iLivro

Um Pedido

Na frente de uma lápide, uma garota de vestido branco ficou parada ali com um olhar vago.

“…Eu sinto muito. Eu não sei muito bem…”

No final do silêncio, a garota abriu a boca.
Por boa vontade de alguém, a lápide foi colocada em um local muito bonito e, no túmulo, a primavera, cuja temporada estava prestes a chegar ao fim, estava enviando uma suave brisa misturada com pétalas de flores como presente de despedida.

“… por que acabou assim.”

Encarando o vento misturado com pétalas de flores, a garota continuou.
Na lápide que a garota estava olhando, havia palavras escritas em uma linguagem suja criticando e culpando-a.
Parecia que alguém definitivamente veio antes dela chegar.

“Eu…”

Estava perguntando por que ela não podia protegê-la e porque ela era a única que sobreviveu. A garota confundiu o final de sua frase enquanto olhava para a lápide com perguntas criticando-a escritas nela.

“Eu…”

Na frente de uma pessoa morta, ela não sabia o que dizer como desculpa.

“… Por que não vamos logo?”

Quando a garota ficou ali sem poder continuar suas palavras, o sacerdote, que estava esperando atrás dela, disse para a garota. Era porque havia pessoas esperando por ela.

“Tudo bem.”

A garota assentiu enquanto olhava para trás e deu um passo à frente e inclinou o corpo para baixo. Era para abaixar o buquê de flores que ela estava segurando com as duas mãos.

“Beta…”

Entre as duas mãos que cuidadosamente colocavam o buquê de flores, uma mão tinha apenas três dedos.

“… Eu vou indo agora.”

A garota que colocou o buquê de flores, Nainiae, ergueu o braço em direção à lápide. Era para limpar as palavras na lápide, não, a sujeira usada para escrevê-las na lápide.

“Logo, eu vou estar vendo você de novo, então…”

O novo vestido branco que ela recebeu tornou-se sujo da sujeira da Solia Inferior, mas Nainiae não se importou.

“Quando essa hora chegar, para mim, você…”

Nainiae, que apenas limpou a lápide com grande cuidado e virou o corpo com as mãos nas costas, estava carregando tristeza e amargura em seu rosto.

***

“Ugh, pensar que algo assim aconteceria na Solia Inferior de todos os lugares.”
“É o que estou dizendo. Porque esses sem-teto têm lábios pesados, parece que não será fácil perguntar algo.”

Ontem à noite, na Solia Inferior, Astroa, o grande mago, morreu. Esse não foi um problema comum.

“E hoje é a final do Torneio de Esgrima do Rei, ugh…”

Nessa atmosfera séria, no meio da reunião de discussão, quando alguém suspirou e murmurou, outro bateu a mesa redonda,

Baam!

E isso fez com que a polida mesa redonda saltasse ligeiramente do impacto.

“O torneio de esgrima do rei é importante em um momento como esse?! ”
“O pilar da Torre Mágica está morto!  Não só isso, narcóticos foram descobertos!  O que devemos dizer ao outro lado?  Um mago lunático estava escondendo narcóticos e foi descoberto?  Ha!  Claro que eles vão acreditar nisso, certo?”

Hoje de manhã, alguns dos guardas reais do Castelo de Solia e algumas pessoas do Templo Sagrado vieram para a Torre Mágica.
Conforme relatado por uma certa “garota” no porão da Torre Mágica, não apenas o laboratório oculto, mas também a enorme quantidade de narcóticos foram descobertos.
Tinha literalmente ido de mal a pior.

“Felizmente, alguns dos membros da Torre Mágica admitiram de bom grado sobre eles. Se houvesse outro lunático como Astroa na Torre Mágica… Ugh …

Os poucos magos que sabiam das atrocidades de Astroa reconheceram seus crimes de bom grado. Além disso, pelo crime de manter silêncio por todo esse tempo, eles disseram que aceitariam a punição como uma penalidade bem merecida.
Alguns dos magos estavam sendo mantidos no Castelo de Solia.

“Mesmo que tenha acontecido agora, foi uma sorte que finalmente foi exposto.”
“Vamos ver e organizar tudo isso devagar. Primeiro, por que não falamos sobre o líder da Torre Mágica?  Astroa está morto. Isso significa que o assento para o líder da Torre Mágica está vazio agora.”
“Hmm.”
“Tenho certeza de que todos vocês sabem o motivo, mas esse assento não deve estar vazio. Quem matou Astroa mesmo?  Pelo que ouvi, era uma maga?”
“Sim, aquela maga o matou. Era uma bruxa das trevas. ”
“Uma bruxa das trevas… ”

Foi por um único golpe.
Quando os guardas reais de Solia e as pessoas do templo estavam em situação desesperada na batalha, Nainiae, a bruxa das trevas que era um produto descartado da Torre Mágica, disparou a magia que ela preparou e conseguiu derrotar Astroa.
Todos que estavam no local da batalha disseram a mesma coisa. Eles conversaram sobre um violento som de explosão, alto o suficiente para rasgar os tímpanos, e também o feixe de luz da trajetória da luz negra. Eles estavam todos explicando que Nainiae derrotou Astroa.
Não importava quem olhasse, parecia ser o caso, então não podia ser contado de uma maneira diferente.

“Nesse caso, aquela … bruxa das trevas … Deveríamos assumir que ela estaria assumindo o papel de líder na Torre Mágica? ”

Por lei, o líder da Torre Mágica foi decidido pelas pessoas na torre.
Era possível que os outros propusessem suas opiniões, mas não podiam simplesmente exigir que as pessoas da Torre Mágica elegessem uma pessoa específica. Não importava quem o propusesse, mesmo que fossem nobres ou os associados do rei se reunissem na reunião no momento.
Portanto, eles só podiam especular.

“Provavelmente, esse seria o caso, certo? ”
“Pelo que ouvi, foi também ela que foi ao Templo Sagrado e relatou os narcóticos e experimentos com humanos.”
“Independentemente disso, suas façanhas são louváveis. Ela teve a coragem de relatar os segredos sujos da Torre Mágica. O Castelo de Solia já estava pensando em dar-lhe recompensas.”
“Nesse caso, parece que é uma coisa certa agora.”
“… Não é esse o caso. ”

Quando todos estavam pensando que a bruxa das trevas se tornaria a líder da Torre Mágica, alguém na sala de reuniões balançou a cabeça e continuou:

“Ela provavelmente não será capaz de se tornar a líder da Torre Mágica.”
”Por quê?  Suas façanhas são merecedoras de tal título, então por quê?”

Ao ouvirem a opinião negativa, todos viraram a cabeça. E alguém começou a explicar,

“Há muitas razões, mas a primeira é a aparência dela.”
“A aparência dela?”
“Como seu apelido de ‘bruxa’, por causa de experimentos na Torre Mágica, um lado do rosto dela está em uma condição horrível. Sua aparência não é boa para alguém que estaria representando a Torre Mágica. ”
“Hm …”
“A segunda razão é a idade dela. Ela tem atualmente 17 anos. Mesmo que tenhamos fornecido a ela um ajudante, é questionável se ela seria capaz de desempenhar adequadamente seu papel de líder.”

Todos na reunião de discussão ou roçaram o queixo ou coçaram a cabeça.
Certamente, se ela é uma garota de 17 anos, pedir para ela ser a líder da Torre Mágica estaria pedindo demais.
Priesia, a sacerdotisa do Templo Sagrado de Solia, também foi estimada em cerca de 17 anos de idade, semelhante à bruxa das trevas, mas o Templo Sagrado era completamente diferente da Torre Mágica.
Se eles comparassem Priesia e a bruxa das trevas, os ambientes em que cresceram, também eram diferentes, de modo que esse também era outro fator que não podia ser negado na consideração.

“O terceiro fator é sua magia. Talvez seja devido aos experimentos, mas ouvi dizer que toda a magia que ela lançou tinha um tom escuro para ela.”
“Magia de cor escura. Isso é intrigante … mas por que isso é um problema? ”
“Sim. Por acaso, vocês já ouviram falar sobre o “mago negro” que recentemente se tornou o maior problema em Rainfield, nosso país vizinho?”
“Por acaso…”
“Sim. Algumas pessoas estavam a confundindo. Eles estavam pensando que ela poderia ser o mago negro de Rainfield que tem uma recompensa.”
“Hm. Qual é a probabilidade dela ser o mago negro de Rainfield?”
“Felizmente, não há nenhuma. No entanto… o problema é que as pessoas poderiam confundi-la com o mago negro.”
“Hum. Acho que entendo qual é a sua preocupação.”

Sendo confundida com o mago negro. Esse não era o tipo de problema que terminaria com uma declaração simples como “se ela não é o mago negro, tudo bem.”

“A quarta razão é…”
“Há outra? ”
“Sim.”

As pessoas ao redor da mesa perguntaram como se estivessem cansadas de ouvir mais.
O mago que estava dando as razões assentiu.
Esta razão foi a mais importante e a última razão pela qual ela não pôde se tornar a líder da Torre Mágica.

***

“… Me desculpe, Nainiae.”

Foi no Templo Sagrado de Solia.
No melhor quarto de hóspedes que eles tinham, Priesia estava sentada na frente de Nainiae. Priesia apertou ainda mais a xícara de chá.

“Eu fiz o melhor que pude, mas …”

Observando Priesia franzindo o rosto, Nainiae franziu os lábios ao pensar que não era merecedora de tal afirmação de Priesia.
Sua aparência e roupas sujas da sua vida na Solia Inferior foram limpas. No entanto, os ferimentos dos experimentos da Torre Mágica ou da mão direita, que só tinham três dedos, ainda eram os mesmos.

“Pode-se dizer que demorou demais. Isso o que eu estou dizendo é…”
“Você não pode me curar, é o que você está tentando dizer, certo? ”
“…”

Em vez não ver isso, Nainiae perguntou diretamente e tirou isso do peito.
No entanto, isso pesava na mente de Priesia.

“…Sim.”

Depois de uma longa hesitação, Priesia finalmente respondeu.
Por causa de sua culpa pelo fato de não poder curar os ferimentos de Nainiae, porque se sentia impotente por não poder dar nada em troca a uma benfeitora que criou coragem e veio ao Templo Sagrado, Priesia estava se questionando como sacerdotisa. Seus ombros estavam completamente caídos.

“Está tudo bem. Eu estava pronta para isso.”
“Eu não sei como expressar o quanto estou arrependida, e também, como somos gratos… Graças a você, fomos capazes de parar Astroa. Agradecendo-lhe várias vezes não seria o suficiente.”
“Não. Está tudo bem. Eu realmente não fiz muito.”

Tudo o que Priesia podia fazer no momento era falar.
Ela não podia olhar para Nainiae em culpa. Priesia baixou a cabeça e mordeu seu lábio.
Nainiae estava mexendo em seu novo vestido branco porque se sentia estranha usando-o. Nainiae disse:

“Desculpe, Sacerdotisa Priesia.”
“Sim? ”

Priesia respondeu. Parecia que ela sabia o que Nainiae ia perguntar. Priesia estava se esforçando para não deixar seu próprio rosto murchar pela impotência.

“Nesse caso, minha doença… Não…”
“…”

Nainiae estava prestes a fazer uma pergunta, mas ela balançou a cabeça e mudou.

“Quanto tempo você acha que eu vou ser capaz de viver? ”
“Isso é…”

Embora Priesia soubesse que a pergunta estava chegando, seu rosto ainda desmoronou.

“Eu não posso curar completamente sua doença. É por isso … Isso é… eu posso estender sua vida, mas…”

A saia que Priesia pegou começou a tremer. Para sua benfeitora, mais ainda, para uma amiga de sua idade que Priesia fez pela primeira vez em sua vida, Priesia sentiu que não bastava dizer que se sentia tola por continuar a falar apenas para dar desculpas.

“… Me desculpe.”
“Está tudo bem. Eu tive meu coração preparado para isso.”

Como ela fez antes, Nainiae respondeu novamente com coragem.
Tendo ouvido sua voz corajosa, Priesia decidiu não mostrar a Naniae o lado tolo de si mesma. Priesia, com as lágrimas penduradas nos cantos dos olhos como orvalhos, levantou a cabeça e olhou Nainiae.

“Eu vou te dizer.”
“Sim, por favor, me diga.”
“Pode ser tão curto quanto até o verão, ou pode durar até o inverno. No entanto… eu acredito que provavelmente durará até o outono.”
“Outono…”

Nainiae murmurou a estação com um olhar vago.

“Até o outono … é muito longo.”

“Sacerdotisa, obrigado.”

Por causa da bondade da sacerdotisa, Nainiae agora tinha um novo vestido branco, e sua vida foi estendida para o outono que ela acreditava que poderia ser qualquer dia agora. Para ela, para dizer a verdade, ela sentiu que era o suficiente. Na verdade, ela estava pensando que tudo isso era mais do que generoso. É assim que ela estava pensando.
É por isso que Nainiae fez uma reverência e expressou sua gratidão a Priesia.

“Nainiae … Por favor, não se sinta grata a mim.”

Tendo ouvido as palavras de Nainiae expressando gratidão, Priesia balançou a cabeça com um olhar no rosto que dizia que ela não merecia.

“Se você me agradecer quando eu não tiver feito nada por você, eu não saberia como responder a isso.”
“Senhorita Priesia…”
“Se houver algum favor ou pedido que você gostaria de pedir ao Templo Sagrado, por favor diga me.”

De repente, Priesia levantou-se da cadeira e inclinou o rosto para o rosto de Nainiae.
Ela tinha o rosto horripilante de Nainiae bem na frente do seu nariz, mas Priesia não estava fechando seus olhos.

“Um pedido?”

Pelo contrário, Nainiae estava se sentindo para baixo e oprimida pela beleza angelical de Priesia. Sua beleza se comparada a uma sacerdotisa era incomparável para Nainiae. Nainiae se apoiou no encosto da cadeira e se encolheu de ombros.

“Se é algo que o Templo Sagrado é capaz de lidar, faremos qualquer coisa por você. Eu posso não parecer com uma, mas sou realmente uma sacerdotisa.”

Tendo ouvido Priesia dizendo que aceitaria qualquer pedido, Nainiae, que ainda estava sentada lá com um olhar vazio, perguntou cuidadosamente:

“Qualquer coisa?”
“Sim, qualquer coisa.”

Depois de ver Priesia balançando a cabeça, Nainiae pensou em algo com muito cuidado e, depois de um longo silêncio, abriu a boca.

“Nesse caso, você pode fazer todas essas ‘façanhas’ como se nunca tivessem acontecido? ”
“… Oque? ”
“Sobre expor os narcóticos e os experimentos humanos no laboratório, e também derrotar Astroa, eu estou falando sobre aqueles façanhas.”
“…? ”

Um ponto de interrogação flutuou no rosto de Priesia sozinho.
Imaginando se ela não ouviu Nainiae corretamente, Priesia inclinou a cabeça para o lado e perguntou:

“Você quer que suas façanhas sejam anuladas como se você nunca tivesse feito nada? ”
“Sim.”

Nainiae assentiu sem hesitar e continuou:

“Como eu disse muitas vezes, eu não fiz muito.”
“Mas…”
“Aquele que deveria ser louvado e prestado atenção não sou eu… mas outra pessoa. Se houver alguém que deva ser reconhecido por essas façanhas, é essa pessoa.”
“…”
“Se você deseja conceder meu desejo, então, por favor, conceda o desejo dessa pessoa. Esse é o meu pedido, meu desejo.”
“Quem é essa pessoa? ”
“Ele é…”

Comentarios em TLS: Capítulo 50

Categorias