Financiamento Especialmente Organizado

 

Finalmente, o amanhecer chegou.

Nós tínhamos acabado de tomar o café da manhã e estávamos esperando pela convocação do rei. Fazia sentido eles nos darem um pouco de tempo livre durante a manhã. Ninguém gosta de ser arrancado da cama. Finalmente, quando o sol já estava bem alto no céu, por volta das dez horas da manhã, o rei nos chamou. Mal podíamos nos conter, então corremos para a câmara de audiências, nossos corações praticamente dançando no peito.

“Os Heróis entraram.”

As portas para a câmara de audiência se abriram para revelar doze estranhos, todos usando vestimentas que sugeriam que eles também participariam de aventuras.

Havia cavaleiros entre eles.

O rei certamente sabia como demonstrar seu apoio.

Nós quatro nos curvamos ao rei, logo em seguida nos estabelecendo, aguardando por sua proposta.

“Como havíamos discutido ontem, eu clamei por outros para auxiliar vocês em suas jornadas. Aparentemente, meu chamado não passou despercebido.”

Se a cada um de nós fosse providenciado três assistentes, nossas chances de sobreviver aumentariam drasticamente.

“Agora, aventureiros aqui reunidos, por favor, escolham o Herói Lendário com quem vocês desejam viajar.”

Espere, então seriam ELES a escolher?

Isso veio como um choque para todos nós. Apesar de que, quando eu penso nisso, faz sentido. Nós quatro viemos de outro mundo, então o que sabíamos sobre nossa jornada? Era melhor deixar os aventureiros mais experientes tomar as decisões.

Nós quatro ficamos lado a lado.

Os aventureiros reunidos se embaralharam em nossa direção, e formaram pequenos amontoados a frente do herói escolhido.

Cinco pessoas ficaram em frente ao Ren.

Quatro pessoas ficaram em frente ao Motoyasu.

Três pessoas ficaram em frente ao Itsuki.

E diante de mim? Exato – Zero.

“Mas senhor! ” Eu apelei ao rei. Como podia ser? Isso era tão injusto.

O rei estava sem paciência para meus protestos. Ele apenas disse, “Eu não antecipei que algo do tipo ocorreria.”

“Ele não é muito popular, não é? ” O ministro suspirou, como se não houvesse nada a ser feito. O rei parecia, no mínimo, desinteressado.

Os homens em vestes sussurraram algo para o rei, e todos eles pareceram rir. Mas por quê?

“Então existem rumores? ”

“O que foi? ” Perguntou Motoyasu. Ele estava com uma expressão estranha.

A situação toda era tão injusta. Eu simplesmente não conseguia entender. Era como estar de volta na escola primária, quando nos dividíamos em equipes. Acho que foi o último que sobrou? Como podiam fazer isso comigo, aqui, em um mundo completamente novo?

“Parece que as pessoas tem comentado pelo castelo. Estão dizendo que dentre os quatro Heróis, o Herói do Escudo é o que menos entende de nosso mundo.”

“O que?! ”

“As lendas dizem que os Quatro Heróis invocados teriam um entendimento sobre nossa terra. As pessoas estão se perguntando se você realmente será capaz de preencher os requisitos propostos pelas lendas.”

Motoyasu me cutucou com o cotovelo.

“Acredito que alguém deve ter nos espionado noite passada.”

Ele estava falando da nossa conversa sobre jogos. Eles estavam me deixando sozinho por que eu não tinha ouvido de um jogo?! Além do mais, que tipo de lenda era essa? Eu podia não saber muito sobre o reino deles, mas eu ainda era o Herói do Escudo! Por alguma razão…

De acordo com os outros, eu estava preso com a classe mais inútil… Mas isso não era um jogo!

“Ren! Não tem como você usar cinco pessoas! Vamos dividir! ”

Os aventureiros parados ao redor de Ren (até mesmo os homens) subitamente comprimiram-se atrás dele, tremendo. Estavam agindo como ovelhinhas aterrorizadas.

Ren pareceu irritado e coçou a cabeça, perplexo. Então disse “Eu sou meio lobo solitário, pra falar a verdade. Então, se não conseguirem fazer o trabalho, vou deixar vocês para trás.”

Ele disse de forma relativamente bruta,   mas nenhuma das pessoas atrás dele mostrou sequer um sinal de movimento.

“Motoyasu! O que você acha? Não é horrível?! ”

“Bem…”

A propósito, eu gostaria de destacar que em meio ao grupo de aventureiras do Motoyasu não havia nem mesmo um único homem. Parecia que ele estava montando um bordel ou algo do tipo.

“Eu não quero ser tendencioso….  mas  ahn….”

Itsuki estava confuso, mas parecia querer dizer que ele não podia exatamente recusar ajuda oferecida a ele.

Todas as aventureiras reunidas ao redor do Motoyasu eram mulheres. Acho que ele realmente tinha jeito com elas. Era quase como uma atração involuntária.

“Suponho que seria justo dividi-los igualmente, com cada um de nós ficando com três. Mas mesmo assim, não seria cavalheiresco nega-los depois que eles já tomaram uma decisão.” O que Itsuki disse soou bem justo, e todos na sala assentiram.

“Você quer dizer que eu deveria ir sozinho? ”

Eu estava preso com um escudo! ELES tinham dito que era a pior classe! Se eu não tiver uma equipe para viajar comigo, como supostamente eu deveria ficar mais forte?

“Senhor, se for de seu agrado,   eu poderia servir o Herói do Escudo.” Uma das mulheres com Motoyasu levantou a mão para se voluntariar.

“Hm. Você tem certeza? ”

“Sim.”

Ela era fofa, e seus cabelos vermelhos desciam até a altura dos ombros.

Seu rosto era bonito também. Ela era relativamente alta, apenas um pouco mais baixa que eu.

“Há mais alguém que gostaria de se voluntariar a servir o Sr. Naofumi? ”

…Ninguém mexeu sequer um musculo. O rei suspirou profundamente.

“Suponho que não tem outro jeito mesmo. Sr. Naofumi, você terá que recrutar por conta própria outros para acompanha-lo ao longo de suas viagens. A cada mês, vou lhes fornecer os fundos necessários para suas jornadas, porém para compensar os eventos de hoje, o pagamento de Naofumi será um pouco mais alto que o dos outros.”

“S… Sim, senhor! ”

Parecia uma decisão razoável.

Se ninguém ali queria me ajudar voluntariamente, eu só precisava achar no resto do reino alguém que quisesse.

“Agora, Heróis, eu preparei estes fundos para vocês. Por favor, aceitem-nos.”

Os subordinados colocaram envelopes na frente de cada um de nós.

Eu conseguia ouvir algo pesado e metálico chacoalhando dentro do pacote. Uma espiada dentro me revelou uma bolsa razoavelmente grande cheia de dinheiro.

“Eu separei oitocentas peças de prata para o Sr. Naofumi, e seiscentas peças para o resto de vocês. Por favor, usem estes fundos e comecem suas jornadas.”

“Sim senhor! ” Respondemos em uníssono.

Cada um de nós realizou uma obrigatória reverência de agradecimento antes de sair da câmara de audiências.

Uma vez que estávamos fora da câmara, realizamos nossas apresentações.

“Ãn, então, é um prazer lhe conhecer Sr. Herói do Escudo. Meu nome é Myne Suphia.”

 

“Prazer.”

Ela não parecia ser muito tímida, e falava sem parar. Com todos esses acontecimentos, acredito que eu tenha me esquecido de mencionar que ela era a garota que tinha concordado em vir comigo.

Eu acredito no conceito de cuidar de seus amigos. Especialmente considerando que, segundo todos que eu conheci até agora, eu já tinha começado com uma onda de azar. Além do mais, Myne era uma garota, e eu era o ‘Herói do Escudo’. Seria o meu dever proteger ela.

“Muito bem, é melhor irmos, não é? Srta. Myne.”

Ela sorriu e assentiu antes de me seguir para fora da sala.

Havia uma ponte levadiça pendurada entre o castelo e a cidade. Após atravessa-la, eu tive minha primeira visão total da cidade.

É claro, eu tive um pequeno vislumbre dela noite passada na janela, mas agora, parado no meio de tudo isso, eu comecei a realmente me sentir em outro mundo.

As ruas montadas com pedras arredondadas eram alinhadas á edifícios também feitos de pedra, muitos dos quais eram decorados com placas de madeira. Haviam cheiros deliciosos soprando de diversas direções.

“O que deveríamos fazer? ”

“Acho que o mais inteligente seria tentar conseguir alguns equipamentos e uma armadura melhor.”

“Boa ideia. Com todo o dinheiro que o rei nos deu provavelmente conseguiremos alguns equipamentos de boa qualidade.”

O único equipamento que eu tinha era um escudo, então encontrar uma arma era de importância primordial. Sem uma arma eu não teria a menor chance contra qualquer monstro. Eu também me tornaria um problema para meus companheiros. De qualquer forma, os outros heróis tinham armas que melhorariam junto com eles. Se eu não me apressasse, eles me ultrapassariam em um instante.

E também, levando em conta tudo que o povo desse mundo passou para me trazer para cá, não parecia certo negligenciar meus deveres. Além do mais, mesmo que eu estivesse preso com uma classe fraca, Myne ainda estava na minha equipe. Eu precisava fazer o meu melhor, pelo bem dela.

“Bom, eu conheço uma loja boa se você estiver pronto”

“Eu estou.”

“Ótimo.”

Armas são importantes, mas tudo o que você realmente precisa são amigos. Myne me guiou por uma rua até uma loja de armas que ela conhecia. Ela andava com pequenos pulos.

Já tínhamos andado para longe do castelo por um bom tempo quando Myne finalmente diminui a velocidade de seus passos e parou diante de uma loja. Havia uma enorme placa no formato de uma espada pendurada acima da porta de madeira.

“Essa era a loja da qual eu estava falando.”

“Uau.”

Eu consegui ver um pouco do interior da loja pela porta entreaberta. Havia armas de todos os tipos penduradas nas paredes de pedra. Era exatamente o que você poderia imaginar ao pensar nas palavras ‘Loja de Armas’. Parecia que eles também tinham algumas armaduras e outros bens para aventureiros.

“Bem vindos.” O dono disse amigavelmente. O dono também era exatamente o tipo de cara que você imaginária em uma ‘Loja de Armas’. Ele estava inclinado sobre uma mesa, e a cena toda parecia uma pintura. Eu fiquei aliviado, pois temia que o dono fosse o tipo de cara gordo e atarracado. Eu realmente estava em um mundo completamente novo…

“Então isso é uma loja de armas…”

“Vejo que essa é a sua primeira vez em uma. Você com certeza escolheu bem.”

“Na verdade, minha colega aqui me falou sobre a sua loja.” Eu apontei para Myne, e ela respondeu levantando a mão e acenando.

“Ah, muito obrigado… Senhorita… Ei, já não nos encontramos antes? ”

“Eu já estive aqui antes, senhor. E também, sua loja é muito bem conhecida pelas redondezas.”

“Isso é muito gentil de sua parte. A propósito, se é que posso perguntar, quem é esse seu amigo estranhamente vestido? ”

Acho que faz sentido. Nesse outro mundo, eles iam achar as minhas roupas estranhas. Eu provavelmente parecia algum viajante rústico andando pela cidade, ou talvez algum maluco.

“Acho que você já sabe a resposta para isso, senhor.”

“Quer dizer que… Você é um dos… Dos Heróis? Uau! ”

O homem começou a me examinar mais cuidadosamente.

“Ele não parece tão forte.”

Eu não conseguia acreditar em meus ouvidos!

“Essa é uma forma honesta demais de dizer o que pensa! ”

Mas o velho homem estava certo. Eu não parecia alguém que poderia ajudar sequer uma pessoa. É por isso que eu precisava ficar mais forte.

“Escute aqui, Garoto Herói. Se você não arranjar alguns equipamentos decentes, os outros aventureiros vão varrer o chão com você.”

“Verdade…”

Eu meio que gostei do cara. Parecia honesto.

“Parece que você é o azarão? ”

Senti meu rosto contrair ao me lembrar disso. Como a fofoca se espalhou tão rápido? Tanto faz. Eu não devia desistir antes mesmo de começar.

“Eu sou o Herói do Escudo, Iwatani Naofumi. As coisas vão ficar difíceis daqui em diante, então eu vim para ajudar seu povo.” Era uma forma bem agressiva de se apresentar, mas eu estava tentando me convencer também.

“Sr. Naofumi, não é?… Bem, espero que você se torne um cliente regular daqui. Vamos ver o que podemos fazer por você! ”

Ele era realmente amigável.

Myne deu um passo a frente e falou. “Ei, senhor, você não tem algum equipamento de qualidade para o meu amigo aqui? ”

“Com certeza eu tenho, mas como está o seu orçamento? ”

“Bem…”

Myne estava me olhando enquanto fazia algum tipo de cálculo.

“Provavelmente podemos gastar cerca de 250 peças.”

Nós tínhamos apenas 800, e já íamos gastar 250 em equipamentos. Ia sobrar o bastante para as hospedarias, alimentação e para a convocação de novos membros para a equipe?

“Isso tudo, hein. Então, vocês deveriam começar olhando por aqui.” Disse o dono, enquanto ele andava pela loja e tirava varias armas de seus lugares na parede.

“Diga-me garoto, você tem algum tipo favorito de arma? ”

“Ainda não.”

“Então minha recomendação seria uma espada leve o bastante para iniciantes.” Ele colou algumas espadas no balcão. “Todas essas são revestidas com ‘Imaculado por Sangue’, então elas são bem fáceis de manejar.”

“ ‘Imaculado por Sangue’? ”

“Sangue coagulado tem o poder de corroer as bordas de uma lâmina, tornando a manutenção mais difícil. Espadas ‘Imaculadas por Sangue’ não tem esse problema.”

“Uau…”

Eu estava surpreso mas, parando pra pensar, eu percebi que até mesmo em meu próprio mundo as pessoas falavam sobre como facas podiam ficar cegas após cortar muita carne. Suponho que ele esteja me dizendo que essas espadas vão ficar afiadas por muito mais tempo. Encarei as espadas por um curto período de tempo. A qualidade delas era muito mais alta do que qualquer réplica que eu tenha visto antes. Elas eram verdadeiras armas.

“Essas são feitas de, nesta ordem,: Ferro, Ferro Mágico, Aço Mágico e Ferro Prateado. De uma para outra há um aumento no preço, mas o aumento na qualidade também é estrondoso.”

Elas eram endurecidas em graus diferentes dependendo do metal utilizado em sua produção? Todas aparentavam ser de ferro.

“Existem armas de maior qualidade, mas com 250 peças isso é tudo o que você pode escolher.”

Eu já tinha ouvido coisas desse tipo antes. Era igual a um jogo, a forma com que a primeira cidade sempre tem armas muito boas disponíveis. No entanto, essa loja parecia ter uma variedade ainda maior. Isso fazia com que parecesse mais um jogo online. Porém, isso não era um jogo. No mundo real, em qualquer mundo, as lojas de armas da capital sempre faziam questão de ter os melhores materiais disponíveis, não é?

“Uma espada de ferro… Hmm…”

Eu peguei uma das espadas na mão e percebi como era pesada. O escudo que eu carregava era tão leve que eu quase nem o percebia, mas estas armas tinham um peso bem mais significativo. Eu teria que usá-las para enfrentar qualquer monstro que encontrássemos…

“Woah! ”

Subitamente, como se tivesse recebido um choque elétrico, a espada de ferro que eu estava segurando voou de minha mão.

“Huh? ”

O dono da loja e a Myne estavam olhando de mim para a espada no chão. Eu tentei pegar a espada novamente, imaginando que eu devia tê-la derrubado. Ela ficou na minha mão como se nada de estranho tivesse acontecido. O que tinha sido isso?

Eu estava me perguntando quando a dor disparou novamente pelo meu braço.

“Ai! ”

O que estava acontecendo? Eu olhei para o dono imaginando que ele deve ter feito alguma coisa com a espada, mas ele apenas balançou a cabeça. Eu não imaginei que a Myne iria querer interferir, mas olhei para ela ainda assim.

“Parece que ela voou para longe da sua mão.”

Mas, não podia ser… Não podia. Eu encarei a palma da minha mão por um instante. Quando fiz isso, palavras começaram a se formar na minha visão periférica.

 

“Especificação Da Arma Lendária: uma arma além do equipamento atribuído foi segurada, violando a regra.”

 

Mas que diabos?

Eu apressadamente abri o guia de ajuda e li rapidamente os artigos ali contidos.

Achei!

 

“Os Heróis não deverão segurar nenhuma outra arma, além das Armas Lendárias atribuídas a eles, com a intenção do uso em batalha.”

 

O que?! Isso significava que eu não poderia usar nada além de um escudo em batalha? Que tipo de jogo horrível só te deixava lutar usando um escudo?

“Bem” Eu disse, retraindo e levantando meu rosto para encarar os outros. “Parece que a mim só é permitido o uso de um escudo…”

“Mas por quê? Posso dar uma olhada nisso? ”

Eu ergui meu braço com o escudo até o dono da loja, porém isso era tudo que eu podia fazer já que eu ainda não tinha conseguido remover o escudo do meu braço.

O velho homem sussurrou algo para si mesmo, e uma pequena bola de luz foi disparada na direção do meu escudo, apenas para quicar nele inofensivamente. “Bem” Ele disse. “Ele certamente age como um Escudo Pequeno… Mas ele age…”

“Oh, você o conhece? ” Eu perguntei.

O escudo também era chamado de ‘Escudo Pequeno’ na minha tela de status, com ‘Arma Lendária’ adicionada entre parênteses do lado.

“Você vê essa joia encrustada no centro do Escudo? Eu sinto uma grande quantia de energia vindo dela. Eu tentei usar minha magia de avaliação mas ela foi incapaz de obter quaisquer informações sobre ele. Se estivesse amaldiçoado ou algo do tipo, eu teria sido notificado instantaneamente.” Ele suspirou e olhou para mim, enquanto acariciava sua barba. “Bem, você certamente me mostrou algo interessante garoto. Acredito que você vá querer alguns artigos defensivos? ”

“Sim, por favor.”

“Eu gostaria de lhe dar o que eu puder por 250 peças, o que significa que provavelmente será um conjunto de armadura completo.”

Considerando que eu já tinha um escudo, fui obrigado a concordar que parecia uma boa ideia.

“Uma armadura de chapa completa costuma inibir seus movimentos, então não é muito recomendável para aventureiros. De qualquer forma, cota de malha é o melhor para iniciantes.”

Eu peguei uma armadura de cota de malha. Ela chacoalhou e tiniu em minhas mãos. Era uma camisa inteira composta por correntes! Ou pelo menos eu acho que era. Isso é tudo que ele tinha a me oferecer?

Um ícone estava piscando para mim, e eu rapidamente o abri.

Cota de Malha: Aumento no poder defensivo.

Uso: Resistência a cortes.

Tamanho: Pequeno.

Ah-há. Nenhuma informação surgiu quando eu toquei as espadas porque eu não era capaz de equipa-las.

“Quanto isso custa? ” Myne perguntou ao dono.

“Vou dar um desconto a vocês. Podem levar por 120 peças de prata.”

“Quanto nós poderíamos conseguir por ela? ”

“Hm… Suponho que você possa vendê-la por 100 peças ou algo do tipo.”

“Por quê? ”

“Eu estou perguntando pois, quando o Herói do Escudo inevitavelmente aumentar de nível, nós poderíamos provavelmente revende-la.”

Eu estava começando a entende. Eu ainda estava no nível um então, na medida em que eu aumentasse de nível, eu seria capaz de equipar coisas melhores, significando que essa cota de malha não seria útil por um período de tempo muito longo.

“Certo, vamos levar.”

“Muito obrigado! Vou adicionar algumas vestimentas internas de graça para demonstrar minha gratidão.”

Nós agradecemos, lhe entregamos as 120 peças de prata, e recebemos a cota de malha.

“Vai colocar a armadura aqui? ”

“Sim.”

“Muito bem, por aqui.”

Ele me levou a um vestiário onde eu coloquei ambas a camiseta interior e a cota de malha. Ele então pegou minhas roupas originais e as colocou em um saco para mim.

“Olha só! Você parece bem melhor agora, rapaz.”

“Obrigado.”

Acho que ele estava tentando dizer algo legal.

“Certo então, Herói. Vamos para a batalha? ”

“Vamos! ”

Eu estava começando a me sentir um verdadeiro aventureiro quando Myne e eu deixamos a loja.

Fomos de volta para o castelo e entramos pelo portão principal. Durante nosso percurso, um cavaleiro curvou sua cabeça para mim, então eu acenei de volta. Eu estava me sentindo bem.

Que emocionante! Minha aventura estava finalmente começando.

Comentarios em TNY: Volume 1 Capítulo 4



15

Índice×