ficou surpreso com esse fato, e mostrou em seu rosto que não acreditava. Se isso fosse verdade, ambos os países seriam forçados a abandonar suas relações. Não ter guerras estaria fora de questão.
Mas, algo não está certo. É muito conveniente.

「O embaixador está sendo contido em outro quarto. Esse demi-humano fez algo ultrajante. Enviaremos a Misumido de volta sua cabeça …… 」
「Isso não vai acontecer! Tudo é o irmão mais velho que vai decidir! Nós vamos ter a estadia do embaixador naquele quarto por um tempo somente!」
「É assim? Para o demi-humano receber um voto de confiança tão indigno …. Assim será. No entanto, se algo acontecer a Sua Majestade, os outros nobres não serão capazes de deter o público você sabe? Eles provavelmente exigirão a mesma coisa.」

Conde Balsa expressou um sorriso repulsivo. É esse cara? O velho nobre que discrimina contra os demi-humanos e se opõe às políticas do rei? Não, ele poderia ser o único que envenenou o Rei também ……
Com um olhar para o Duque que estava olhando para esse sapo, a dedução não estava enganada parece. Esse bastardo é o criminoso.

「Bem, então com isso. Parece que vou ficar ocupado por aqui depois disso.」

O sapo tinha dito e estava começando a descer o longo lance de escadas. Vai ficar ocupado? Porque o rei morre? O sapo despediu-se do duque com a mão, enquanto as mãos do Duque tremiam quando as segurou. Está bem, é hora de um pequeno castigo para o cara ruim.

「Deslize」

O sapo escorregou um passo e caiu fortemente pelas escadas. Ele não parou até chegar ao fundo. Ele foi então jogado no chão.

「Gukya!」

Em pouco tempo o sapo calmamente se levantou, cambaleou e começou a andar. As empregadas e os guardas cavaleiros estavam tremendo tentando segurar suas risadas.
Che. Ele não morreu. O duque que tinha ouvido minha língua estalar perguntou.

「Você?」

Eu, que fiquei em silêncio, ergui meu polegar e respondi com um sorriso.
O Duque deu uma expressão de espanto e retribuiu um sorriso semelhante depois disso.

Comentários