iLivro

Gratidão pela Vida

 

Então, o que fazer agora?

Eu estava me perguntando isso quando eu me lembrei dos medicamentos que sobraram após a onda de destruição. Eu tinha produzido muitos, como garantia, mas acho que faria mais sentido vender tudo aquilo o que eu não fosse precisar.

“Vamos visitar o boticário, e depois a loja de armas.”

“Sr. Naofumi, não seja negligente com o seu dinheiro. Se você continuar fazendo o tipo de coisa que você acabou de fazer, você apenas tornará a vida mais difícil para si mesmo.”

“Eu sei disso.”

“Nosso equipamento atual é bom o bastante. Por que não se preocupar com isso somente quando tiver certeza de que necessitamos de equipamentos novos? ”

“…”

Acho que ela tinha razão. Mas, quando comparados com os outros heróis, nós estávamos usando lixo. Eu ainda achava que conseguir equipamentos melhores para a Raphtalia e lutar com monstros cada vez mais fortes seria a melhor estratégia…

“Além disso, nós compramos equipamentos novos alguns dias atrás. Imagine o que o dono da loja de armas diria.”

“É…”

Ela estava certa, aquele velho nos tinha prestado muita ajuda. E ele até mesmo nos vendia equipamentos novos enquanto levava em consideração o valor de troca dos nossos equipamentos atuais. O que quer que nós comprássemos dele agora provavelmente não seria significativamente melhor do aquilo o que nós já possuímos.

O dono da loja de armas foi a única pessoa que me ajudou depois que aqueles desgraçados me incriminaram – eu gostava dele. Todo o nosso equipamento atual, o armamento de Raphtalia e a minha própria armadura, tinha vindo dele.

Então eu gostaria de continuar o patrocinando e o recompensando por tudo que ele fez por mim.

“Tudo bem. Vamos economizar por um tempo.”

“Certo! ”

Não seria uma má ideia comprar novos equipamentos depois que o peso de nossas carteiras tivesse aumentado um pouco.

“Vamos ao boticário.”

Eu coloquei minha cabeça para dentro da loja, e quando o dono me viu ele permitiu que um sorriso surgisse em seu rosto.

“O quê? O que foi? ”

Esse cara geralmente mantinha uma aparência insociável, o que me levou a presumir que isso fosse algum tipo de estratégia de sua parte. Então por que ele parecia tão feliz? Isso me deixava inquieto.

“Ah, não é nada demais. Eu estive esperando pela sua visita. Esperando pela chance para agradecer, sabe? ”

“Pelo quê? ”

Eu olhei para Raphtalia. Nenhum de nós sabia do que ele estava falando.

“Alguns dos membros de minha família estão em Riyute. Eles me disseram que você os salvou. Eles também pediram para que eu o auxiliasse se nós nos encontrássemos.”

“Hm…”

A onda de destruição tinha ocorrido perto de uma cidade chamada ‘Riyute’, onde eu tinha sediado minhas operações durante um curto período de tempo. Em meio a todo o caos, eu dediquei todas as minhas forças ao processo de evacuação, e a cidade acabou passando bem graças a isso. Quando a onda se foi, todos os aldeões de Riyute formaram uma linha e me agradeceram. Aparentemente, a família desse cara estivera entre eles.

“De qualquer forma, como agradecimento eu gostaria de…”

O dono pegou um livro da estante atrás dele.

“O que é isso? ”

“Você me vendeu alguma poções de nível baixo antes, o que me leva a acreditar que aquelas eram as únicas receitas que você conhecia. Este livro contém receitas melhores, para poções de nível intermediário. Eu acho que você já está pronto para tentar produzi-las.”

“…”

Hesitantemente, eu abri o livro em cima do balcão. Era um livro velho, e a capa estava bem desgastada. Ainda assim, eu conseguia distinguir apenas alguns dos caracteres escritos nele.

Mas eu não conseguia lê-los.

“O… Obrigado. Vou dar o meu melhor.”

Ele tinha se esforçado para ser legal comigo, então eu não queria deixar que isso ficasse sem um agradecimento. O livro provavelmente continha receitas para medicamentos que venderiam por um preço melhor.

“Estou contente por você ter dito isso.”

Ugh… Eu odiava ser pressionado à corresponder a gentileza das pessoas. Eu já tinha desistido de tentar ler, já que eu não entendia a linguagem utilizada para escrever neste mundo. Acho que eu deveria fazer um esforço mais sincero.

“O dono da loja de magia gostaria que você o visitasse também.”

“Loja de magia? ”

“Sr. Naofumi, é uma loja que vende livros que ensinam feitiços.”

“Oh, entendo.”

Eu tinha visto a loja na cidade mas pensei que era uma livraria. Parando para pensar, eu lembrei ter  visto uma bola de cristal nos fundos da loja.

“Onde fica essa loja? ”

“Na rua principal. É impossível não encontrá-la.”

Sim, eu me lembrava de como ela se parecia. Era a maior, ou a segunda maior livraria – quer dizer, loja de magia na cidade.

“Ótimo. Então, o que posso fazer por vocês hoje? ”

“Eu tinha esperanças de que você…”

Ele acabou comprando os medicamentos de mim pelo melhor preço até então.

Eu utilizei o dinheiro para comprar novos materiais, e então parti em busca da loja de magia.

 

“Oh! O Herói do Escudo! Eu queria lhe agradecer por salvar o meu neto! ”

“Certo…”

Eu não sabia sobre quem ela estava falando, mas deve ser um dos aldeões de Riyute. A senhora que cuidava da loja correu até a porta para me cumprimentar educadamente.

Eu a chamei de ‘senhora’, mas ela era apenas uma moça atarracada vestida como uma bruxa.

“Eu ouvi dizer que você queria me ver? ”

Eu vistoriei a loja que eu havia erroneamente interpretado como uma livraria. As estantes dispunham livros velhos e empoeirados, e havia uma certa quantia de bolas de cristal atrás do balcão. Também haviam alguns cajados e varinhas espalhados pela loja… Praticamente o que você imagina que existia em uma loja de magia.

Pensando bem, eu não fazia ideia de como as pessoas aprendiam magia.

“Antes disso, eu preciso saber se essa senhorita é a sua companheira de viagens.”

“Huh?… Ah, sim.”

Eu olhei nos olhos de Raphtalia, e nós dois assentimos.

“Então aguarde aqui por alguns instantes, por favor.”

Ela foi para detrás do balcão, pegou uma bola de cristal de uma das estantes e começou a entoar um feitiço sobre ela.

“Certo. Agora, Herói do Escudo, por favor olhe intensamente para dentro da bola.”

“Ahn… Tudo bem.”

Eu não sabia pelo que esperar, mas encarei a bola.

Alguma coisa brilhava, mas eu não enxergava nada em específico.

“Sim, sim, parece que você, Herói do Escudo, é adequado para o aprendizado de magias de cura e de apoio.”

“Huh? ”

Ela estava observando os tipos de magia para as quais eu era adequado?

Se ela tivesse me explicado antes eu teria pelo menos alguma ideia do que estava acontecendo… Bem, não é como se eu pudesse reclamar. Mas ela poderia ter explicado a situação um pouco melhor.

“Agora eu vou verificar a senhorita simpática atrás de você.”

“Sim, madame.”

Raphtalia deu um passo à frente e encarou a bola de cristal.

“Sim, sim, isso faz sentido. A jovem guaxinim parece mais adequada para as magias de luz e trevas.”

“Por que você diz que faz sentido? Isso é algum tipo de senso comum? ”

“Sim, o é dito que povo guaxinim é capaz de controlar fantasmas que possuem ambas as propriedades refrativas da luz e os atributos indefinidos das sombras.”

Eu estava começando a entender. Eles eram como os guaxinins do meu mundo. No meu Japão, era comum ouvir as pessoas dizerem que os guaxinins eram criaturas capazes de utilizar a metamorfose para tomar uma forma humana. Aparentemente essa linha de pensamento era algo que ambos os nossos universos tinham em comum.

“Então, por que você fez isso? ”

“Bem, eu estava esperando que você pudesse aceitar isso.”

A senhora disse enquanto nos entregava três livros.

Mais livros! Eu não conseguia lê-los, nem mesmo uma palavra, mas todos estavam me banhando com livros nesse dia.

“Eu realmente gostaria de poder lhe entregar uma bola de cristal, mas se eu fizesse isso eu acabaria falindo…”

“Por quê? ”

“Você não sabe, Herói do Escudo? Se você conseguir libertar a magia contida em uma bola de cristal, você a aprenderá instantaneamente.”

O quê?! Então eu podia aprender magia mesmo sem ler os livros?

“A um tempo atrás, o país encomendou uma grande quantia de bolas de cristal para os quatro heróis. Você não ouviu nada sobre isso? ”

“Nem uma palavra.”

Graças ao Lixo, sem dúvidas. Ele deve ter entregado as bolas de cristal aos outros heróis depois que eu saí.

Ele realmente estava se esforçando para me excluir de tudo… Ugh… Pensar sobre isso já me fazia querer matar o homem.

“Os livros de magia não são fáceis de ler – pode ter certeza disso. Mas se você se aplicar, eventualmente você será capaz de aprender um bom número de feitiços desses livros.”

Provavelmente era por isso que havia apenas algumas bolas de cristal e uma grande variedade de livros de magia. É claro, eles só tinham algum valor se você fosse capaz de lê-los.

“Me desculpe…”

“Ah, não se desculpe! Ter esses livros já vai nos fornecer muita ajuda! ”

Raphtalia sorriu enquanto respondia. Eu assenti.

“Quantos feitiços você acha que nós podemos aprender com estes livros? ”

“Bem, esses são livros para iniciantes. Se vocês quiserem aprender técnicas mais avançadas… Eu poderia convencer vocês a adquirirem alguns adicionais? ”

“Oh, claro.”

“Eu poderia ensinar os feitiços para vocês por mim mesma, mas o Herói do Escudo é muito ocupado, não é? Imagino que você não possa simplesmente vaguear pelo castelo? ”

“Isso é verdade.”

Ela tinha um comércio para gerenciar, afinal. Ela já estava cortando seu lucro ao nos dar estes livros, então não parecia certo reclamar.

“Muito obrigado.”

Eu agradeci de forma relutante, nós pegamos os livros que ela estava oferecendo e saímos da loja de magia.

Eu suspirei sem perceber. Eu nunca gostei de estudar, então o que eu deveria fazer agora?

Qualquer um com pelo menos metade de um cérebro diria que o melhor a se fazer seria aprender a ler e então estudar os livros para aprender novas receitas e alguns feitiços.

É claro que eles diriam isso.

Eu me encontrei questionando se haveria alguma habilidade que eu pudesse equipar para tornar essa tarefa mais fácil, algo do tipo ‘Tradução de línguas de outro mundo’. Talvez algumas dessas receitas estivessem armazenadas no escudo, de alguma forma. Se eu procurasse, eu poderia acabar as encontrando. Mas o que levaria mais tempo? Aprender a ler ou encontrar o escudo que me daria as receitas diretamente?

A leitura pode parecer mais fácil, mas se você considerar o tempo investido, então não seria. E também implicaria em uma busca por novos materiais com os quais experimentar.

Eu continuei voltando para a ideia da habilidade de tradução, e toda vez que eu pensava nisso minha vontade de ler diminuía cada vez mais.

“Vamos estudar essas magias! ”

Raphtalia disse para mim.

“Mas eu não consigo ler o que está escrito…”

“Eu sei. É por isso que deveríamos fazer isso juntos.”

“É… Acho que isso faz sentido.”

Obter novas receitas realmente parecia uma boa ideia.

“Isso me lembra – quanto tempo nós temos até que a próxima onda chegue? ”

“Huh? Ah, espere um instante.”

Eu busquei pelo ícone no canto de meu campo de visão.

Aparentemente esse sistema era chamado de ‘magia de status’ e todos neste mundo eram capazes de utilizá-lo.

Meu nível de ataque era o mais baixo possível, mas meu poder defensivo era extremamente alto.

Juntamente com os outros ícones, havia um ícone que apenas os heróis podiam ver. Eu concentrei minha atenção nele, e um relógio que indicava o tempo restante até a chegada da próxima onda de destruição surgiu.

Parece que seriam quarenta e cinco dias e quatorze horas.

“Parece que nós temos quarenta e cinco dias inteiros! ”

Então as ondas não vinham exatamente todo mês?!

Bem, não é como se tivéssemos dois meses inteiros, mas isso me faz lembrar de algo: nós só fomos invocados para cá depois que a primeira onda de destruição já tinha passado. Isso significa que a frequência das ondas pode ser diferente do que nós pensávamos. Se eu considerasse todo o período que eu passei antes de me encontrar com a Raphtalia, minha teoria parecia estar correta.

‘Pouco mais de um mês restante’ pode ser interpretado de várias formas.

“Ter tempo extra é algo bom.”

“Eu também acho. Vamos ver. Nós re-aplicamos a maldição dos escravos, vendemos nossos medicamentos extras, e pegamos os livros da loja de magia. Isso é tudo.”

Eu repassei pelos acontecimentos com Raphtalia. Se nós nos esquecêssemos de fazer algo e tivéssemos que voltar, nós perderíamos muito tempo.

“Então vamos tomar um café da manhã e depois aumentar nossos níveis.”

“Certo.”

Eu fiquei surpreso com a refeição. Meu paladar tinha retornado.

Eu tinha quase esquecido de como comida pode ser deliciosa. Era revigorante.

 

Escudo Pilão: Requisitos Atendidos.

Escudo Béquer: Requisitos Atendidos.

Escudo Pilão Farmacêutico: Requisitos Atendidos.

 

Escudo Pilão

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Novas Misturas

 

Escudo Béquer

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Bônus em Misturas Líquidas

 

Escudo Pilão Farmacêutico

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Habilidade de Coleta 2

 

Nós terminamos nossas refeições e partir da Cidade do Castelo em direção a Riyute. Devem haver alguns monstros no caminho que sejam perfeitos para aumentar nossos níveis atuais. Diferente dos outros heróis, eu não tinha conhecimento prévio algum sobre onde ficavam os melhores locais de caça. Então eu deveria ou encontrá-los por conta própria ou perguntar por aí e ouvir o que os outros me diriam.

Eu abri o mapa e o examinei rapidamente. Nenhum lugar parecia especialmente conveniente, mas tinha alguns lugares que atenderiam ao nosso propósito bem o bastante. É claro, não era uma corrida – mas mesmo assim, a ideia de perder para os outros heróis me deixava nervoso. Além disso, batalhar com monstros desconhecidos, e vencer, me garantiriam novas habilidades e novos escudos com os quais trabalhar. Não parecia uma má ideia.

Eu fui negligente com relação às minhas explicações. Meu escudo pode tomar diversas formas, e cada forma possui uma habilidade diferente. Infelizmente, a maioria delas era apenas aumentos de status e melhoramento de habilidades, então não eram de muita ajuda no momento.

A maioria estava relacionada com aumentos de defesa, provavelmente porque eu estava usando um escudo… Ou pelo menos era essa a minha teoria. Ainda assim, além de meus aumentos de defesa, minha agilidade, estamina, magia, e SP, tudo, com a exceção de ataque, estava aumentando. Foi assim que eu fui capaz de sobreviver à onda anterior ileso.

Nós estávamos descendo na estrada.

“Sabe, eu me pergunto se eu seria capaz de absorver os inimigos da onda com o meu escudo? ”

Nós tínhamos saído apressados, então na época eu nem pensei em tentar. Mas eu definitivamente gostaria de tentar agora, já que eu precisaria fazer todo o possível para tornar o meu escudo mais forte.

Nós nos aproximávamos dos campos ao redor de Riyute, e haviam alguns corpos de inimigos mortos durante a onda.

 

Escudo de Gafanhoto Interdimensional: Requisitos Atendidos.

Escudo de Abelha Inferior Interdimensional: Requisitos Atendidos.

Escudo de Zumbi Interdimensional: Requisitos Atendidos.

 

Escudo de Gafanhoto Interdimensional

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Defesa 6

 

Escudo de Abelha Inferior Interdimensional

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Agilidade 6

 

Escudo de Zumbi Interdimensional

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Resistência à Decomposição de Itens no Inventário (pequena)

 

Eu dissequei os inimigos ainda mais para ver se seus pedaços poderiam resultar em escudos adicionais.

Mas, aparentemente, não havia materiais o bastante para a maioria deles, e eu só fui capaz de desbloquear mais um.

 

Escudo de Ferrão de Abelha: Requisitos Atendidos.

 

Escudo de Ferrão de Abelha

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Ataque 1

Efeito Especial: Escudo de Espinhos (pequeno), Veneno Apícola (paralisia)

 

Era mais ou menos aquilo pelo que eu já esperava, então nós continuamos em nosso caminho para a vila. No meio do caminho nos encontramos com um grupo de aldeões removendo o corpo de uma quimera.

“Ei.”

“Oh! O Herói do Escudo.”

Os aldeões me cumprimentaram calorosamente, sem dúvidas graças ao que nós passamos juntos durante a onda.

“Essa coisa era o chefe da onda? ”

Eu observei o tamanho do corpo e senti suor escorrer de minha testa.

Eu não sei como descrevê-la. Era uma quimera, mas algo sobre ela a fazia parecer diferente do restante dos monstros que encontramos nesse mundo. Eu não sabia se era a cor, ou alguma característica biológica. Era difícil descrever em termos concretos.

“É uma coisa horrível.”

“É mesmo.”

Eu concordei com o que eles diziam. Parecia que os outros heróis e os cavaleiros já tinham desmontado a coisa por seus materiais. Sua forma básica ainda estava intacta, mas a pele e a carne estavam retalhados em alguns pontos.

“Posso pegar alguns pedaços? ”

“É claro que sim. Nós estávamos nos perguntando o que fazer com ela. Nós iríamos levá-la de volta para a vila e transformá-la em equipamentos. Parece uma boa ideia, não é? ”

“Não é uma ideia ruim, mas não parece ter muito que possa ser reaproveitado.”

A pele estava completamente rasgada, então eles não poderiam forjar nenhum tipo de armadura de qualidade com ela. Ainda assim, talvez eles encontrem algum uso para os ossos, a carne e talvez a cauda de cobra.

A cabeça não tinha sido decepada. Parecia que haviam três cabeças, mas mesmo assim…

Raphtalia e eu começamos a dissecar os restos mortais e deixar o escudo absorver o que ele pudesse.

 

Escudo de Carne de Quimera: Requisitos Atendidos.

Escudo de Ossos de Quimera: Requisitos Atendidos.

Escudo de Couro de Quimera: Requisitos Atendidos.

Escudo de Víbora Quimérica: Requisitos Atendidos.

 

Escudo de Carne de Quimera

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Melhora na Qualidade de Cozimento

 

Escudo de Ossos de Quimera

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Resistência às Sombras (pequena)

 

Escudo de Couro de Quimera

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Defesa 10

 

Escudo de Víbora Quimérica

Habilidade Bloqueada

Bônus de Equipamento: Habilidade – Mudança de Escudo, Melhora na Mistura de Antídotos,  Resistência à Venenos (intermediária)

Efeito Especial: Presa de Víbora Tóxica (intermediária), Gancho

 

O último a ser desbloqueado parecia ter muitos bônus bons, e o nível de defesa era alto.

Mas para ser capaz de equipá-lo parece que eu precisaria estar em um nível bem alto e também precisaria desbloquear muitos outros escudos de quimera. Eu não seria capaz de utilizá-lo por enquanto, mas tenho um pressentimento de que ele seria meu escudo principal quando a próxima onda chegasse.

“O que vocês decidiram fazer com os restos? ”

“Nós vamos enterrá-los, então pegue o que você quiser.”

“Hm…”

De alguma forma, isso parecia um desperdício… Mas parece que só sobraram a carne e os ossos. Os ossos durariam, mas e a carne? Fora carne-seca, eu não conseguia pensar no que fazer com ela. E não aparentava ter um gosto muito bom.

Aposto que eles funcionariam como materiais para poções, mas mesmo que fossem, quem os compraria de mim? Eu não fazia ideia. Seria problemático se eles começassem a apodrecer, mas e se eu os armazenasse de maneira imprópria e a criatura voltasse a vida ou algo do tipo?

Claro, o mesmo poderia ser dito sobre os ossos, mas eu ainda estava mais seguro sobre eles do que sobre a carne. Por que eu estava me preocupando tanto?

“Tudo bem, levaremos o que pudermos carregar.”
“É muita coisa, Herói.”
“Você vai permitir que eu os armazene na vila, não é? ”

“Bem, se este é o seu pedido, Herói…”
“Vocês podem pendurar a carne e deixá-la secar. Se alguém que tiver interesse em comprá-la passar pela vila, pode vender. Mas separe um pouco para mim. Talvez vocês ganhem dinheiro o bastante para reconstruir a vila. Se a carne e os ossos vieram da onda de destruição, devem haver pessoas querendo estudá-los. Desta forma vocês podem ganhar algum dinheiro.”

“Acho que você está certo, Herói.”

Os aldeões queriam o dinheiro para reconstruir a vila, então eles seguiram as minhas instruções.

Eu permiti que o escudo absorvesse as entranhas e tudo aquilo que parecesse se decompor mais rapidamente, e então nós partimos para a vila. Quando nós chegamos, o crepúsculo já se estendia sobre nós.

A vila estava meio destruída, e os aldeões restantes estavam vivendo nos edifícios relativamente não afetados. O chefe da vila preparou um quarto para nós na estalagem, que parecia estar bem, então nós descansamos bem naquela noite.

“Eu gostaria de ficar e ajudá-los a reconstruir, mas acho que não podemos gastar o nosso tempo nos preocupando com tudo isso.”

Os aldeões fizeram todo o possível para cuidar de nós. Eu entendia o porquê de sua gratidão com relação a minha ajuda durante o descarte dos restos da quimera, mas eu não sabia como me sentir com relação ao quarto grátis e todo o resto.

“Eu entendo como você se sente. Eu também gostaria de poder fazer algo para ajudá-los.”

Alguns dos aldeões alfabetizados fizeram um catálogo contendo os caracteres para que eu aprendesse a ler sua língua.

Era muito parecido com o catálogo ‘A I U E O’ japonês[1], ou o alfabeto em inglês.

Mais tarde naquela mesma noite eu pedi ajuda a Raphtalia, já que ela sabia ler um pouco. Eu pedi para que ela pronunciasse cada caractere para que eu pudesse compará-los com a minha própria língua. Então eu anotei minhas próprias respostas, em minha língua nativa, no catálogo.

Eu supus que eles combinavam caracteres para formar palavras, então qualquer tipo de tradução precisaria de muito esforço. Ainda assim, não seria impossível.

Eu me sentei para produzir alguns medicamentos, e enquanto eu trabalhava eu também me empenhava para memorizar todos os seus estranhos símbolos.

[1]N/T: Naofumi está se referindo a um jogo japonês cujo objetivo principal é o de criar uma matriz de palavras ou frases onde cada palavra (ou frase) começa com o primeiro hiragana japonês dado ao jogador. O jogo é utilizado tanto pelos próprios japoneses quanto por estrangeiros que buscam aprender a língua japonesa, pois ajuda a expandir o vocabulário.

Comentarios em TNY: Volume 2 Capítulo 2

Categorias