Tutorial 1º Andar (Parte 5)

“Uh … Uh …”

Eu fiz uma pausa momentânea para recuperar o fôlego. Apesar dos meus status e habilidades melhorados, essa jornada provou ser árdua e demorada.

Eu tinha deixado a sala de espera às 4 horas e tinha corrido por 15 horas sem parar.
Sem esforço, atravessando as ridículas armadilhas de flechas que foram plantadas ao longo do caminho.

Eu só precisava de um pouco mais de tempo. Nada mais, nada menos, apenas mais 3 horas, mudaria e facilitaria as coisas. No entanto, parecia que o Tutorial considerava que não devia ter um luxo tão alto.

Alguns dias atrás, novas informações se espalharam no chat da comunidade,

Toda tentativa 1 teve que ser completada dentro de 30 dias.

A penalidade por não concluir o 1º andar dentro de 30 dias ainda não foi conhecida por nós.
Você poderia ser expulso do Tutorial devido a falha, talvez até receber o julgamento por falha. Quem sabia?

Isso significava apenas uma coisa. Eu tive que concluir esse andar hoje, amanhã, ou pelo menos depois de amanhã.

Retirei a garrafa de água do meu inventário e espirrei a água no meu rosto.
Uma pequena explosão de energia renovada surgiu através de mim enquanto a água fria tocava meu rosto.

Ao saltar para cima e para baixo, eu verifiquei meu status.
Não houve nenhum problema com a minha concentração, e eu não estava sangrando demais. Também não havia sentidos enfraquecidos.

Havia 2 flechas trespassadas no meu braço direito.

 

Durante todo o meu tempo, eu cresci uma quantidade considerável e experimentei múltiplas armadilhas. Apesar disso, ainda não consegui passar por essa fase sem se ferir.
Eu não conseguia produzir uma estratégia a tempo, então eu apenas tankei algumas flechas ao invés de me esquivar e, posteriormente, mesmo sabendo que elas estavam vindo, elas encontraram o caminho para mim.

Esse foi o momento em que eu mal consegui dizer a diferença entre diferentes tipos de flechas que foram disparadas.

Se a primeira flecha foi atirada de um longo arco danificado, as armadilhas posteriores pareceriam como se fossem disparadas a partir de um arco recurvado poderoso. Algumas delas foram atiradas com tal poder que fez você se perguntar se havia uma balista ali.

A verdade seja dita, nunca vi um arco longo ou mesmo um arco recurvado, mas eu vou assumir que essa era a força que os respectivos arcos exercitariam nas flechas.

Por sorte, eu aumentei de nível apenas a um momento atrás, então eu só tenho 2 flechas trespassadas em mim.
Ah, eu só poderia imaginar o quão bom seria se não houvesse flechas em mim.
Seja como for, isso ainda era bom.
Eu fui atingido por tantas flechas que ser atingido por apenas 2 pareceu como apenas um pequeno ferimento.

“Phewww-”

Quando olhei para o chão, vi uma linha vermelha desenhada.
Foi apenas gritando para mim ‘Há uma armadilha aqui!’. Essa foi a única armadilha no Tutorial onde realmente me avisou que havia uma.

Assim que atravessasse a linha vermelha, as flechas estariam voando de cima, de baixo, da esquerda e da direita.
A parte assustadora disso era, não havia nenhum padrão em que as flechas foram disparadas.

Essa armadilha foi em segundo em termos de perigo em comparação com a armadilha do precipício mais cedo.

Na minha primeira tentativa, fui atingido por tantas flechas que pareci com um ouriço e vestido com meu equipamento de natação tentando atravessar o Rio Styx.
Graças à minha sorte dos deuses, eu aumentei de nível e consegui sobreviver.

Para a minha segunda tentativa, memorizei o “padrão” que experimentei na minha primeira tentativa.
Como havia flechas disparadas em todas as direções, não conseguiria memorizar a ordem de todas as flechas, mas depois de memorizar as flechas que visavam meus pontos críticos, tentei a armadilha.

Em resultado, quase morri.
As flechas que foram disparadas além das flechas que eu tinha memorizado eram mortíferas.
Não consegui responder a elas a tempo.
O resultado. Fui atingido pelo dobro da quantidade de flechas que recebi na primeira tentativa.
Dessa vez, eu quase atravessei o Rio Styx e dei as mãos com meu bisavô.

Todo o tempo tem sido sobre padrões!
Por que não há padrões do nada?
Não era apenas um pouco demais?

Se eu não viesse em frente para a armadilha depois da minha primeira tentativa, eu apenas teria morrido ali.

Agora, essa foi a minha terceira tentativa nessa armadilha.

Primeiro, eu quebrei as flechas no meu braço.
Eu não conseguiria tirá-las e me curar nesse momento, então eu as quebrei para que elas não entrassem no caminho quando tentasse se mover.

Era impossível mover meu braço direito para balançar a espada devido ao dano das flechas. Meu limite era apenas segurar a espada nas minhas mãos. Eu usarei meu braço direito e a espada como um escudo.

Um escudo redondo no meu braço esquerdo. Um escudo retardado no meu braço direito.
Perfeito.
Eu estava totalmente preparado.

Agora, eu apenas levantei e massagei alguns pontos doloridos no meu corpo.

AHHHHHHHHHHHHHHHh ………!

P**ra. Você pode fazer isso Lee Ho Jae.
Quem se importa se não há um padrão. Você consegue fazer isso. Não, você tem que fazer isso.

Mesmo fazendo uma merda inútil como usar psicologia em mim diante da armadilha por algum tempo.
Embora ainda houvesse algum tempo para concluir a 1ª tentativa, não tinha certeza de quanto tempo demoraria para conclui-la completamente.
Eu precisava ser mais engenhoso com o tempo que eu tinha restante e se mover com pressa.

Ok, vamos.

Eu percebi algo depois das minhas duas primeiras tentativas nessa armadilha.
As flechas foram disparadas apenas 3 segundos depois de ter atravessado a linha vermelha.

Em outras palavras, eu tive que diminuir tanto quanto pude nesses 3 segundos.

Eu dei alguns passos atrás da linha vermelha.
Depois de controlar minha respiração, entrei em uma posição preparada para correr que aprendi na escola.

Agora, as mãos estavam na largura dos ombros?
Argh, era difícil entrar na posição com a espada e o escudo.
Com um joelho dobrado.
Agora, levante sua perna e bunda.

Eeeeeeeee… … CORRA!
Eu corri com todas as minhas forças.
Eu estava na linha vermelha em um instante.

Droga!  Isso parecia fazer um longo salto do penhasco!
Esse foi o maios alto que eu já senti!

Tat!

Eu cruzei a linha vermelha.
Eu não diminui a velocidade.
Eu não consegui parar agora!

Três!

Dois!

Um!

Ótimo!  Eu já estava no meio do caminho!

Assim que cheguei a zero na minha contagem regressiva, vi um flash de uma ponta de flecha à minha frente.
Saltei para deslizar o equipamento contra o chão.

A partir daí, muitas flechas foram disparadas a uma baixa altura.

Não havia necessidade de prestar atenção às flechas que vinham por trás e pelos lados.
Eu estava indo para a frente em uma velocidade muito rápida.

Desacelerar não era uma opção, então acabei rolando sem controle para tentar esquivar as flechas.

Com um PABABABT , ouvi flechas sendo presas no chão.
Desviei as flechas do meu lado esquerdo com o escudo enquanto estava rolando.
Senti uma dor forte no meu pulso.

Meu pulso deve ter sido torcido devido ao escudo amarrado ao meu braço quando eu estava rolando pelo chão.
Ignorei a dor forte que senti e corri para a frente.

Não consegui parar por um momento nessa armadilha.
Uma vez que havia flechas sendo atiradas de todas as direções eu tinha que manter uma alta velocidade de corrida para a frente, então eu seria atingido por menos flechas das costas e lados.

Se eu fosse atingido em minha cintura ou minhas pernas por pelo menos uma flecha, eu não conseguiria me mover e minhas chances de morrer aumentariam muito.

Era um preço a pagar quando você podia detectar praticamente tudo em seu caminho com sentidos aumentados.

Tong!

Quando bloqueei a flecha que voava para o lado esquerdo do meu rosto com o meu escudo, outra flecha voou para meu estômago desprotegido.
Eu bloqueei em pânico com meu braço direito.

Com um som dos meus músculos rasgando, as flechas passaram pelo meu braço direito.

Droga!

A flecha percorreu perto de onde as flechas anteriores já estavam presas e isso aumentou exponencialmente a dor.
Eu estava tentando manter minha velocidade sem parar uma vez, mas devido à dor e ao choque eu parei por uma fração de segundos.

POOK!  POOK!  POOK!

Algumas flechas foram disparadas por trás.
Eu me inclinei para o lado para esquivar as flechas, mas devido à velocidade reduzida, fui acertado com uma flecha nas minhas costas.

ARRrrrghghhhhh!

P**ra, agora não havia escolha.
Eu tive que continuar correndo para a frente bloqueando as flechas que eu vi e tankar todas as outras flechas como um hulk furioso.

Em frente!

Em vez de tentar esquivar as flechas apontadas para o meu rosto, levantei meus braços e escudo para bloqueá-las.
Uma cabeça descuidada inclinada para o lado de uma flecha vindo que não estava no meu campo de visão seria o meu fim.

Pook, pook.

Mais algumas flechas atingiram meu corpo.

Ignorando a dor, continuei.
Parecia que cada passo que eu dava rasgou os músculos das minhas costas devido as pontas de flechas presas lá.

Pook.

Uma flecha atingiu minha panturrilha esquerda.
À medida que a flecha atingiu profundamente o músculo, minha perna esquerda deixou de se mover por um momento.

Naquele momento, meu ritmo ficou emaranhado e acabei caindo.
Eu me levantei instantaneamente com a morte piscando logo na frente dos meus olhos como motivação e comecei a correr. Era mais como um meio salto com velocidade.

As flechas não estavam voando para mim apenas por trás …
Na frente!

No momento em que meu foco foi ligeiramente embaçado, tentei esquivar uma flecha que vinha da frente, inclinando minha cabeça, no entanto, acabou percorrendo minha orelha em vez disso.

Arrrgrhgh!

Estava perdendo a visão e meu equilíbrio. Então.

Pook!

Uma flecha atingiu meu calcanhar direito.
Ahhh ótimo, agora não podia usar as duas pernas.
Pensei comigo mesmo:“Foi assim mesmo que eu ia morrer?”
Eu joguei meu corpo para a frente com toda minha força.

Puck!

Eeeuughhh!

Como não havia nada de som de parar, um rolamento para a frente como um pouso era um luxo que eu nem poderia sonhar nessas circunstâncias.

E,

Pshhhhhh …

Ouvi água.
Devo ter concluído a armadilha.
Eu fiquei vivo novamente …

[Poço de Cura]

Descrição: Cura quando consumido ou esfregado. Pode também funcionar para a cabeça calva …

Quando tomei mais dano na segunda tentativa em comparação com a primeira tentativa dessa armadilha, foi o bem de cura que me permitiu ficar vivo.

Eu me arrastei lentamente para o Poço de Cura.
Com a força que tinha restante, joguei meu corpo nas águas curativas.

E assim, eu perdi a consciência.

Comentarios em Tutorial: Capítulo 12



15

Índice×

  1. 1
    Prólogo
  2. 2
    Tutorial 60º Andar (Parte 1)
  3. 3
    Tutorial 60º Andar (Parte 2)
  4. 4
    Tutorial 1º Andar, Sala de Espera (Parte 1)
  5. 5
    Tutorial 1º Andar, Sala de Espera (Parte 2)
  6. 6
    Tutorial 1º Andar, Sala de Espera (Parte 3)
  7. 7
    Tutorial 1º Andar, Sala de Espera (Parte 4)
  8. 8
    Tutorial 1º Andar (Parte 1)
  9. 9
    Tutorial 1º Andar (Parte 2)
  10. 10
    Tutorial 1º Andar (Parte 3)
  11. 11
    Tutorial 1º Andar (Parte 4)
  12. 12
    Tutorial 1º Andar (Parte 5)
  13. 13
    Tutorial 1º Andar (Parte 6)
  14. 14
    Tutorial 1º Andar (Parte 7)
  15. 15
    Tutorial 1º Andar (Parte 8)
  16. 16
    Tutorial 60º Andar (Parte 3)
  17. 17
    Tutorial 2º Andar, Sala de Espera (Parte 1)
  18. 18
    Tutorial 2º Andar, Sala de Espera (Parte 2)
  19. 19
    Tutorial 2º Andar, Sala de Espera (Parte 3)
  20. 20
    Tutorial 2º Andar (Parte 1)
  21. 21
    Tutorial 2º Andar (Parte 2)
  22. 22
    Tutorial 2º Andar (Parte 3)
  23. 23
    Tutorial 2º Andar (Parte 4)
  24. 24
    Tutorial 2º Andar (Parte 5)
  25. 25
    Tutorial 2º Andar (Parte 6)
  26. 26
    Tutorial 2º Andar (Parte 7)
  27. 27
    Tutorial 2º Andar (Parte 8)
  28. 28
    Tutorial 2º Andar (Parte 9)
  29. 29
    Tutorial 2º Andar (Parte 10)
  30. 30
    Tutorial 3º Andar (Parte 1)
  31. 31
    Tutorial 3º Andar (Parte 2)
  32. 32
    Tutorial 3º Andar (Parte 3)
  33. 33
    Tutorial 4º Andar, Sala de Espera
  34. 34
    Tutorial 60º Andar (Parte 4)
  35. 35
    Tutorial 4º Andar (Parte 1)
  36. 36
    Tutorial 4º Andar (Parte 2)
  37. 37
    Tutorial 4º Andar (Parte 3)
  38. 38
    Tutorial 4º Andar (Parte 4)
  39. 39
    Tutorial 4º Andar (Parte 5)
  40. 40
    Tutorial 4º Andar (Parte 6)
  41. 41
    Tutorial 4º Andar (Parte 7)
  42. 42
    Tutorial 5º Andar (Parte 1)
  43. 43
    O Dia da Grande Harmonia (Parte 1)
  44. 44
    O Dia da Grande Harmonia (Parte 2)
  45. 45
    O Dia da Grande Harmonia (Parte 3)
  46. 46
    Tutorial 5º Andar (Parte 2)
  47. 47
    Tutorial 5º Andar (Parte 3)
  48. 48
    Tutorial 5º Andar (Parte 4)
  49. 49
    Tutorial 6º Andar (Parte 1)
  50. 50
    Tutorial 60º Andar (Parte 5)
  51. 51
    Tutorial 6º Andar (Parte 2)
  52. 52
    Tutorial 6º Andar (História Secundária)
  53. 53
    Tutorial 6º Andar (Parte 3)
  54. 54
    Tutorial 60º Andar (Parte 6)
  55. 55
    Tutorial 61º Andar (Parte 1)
  56. 56
    Tutorial 11º Andar (Parte 1)
  57. 57
    Tutorial 11º Andar (Parte 2)
  58. 58
    Tutorial 12º Andar (Parte 1)
  59. 59
    Tutorial 12º Andar (Parte 2)
  60. 60
    Tutorial 12º Andar (Parte 3)
  61. 61
    Tutorial 12º Andar (Parte 4)
  62. 62
    Tutorial 12º Andar (Parte 5)
  63. 63
    Tutorial 12º Andar (Parte 4)
  64. 64
    O Dia da Grande Harmonia (Parte 4)
  65. 65
    O Dia da Grande Harmonia (Parte 5)
  66. 66
    O Dia da Grande Harmonia (Parte 6)
  67. 67
    Tutorial 60º Andar (Parte 7)
  68. 68
    Tutorial 12º Andar (Parte 7)
  69. 69
    Tutorial 12º Andar (Parte 8)
  70. 70
    Tutorial 12º Andar (Parte 9)
  71. 71
    Tutorial 12º Andar (Parte 10)
  72. 72
    Tutorial 12º Andar (Parte 11)