A Estupidez do Herói da Lança

 

Meu nome é Motoyasu Kitamura.

Eu sou um estudante universitário, e certo dia eu acabei sendo transportado para outro mundo – mundo este que possuía uma semelhança impressionante com um jogo que eu costumava jogar.

Eu tinha sido invocado para este mundo para ser um dos quatro Heróis destinados a salvá-lo, e eu era o Herói da Lança.

 

Eu acho que eu tenho muita sorte. O mundo era tão similar ao jogo que eu conhecia que eu já tinha todo o conhecimento necessário para salvá-lo, e enquanto eu o fazia, encontrei-me cercado por um grupo de adoráveis senhoritas.

“Ei, você aí! Você está livre? Gostaria de sair em um encontro?”

O país tinha incumbido a mim uma missão, e para completá-la eu precisava ir a um lugar chamado ‘A Guilda’.

Se isso fosse um jogo este seria o lugar onde os jogadores receberiam suas missões ou participariam de diversos eventos. No entanto, neste mundo, este também era o local onde vários aventureiros iam para ganhar dinheiro.

Os olhos de uma garota fofa percorreram a enorme lança que eu carregava sobre meus ombros.

“Você sabe usar essa coisa?”

Eu segurei a lança em minhas mãos e fiz com que ela mudasse de forma diante dos olhos da garota. Era este o poder concedido a nós Heróis!

Exibir este poder deveria ser o bastante para comprovar quem eu era.

“OHHH! Você realmente É o Herói da Lança! Legal!” 

Ela estava tão animada que começou a guinchar com sua voz feminina e aguda.

Heh, heh, o dia de hoje seria bom.

“Sr. Motoyasu, a Guilda tem uma solicitação para você.”

Uma garota bonita com cabelos vermelhos empurrou a garota com a qual eu estava flertando e me entregou um pergaminho.

“Me desculpe senhora, mas o Sr. Motoyasu está no meio de um trabalho importante, então seria melhor que você fosse embora.”

“Ma… Mas…!”

A garota que tinha se aproximado com o pergaminho se chamava ‘Myne’.

Seu nome verdadeiro era Malty S. Melromac. Originalmente ela estava na equipe do Herói do Escudo, mas ele tinha a traído então ela decidiu se juntar a mim.

Aquele cara é o pior.

Ele tinha sido transportado para outra dimensão, mas ainda assim só conseguia pensar no que estava dentro de suas calças.

“O que foi? Você também quer entrar na equipe do Sr. Motoyasu?”

O nome da nova locutora era ‘Lesty’. Aparentemente, ela tinha sido amiga de Myne enquanto estavam na escola. Alguns dias após Myne ter se juntado a mim, ele decidiu que gostaria de nos acompanhar.

Seu rosto era um pouco mais brusco que o de Myne. Se Myne fosse considerada um nove, Lesty provavelmente seria um oito.

“A jornada do Sr. Motoyasu é de elevada dificuldade. Você acha que consegue nos acompanhar?”

Esta era Elena. Ela entrou em minha equipe cerca de uma semana após tudo isso ter começado. Ela estava viajando comigo a quase tanto tempo quanto Myne e Lesty.

Os outros membros continuavam a ir e vir com relativa frequência.

Eu estive aqui por apenas três semanas, mas as vagas restantes de nossa equipe pareciam sempre estarem sendo ocupadas por pessoas diferentes.

Mas também era assim que os jogos online funcionavam. Se eu permitisse que algo como isso me incomodasse eu nunca chegaria a lugar algum.

Desde o primeiro instante em que eu cheguei aqui eu pedi para que várias pessoas diferentes viajassem comigo, mas eles sempre iam embora pouco tempo depois de nos unirmos. Eu não me importava muito se os homens fossem embora, mas eu sempre tentei ser especialmente legal com as garotas – e ainda assim elas iam embora. Não consigo sequer me lembrar por quantas delas eu já passei. Elas sempre diziam que não sentiam que encaixavam no grupo, e essa era a única resposta que eu conseguia.

Tanto faz – eu não gostava de garotas grudentas.

De qualquer forma, eu havia chego três semanas atrás. Eu deveria celebrar este fato juntamente com as garotas que permaneceram ao meu lado. É claro que faríamos isso.

“Você gostaria de nos acompanhar?”

“Sim!”

“Tudo bem. Qual é o seu nome?”

“R… Rino.”

“Certo, Rino, vamos.”

Eu peguei sua mão e lhe enviei um convite para entrar em minha equipe.

Ela aceitou o convite e tornou-se uma membra do meu grupo.

“…”

Eu pensei ter visto Myne a encarando com raiva, então eu me virei para verificar, apenas para descobrir que ela não estava. Ela estava sorrindo gentilmente.

“Qual é a nossa próxima missão, Myne?”

“A fome se abateu sobre uma vila no Sudoeste. Nós devemos proteger a carruagem que vai entregar comida a eles.”

O quê? Eu tenho certeza de que já ouvi sobre essa missão antes.

A mesma missão estava disponível na Guilda do jogo que eu jogava.

Nossos níveis estavam à altura da missão.

“Onde e quando nós encontramos a carruagem?”

“Ela partirá amanhã de manhã do armazém da Guilda.”

“Entendido. Acho que isto significa que estamos livres por enquanto. Vamos passar um tempo aumentando nossos níveis, e então nos deleitar nesta noite.”

“Yayyy!”

As garotas guincharam de alegria.

Acho que as garotas deste mundo gostavam de se divertir.

Além disso, eu estava precisando desestressar.

“Certo, garotas, vamos começar!”

 

Nós treinamos em um local próximo que eu havia encontrado.

Procuramos por um lugar onde os monstros surgissem em grupos e começamos a caçada.

Um monstro manifestou-se rapidamente.

O monstro era parecido com um pássaro, e se chamava ‘Asa do Céu Azul’.

Sua habilidade de voo era baixa, e ele não corria rápido como um Filolial. Mas ainda dava uma boa quantia de pontos de experiência.

Era uma forma muito eficiente de treinar quando se estava entre os níveis trinta e quarenta.

“Garotas, afastem-se.”

“Certo! Boa sorte!”

“Huh?”

Aparentemente Rino não estava acostumada a batalhar em minha equipe, então ela apenas olhava ao redor confusa.

“Vocês garotas bonitas não são adequadas para este tipo de batalha sangrenta. Então apenas recuem e torçam por mim.”

“Ah… Eu…”

Isso! Eu arremessei uma ‘Zagaia1  de Disparo Aéreo’ no Asa do Céu Azul, e ele tombou facilmente.

“Uaaaaau! Você é tão legal, Sr. Motoyasu!”

A torcida delas realmente me animou.

“Sr. Motoyasu, tem outro!”

“Argh!”

“E mais um!”

“Argh!”

“Sr. Motoyasu, estou com sede.”

“Argh!”

“Sr. Motoyasu, posso comer um lanche?”

“Argh!”

“Sr. Motoyasu, nós vamos descansar.”

“Argh!”

Nós passamos o resto do dia desta forma, e eu aumentei de nível.

Eu havia alcançado o nível quarenta e três, e Myne estava no nível trinta e nove.

Lesty chegou ao nível trinta e oito e Elena o nível trinta e cinco.

A garota nova, Rino, ainda estava no nível vinte.

“Isso deve ser o bastante para o dia de hoje. Vamos voltar.”

Eu já tinha suado muito, então terminamos antes do pôr-do-sol e voltamos para a cidade.

“Hoje foi um dia difícil.”

“Foi mesmo. Se você não estivesse lá para me animar, eu poderia não ter conseguido.”

“…?”

Rino parecia confusa novamente. Qual era o problema dela?

Certamente ela não queria chafurdar na lama e aumentar seus níveis, não é? Claro que não! Garotas não gostam desse tipo de coisa.

“Quando escurecer, vamos nos encontrar de volta na estalagem.”

“Tudo bem. Estaremos nas fontes termais até então.”

“Legal. Divirtam-se.”

“Até.”

“An…”

Rino parecia não entender o que estava acontecendo. Era apenas uma forma das garotas melhorarem seu vínculo.

Eu não era ridículo o bastante para tentar me intrometer em sua amizade.

Bem, hoje foi um dia de treino. Eu teria que ir até a feira e comprar um pouco de comida.

 

Eu fui até a feira e comprei muita comida, então entrei na cozinha e comecei a trabalhar. Quando as preparações foram finalizadas o sol já havia desaparecido, e era noite.

“Ah, Sr. Motoyasu, voltaaaamos!”

Eu tinha dito ao estalajadeiro para dizer as garotas que viessem até a cozinha quando chegassem.

“Hm… O que você está fazendo na cozinha?”

“Ah, eu estava preparando uma surpresa para a… Ei, onde está a Rino?”

“Ela disse que enquanto estávamos caçando hoje ela percebeu que ela não se encaixava com o restante do grupo. Ela decidiu partir, mas disse ‘Muito obrigado por tudo, e espero que possamos nos encontrar novamente’.”

“Oh…”

De novo? Era como se ninguém encaixasse no grupo.

Era porque Myne e a sua amiga faziam parte da nobreza? Eu pensava que elas ainda poderiam se entender, mas mesmo assim… Além disso, todas eram iguais em minha equipe! Eu amava a todas igualmente!

“Então, o que faremos nesta noite?”

“Certo, bem, hoje eu completo três semanas neste mundo. Eu queria comemorar com vocês, então eu decidi cozinhar para todos nós.”

“Uaaaaau!”

Todas elas olharam para a minha comida.

A comida fora preparada da forma em que fazíamos em meu mundo, então eu não tinha certeza de que elas iriam gostar. Só para ter certeza, eu provei.

Eu tenho cozinhado por uma boa quantia de tempo, e nunca recebi nem mesmo uma reclamação.

Além disso, eu era um gênio na cozinha. Eu podia preparar qualquer coisa, e as garotas adoravam.

“Eu não sabia que você cozinhava! Você pode fazer qualquer coisa, Sr. Motoyasu! Você é incrível!”

“Sim, você é tão talentoso! Um verdadeiro Herói!”

“Elas têm razão! Meu estômago está roncando só de olhar!”

“Podem comer, garotas.”

Todas disseram que estava delicioso, e elas comeram muito.

Mas suponho que eu tenha preparado demais, pois parecia que tinha sobrado muito também.

 

“Boa noite.”

Após o jantar, e depois de terminarmos de tomar banho, nós conversamos um pouco antes das garotas irem para seus respectivos quartos.

Mas a minha noite ainda não tinha encerrado.

Eu acho que as garotas não tinham energia o bastante para sair à noite, mas eu tinha. Eu decidi ir até o bar.

Deixei a estalagem para trás e caminhei por um beco sombrio. Esse caminho me levou até uma área puída, localizada atrás dos chamados ‘bairros de prazer’.

“Ah… Eu… Não…”

Eu podia ouvir pessoas perdidas em suas fantasias. Suas vozes ecoavam dentro de um pequeno edifício. Elas pareciam estar tendo uma noite e tanto.

Não importava onde você fosse, sempre haveriam negócios que lucravam com a exibição do obsceno. Fazer o que. Não é como se eu pudesse invadir o local e salvar a garota. Este era o trabalho dela afinal.

Mas ela soava muito como a Rino. Tenho certeza de que era apenas uma coincidência. Rino era uma aventureira, e parecia ter uma cabeça muito sensata encima dos ombros. Ela não trabalharia em um lugar como este.

“Ah! Oh! Alguém! Socorro!”

Ela estava atuando muito bem para os seus clientes. Eu permiti que estes pensamentos se desvanecessem enquanto eu caminhava pela cidade. Finalmente, eu encontrei um bar de boa aparência.

 

“Haaaaa!”

“Uoooh!”

“Ele… Ele é muito forte! E olhe para aquela Lança!”

“Será que ele… É o Herói da Lança?”

“Eu não digo o meu nome para escória como você!”

Estávamos no meio da missão para proteger a carruagem e seu carregamento.

Nós já havíamos avançado uma boa distância na estrada quando encontramos alguns bandidos. Eu acabei com eles.

“Você é incrível, Sr. Motoyasu! Uau!”

“É verdade! Você os derrotou tão facilmente! Acho que estou apaixonada!”

“Vai Motoyasu!”

“Oh, garotas… Vamos lá…”

Eu amarrei os bandidos e os deixei na estação de guarda da vila mais próxima. Eu acho que a vila se chamava Riyute.

“Hm?”

Eu pensei ter visto Naofumi indo em direção as montanhas com alguma garotinha suja.

Talvez eu tivesse apenas imaginado.

De qualquer forma, a garota parecia uma caipira. Ela não era fofa.

Tanto faz. De volta ao trabalho.

Em pouco tempo chegamos a vila que estava passando fome.

“Oh, comida! Obrigado, Herói da Lança.”

“Não foi nada. Certifique-se de que a comida será compartilhada de forma igualitária.”

Os aldeões amontoaram-se ao redor da carruagem e sua mercadoria.

Dentre eles havia crianças magras e famintas.

Doía apenas olhar para eles. Eu precisava terminar a missão logo.

Mas, antes disso…

“Você é bonita! Gostaria de ir tomar um chá?”

“Eu…”

Não importa em que mundo você esteja, garotas são tão fofas. Eu estava bem cansado, então decidimos alugar um quarto na cidade.

Na manhã seguinte eu acordei e fui até o quarto onde as garotas dormiam.

Eu observei o rosto de Myne enquanto ela dormia. Ela estava murmurando coisas estranhas.

Eu decidi desenhar em seu rosto. Ela ficará tão surpresa quando acordar!

 

“Herói da Lança… Para onde você vai agora?”

Meu rosto estava vermelho no local onde Myne tinha me esbofeteado, uma resposta adequada ao meu grafite. Eu estava conversando com o chefe da vila.

“Sr. Motoyasu, para onde nós vamos agora?”

“Para uma masmorra próxima. No interior da masmorra tem um item capaz de ajudar a vila.”

“Ah, você sabe de tudo não é Sr. Motoyasu?”

“Não me deixe envergonhado. Vamos indo.”

Sim, havia uma masmorra por perto. Dentro das ruínas havia algo capaz de concertar tudo.

Na verdade, eu deveria ter pesquisado um pouco mais sobre tudo isso na biblioteca do castelo. Porém a informação que eu adquiri era de segunda mão, então não deve ser um problema.

Além disso, quando mais cedo nós acabássemos com a fome menos pessoas sofreriam.

Ou pelo menos era essa a ideia. Logo, nós chegamos nas ruínas.

A masmorra possuía três andares. Diziam que você é capaz de completá-la sozinho a partir do nível trinta. Era uma missão relativamente fácil.

Se isso fosse um jogo, eu provavelmente poderia ajustar a dificuldade da ‘masmorra de instância’ para que ficasse no meu nível. As masmorras de instância eram geradas instantaneamente e eram exclusivas para você e para o seu grupo. Teria um mapa, e você não encontraria nenhum jogador lá dentro. Você poderia explorar a masmorra com a sua equipe. Ou seja, completar esta masmorra agora deve ser uma tarefa simples.

A masmorra era feita de pedra, e ficava a uma hora de distância da vila. Estava localizada em um penhasco de terra vermelha levemente encharcada… Igual ao jogo.

Nós adentramos nas ruínas mofadas e acendemos as velas. Eu me lembrei que esta masmorra tinha armadilhas.

“Não devemos encontrar muitos monstros aqui, e devemos ficar bem no nível em que estamos.”

“Certo!”

Acredito que as armadilhas eram relacionadas de alguma forma as velas que acendemos no começo. Nosso sucesso ou fracasso dependeria disso.

E, caso falhássemos, teríamos que voltar ao começo.

A armadilha funcionava da seguinte forma: antes que as velas se apagassem, você precisava vencer o Golem nas profundezas da masmorra.

No jogo, o limite era de trinta minutos. Para vencer, você deveria alcançar o último andar. A masmorra era construída como um labirinto, mas eu sabia o caminho.

Existiam algumas versões diferentes, mas eu tinha memorizado todas elas, então iriamos ficar bem.

Ou isso foi o que eu pensei. Nós continuávamos encontrando becos sem saída.

Bem, isto era estranho. No jogo este definitivamente era o caminho certo.

Ainda assim, nós alcançamos o fundo da masmorra dentro do limite de tempo atribuído. A sala estava preenchida por um ar gelado. As paredes eram feitas de pedras, mas eram azuis e transparentes como se fossem feitas de gelo. O lugar parecia místico e fascinante.

“Uau…”

Myne e as outras olhavam ao redor, impressionadas.

“Tudo bem, deve ter um baú ali.”

Eu apontei para uma enorme caixa decorada do outro lado da sala.

“Mas o que tem dentro?”

“O baú contém uma ‘Semente Milagrosa’ capaz de salvar os aldeões. Mas primeiro devemos derrotar o que quer que esteja a protegendo.”

“O que isso quer dizer?”

“Quando nos aproximarmos, os ladrilhos do teto irão cair e se transformarão em um golem. Não se preocupem, ele não é muito forte. Se vocês me auxiliarem com magia, ficaremos bem.”

“Sim senhor!”

“Estamos torcendo por você!”

“Você consegue, Sr. Motoyasu! Você sabe de tudo sobre tudo!”

“Eu sei, eu sei.”

Nós nos aproximamos do baú. Naturalmente, eu fui na frente e as garotas me seguiram.

E como eu esperava, o golem caiu sobre nós.

O golem de pedra ergueu seu braço pesado para me atacar.

“Eu lhe protegerei! Bater de Asas!”

“Disparo de Água!”

“Você consegue!”

Sob os ataques constantes das magias das garotas e das minhas habilidades, o golem desabou rapidamente. O núcleo do golem flutuou acima de suas ruínas.

Antes que o golem pudesse reviver, eu rapidamente parti o núcleo ao meio.

“Ha! Tome isso!”

“Você é tão forte, Sr. Motoyasu!”
“Sim! Você realmente acabou com aquele golem enorme.”

“Você é incrível.”

Todas elas continuaram me elogiando.

“Ah, não foi nada… Estou brincando! Eu sou incrível! Hahaha!”

Certo, está na hora de abrir aquela caixa e pegar a semente.

Subitamente ocorreu um poderoso estrondo. O chão estava tremendo.

“O… O que é isso?”

“Um terremoto?!”

“Isto… É…”

Eu tive um pressentimento muito ruim.

“Isso é estranho. Nós não falhamos…”

“O que foi?!”

“Quando você comete um erro, as ruínas desmoronam. É claro que existe uma forma de sair, mas você precisa começar tudo de novo desde o início. E para sair existe uma ‘masmorra de penalidade’.”

Havia um item que nós só conseguiríamos adquirir nessa masmorra, mas não é como se realmente PRECISÁSSEMOS dele. Na época em que eu estava jogando a versão beta do MMORPG, havia um equipamento muito forte que você poderia conseguir dos monstros que apareciam nesta masmorra de penalidade. Mas por enquanto nós precisávamos nos concentrar em projetos de baixo nível.

“O quê?”

Eu não conseguia entender. Nós devíamos ter mais de dez minutos restantes.

“Quais são as condições para falhar no teste?”

“Lembra das velas que nós acendemos quando entramos? Nós precisávamos vencer o golem antes que elas apagassem. E, é claro, se elas tivessem apagado enquanto nós explorávamos a masmorra, nós podíamos ter voltado e as acendido novamente. Dependendo da dificuldade que você escolhesse, você poderia ser forçado a voltar porque as lutas seriam mais duradouras.”

“Huh…?”

Myne parecias confusa.

“O que foi?”

“Bem, eu achei que não precisássemos delas, então eu as apaguei.”

“O quê?!”

Enquanto eu gritava o chão se abriu, e nós caímos para dentro do buraco.

Nós caímos em algum tipo de plano inclinado de pedra, e todos nós estávamos deslizando nele rapidamente.

“M… Myne!”

“Sr. Motoyasu!”

Eu tentei alcançá-la, mas antes que pudéssemos encostar um no outro fomos enviados em direções diferentes e separados por uma parede.

 

“Onde estou?”

O escorregador havia terminado. Eu acendi uma tocha para investigar os meus arredores.

Se isto funcionasse da mesma forma que o jogo, nossos caminhos iriam se cruzar…

Eu tentei me lembrar do mapa e comecei a correr.

Não devia ter nenhum monstro na masmorra que Myne e as outras não fossem capazes de matar sozinhas. Ainda assim, eu me sentiria melhor se estivéssemos todos juntos.

“Sabe…”

Eu ouvi alguém falando.

“Aquele cara precisa se explicar melhor. Entende?”

“Ele olha apenas para os nossos peitos e quadris. Me deixa desconfortável.”

“Ele desenhou no meu rosto enquanto eu dormia! Ele precisa aprender qual é o seu lugar.”

“Mas ele é estupido e fácil de usar. Ele tem dinheiro, e é um Herói, então podemos fazer o que quisermos.”

“Eu sei!”

“Mesmo assim, aquela coisa de ontem? Não consigo acreditar!”

“Minha pobre língua… Aquela comida horrível do mundo dele era nojenta.”

“E quanto aquela garota que tentou se juntar a nós no outro dia?”

“Ah, eu lembro. Você se lembra de como nós a vendemos para aquela loja? Eu disse a ela que iriamos as fontes termais e ela até mesmo colocou as algemas e tudo mais! Foi tão fácil! Foi muito difícil não rir!”

Agora eu me lembrava. O tema da masmorra era ‘traição’.

Havia 30% de chance de encontrar um monstro chamado ‘Combatente da Voz’, e ele era capaz de personificar as vozes dos membros de sua equipe. Ele dizia coisas horríveis demais para se acreditar.

É claro que no jogo você não era capaz de ouvir vozes reais, mas seu personagem ficaria confuso.

Para os meus ouvidos, parecia que Myne e as outras estavam dizendo coisas terríveis.

Eu virei em uma esquina e me encontrei em um espaço aberto.

Myne  e as outras estava lá. Elas tinham acabado de vencer um combatente da voz que estava no formato de um morcego.

“Oh! Sr. Motoyasu!”

“Vocês estão bem, garotas? Este lugar tem monstros perigosos que brincam com a sua mente.”

“Estamos bem!”

Certo, elas mataram o monstro antes que eu chegasse. Bom.

“O que nós faremos agora?”

“Nós ficaremos bem. Sigam-me.”

Eu apontei para o corredor que nos levaria para o lado de fora. Nós o atravessamos e chegamos ao lado de fora.

Nós passamos um curto período de tempo na masmorra, mas a luz do sol parecia capaz de cegar.

“Certo, garotas, fiquem na entrada e protejam as velas. Eu vou correr até o último andar.”

“Tudo bem Sr. Motoyasu.”

“Sim, nós protegeremos as velas com nossas próprias vidas!”

“Deixe conosco!”

“Certo.”

Eu corri de volta pela masmorra e peguei a Semente Milagrosa.

Eu também permiti que a Lança absorvesse o núcleo do golem e algumas pedras. A versão da Lança que fora desbloqueada não era muito boa.

O bônus de equipamento era um aumento nos status. Isso pode vir a ser útil mais tarde.

 

Nós voltamos para a vila e entregamos a Semente Milagrosa ao chefe.

“O que é isto?”

“É uma Semente Milagrosa que produz uma quantia abundante de alimentos quando você a planta. Deve resolver o seu problema com a fome, então imaginei que você gostaria de adquiri-la.”

“Esta… semente?”

“Sim, estava escondida nas profundezas de uma masmorra próxima. Cuide bem dela.”

“Mas aquelas ruínas foram seladas por um alquimista poderoso e maligno.”

“O quê?”

“Ah, não foi nada. Se o Herói da Lança está dizendo, então deve ser verdade.”

Ele sorriu e plantou a Semente em um campo.

Ela brotou imediatamente e começou a produzir frutos. A vila comemorou.

“Muito obrigado, Herói da Lança!”

“Ha, ha, ha! É para isso que eu estou aqui; para salvar o mundo!”

Ajudar as pessoas era realmente bom.

“Ah é, quando vocês duas alcançarem o nível quarenta nós deveríamos ir até a Cidade do Castelo para mudar suas classes.”

Os Quatro Heróis não podiam mudar suas classes, o que era diferente do jogo. Mas Myne e as outras podiam.

A mudança de classe é uma cerimônia necessária para remover o limite do nível máximo do seu personagem e melhorar seus status.

A cerimônia era realizada na Ampulheta do Dragão.

Myne era boa com magia, então se isso fosse um jogo ela seria uma maga. Logo, eu a transformaria em uma maga de alto nível.

Além disso, eu sabia como o mundo funcionava, então minhas decisões seriam as melhores afinal.

“Sim!”

“Uau! Já está na hora de evoluirmos nossas classes?”

“Excelente! Agora podemos fazer ainda mais coisas para você! Queremos lhe ajudar, Sr. Motoyasu!”
“Certo!”

Eu joguei meu punho para cima e saboreei nossa vitória.

Então eu apertei a bunda da Myne.

“O que é isso?! Ah, Sr. Motoyasu, eu gostaria que você se controlasse.”

“Hahahaha!”

Como este mundo era divertido.

Eu já tinha todas as informações de que eu precisava graças ao jogo, e todas as garotas me adoravam!

E aquela perversa mulher que me matou não estava aqui.

Era tão divertido! Eu não conseguia parar de rir.

A onda estaria aqui em seis dias. E eu estava começando a ficar empolgado.

E foi assim que nós passamos os dias: nos divertindo e aumentando nossos níveis. Nós também fizemos isso no caminho de volta para a Cidade do Castelo.

 

 

 Era o lugar perfeito para ele, um mundo ideal cheio de entusiasmo. Ele estava orgulhoso de estar lá.

 Nos Registros das Quatro Armas Celestiais estava escrito que o Herói da Lança valorizava seus companheiros. 

 Se ele continuar avançando sem entender a diferença entre bondade e ingenuidade, que tipo de destino será reservado para ele?

 Na época, ele não era um verdadeiro Herói.

 Ele era pouco mais do que um palhaço.

 Ele ouvia apenas o que ele queria, e ignorava tudo que o chateava. Sua fé em seus amigos não possuía fundamentos e o levou a grandes perigos no futuro.

 O que aconteceu com a cidade que ele salvou? A resposta não está escrita como parte desta história.

 

 Esta história fora herdada por um sábio que fazia entregas ao lado de um pássaro sagrado.

 Mas nem mesmo isso é o bastante para impedir as enormes ondas de destruição que estavam por vir.

 No fim, tudo é afogado pelas ondas de destruição…

 

1N/T: Zagaia, as vezes chamada de ‘Azagaia’, é um tipo de lança primitiva utilizada como arma de arremesso. É geralmente vista como instrumento de caça em representações de tribos indígenas.

Comentários